Dâmaso Salcede

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde maio de 2015). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Dâmaso Salcede
Personagem fictícia de Os Maias
Sexo Masculino
Características Baixo e gordo
Inimigo(s) Carlos da Maia
Criado por Eça de Queirós
Romance(s) Os Maias

Dâmaso Cândido de Salcede é uma personagem do romance Os Maias, de Eça de Queirós.

É caracterizado fisicamente como baixo e gordo. Era sobrinho materno de Guimarães e usava o apelido de sua mãe em lugar do de seu pai, da Silva, sendo a ele e ao seu tio que se devem, respectivamente, o início e o fim dos amores de Carlos com Maria Eduarda. Psicologicamente, é uma súmula de defeitos filho de um agiota, acusado por Guimarães de ser Judeu, comportando-se com presunção, cobardice e sem dignidade. É da sua autoria a carta anónima enviada a Castro Gomes, carta a qual revela o envolvimento de Maria Eduarda com Carlos. É dele também, a notícia contra Carlos publicada na "A Corneta do Diabo". Mesquinho, mentiroso e convencido, provinciano e tacanho, tem como única preocupação na vida o "chic a valer". Representa o novo-riquismo e os vícios da Lisboa da segunda metade do século XIX. O seu carácter é tão baixo que se deixa obrigar por Carlos e Ega a retratar a si próprio, publicamente por carta, entre outras coisas, como um bêbado, só para evitar bater-se em duelo com Carlos.

É apresentado a este por João da Ega que o havia conhecido anteriormente, pois Dâmaso, sendo amigo íntimo dos Cohen, poderia ser útil a Ega, numa altura em que o poeta mantinha o seu romance com Raquel Cohen.

Dâmaso, nascido na burguesia, arvora-se ares de chique e conquistador. Vive a propagandear suas conquistas amorosas, apesar de muitas vezes estas serem maiores do que a realidade.

Personagem fofoqueiro e afeito a intrigas, mostra sua face mais nojenta ao se sentir rejeitado pela personagem principal, Carlos da Maia.