Dólar do Zimbábue

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Dólar do Zimbabwe

abwe

Zimbabwean dollar em inglês
Dados
Código ISO 4217 ZWD
Usado  Zimbabwe
Inflação 231 000 000% (2008)
Reserve Bank of Zimbabwe, 2009
Sub-Unidade
1/100

cêntimo
Símbolo $
Plural dólares zimbabueanos
Moedas Não disponível
Notas $1, $5, $10, $20, $50, $100, $500 (entre várias outras cédulas) e a maior delas - $100,000,000,000,000
Banco central Reserve Bank of Zimbabwe
[1]
Fabricante Não disponível
Dólar zimbabueano de 1983. Atualmente, uma nota de Z$ 2, como essa, tem apenas valor numismático.

O dólar zimbabueano foi a moeda nacional do Zimbabwe, entre os anos de 1980 e 2009. Seu código era ZWD e era normalmente abreviado como Z$.

Como uma das moedas mais desvalorizadas do mundo, devido ao colapso da economia do país, em julho de 2007, foi lançada a cédula de 200 mil dólares zimbabueanos, que apesar do elevado valor de face, era capaz de comprar pouco mais do que um quilo de açúcar. No mercado paralelo, a moeda, quando do seu lançamento, era cotada a 1 dólar americano.[1] Menos de um ano depois foi necessário o lançamento de uma moeda com valor de face de 500 milhões.[2]

Em janeiro de 2009, foram emitidas notas da família "Trillion Dollar", que já eram impressas com valores nominais de 10, 20, 50 e 100 trilhões de dólares zimbabueanos.[3]

Esta moeda já sofreu duas reformas monetárias, sendo que na primeira houve o corte de 3 zeros e na segunda, ocorrida em agosto de 2008, foi efetuado o corte de 10 zeros, medida insuficiente para o controle da hiperinflação, que está em um nível de descontrole tão alto a ponto de superar o fenômeno hiperinflacionário ocorrido na Hungria logo após a Segunda Guerra Mundial.

O dólar zimbabueano foi suspenso oficialmente pelo governo em 2009, devido à hiperinflação[4], sendo substituído oficialmente pelo dólar dos Estados Unidos (US$). Contudo, usualmente são adotados o rand Sul-Africano (R), o pula do Botswana (P), a libra esterlina (£) e o euro (€).

Cédula de 100 trilhões de dólares, emitida em 2008. Foi a nota com maior valor já emitida.

Oficialmente o dólar zimbabueano foi desmonetizado em 30 de setembro de 2015, logo após uma conversão em série de todo papel-moeda disponível em circulação. Através de uma taxa fixa, as cédulas eram trocadas por dólares americanos, na proporção de 35 quatrilhões por 1 dólar americano, ou 175 quatrilhões por 5 dólares americanos. [5]

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre numismática é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.