D.C. United

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
D.C. United
Escudo do D.C. United
Nome D.C. United
Alcunhas DCU,[1] Black-and-Red[1][2][3]
Mascote Águia-americana[4]
Fundação 1995
Estádio RFK Stadium
Capacidade 56 692 pessoas[5] [nota 1]
Localização Washington, D.C., Estados Unidos
Presidente Indonésia Erick Thohir
Estados Unidos Jason Levien
Japão Will Chang [7]
Treinador Estados Unidos Ben Olsen[8]
Patrocinador Estados Unidos Leidos[9]
Material esportivo Alemanha Adidas
Competição Estados Unidos Major League Soccer
2015 Conferência Leste:
Geral:
Playoffs: ESF
Website dcunited.com
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
titular
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo
Temporada atual
Escudo anterior do D.C. United

O District of Columbia (DC) United, ou mais conhecido como D.C. United é uma equipe americana de futebol da cidade de Washington, D.C..

História[editar | editar código-fonte]

Origens[editar | editar código-fonte]

Como todos os outros times da MLS (a liga de futebol estadunidense), o D.C. United tem uma história curta, mas vitoriosa. Surgido em 1995, foi um dos fundadores da MLS em 1996, que teve seu primeiro campeonato disputado nesse mesmo ano. A sigla DC significa District of Columbia (Distrito de Colúmbia), onde fica localizada a capital estadunidense, Washington, D.C..

Títulos[editar | editar código-fonte]

Em seu primeiro ano fez o Double ("Duplo" ou "Dupla", em inglês; popular "dobradinha" no Brasil), isto é, venceu as duas mais importantes competições locais: a MLS Cup e a US Open Cup. Voltaria a vencer a MLS Cup em 1997, 1999 e 2004. Venceria ainda por quatro vezes a MLS Supporters' Shield em 1997, 1999, 2006 e 2007. Voltou a vencer a US Open Cup em 2008 e 2013. Venceu também a primeira MLS Reserve Division em 2005 de forma invicta com uma campanha consistida de 8 vitórias e 4 empates. A conquista de todos esses títulos faz com que o D.C. United seja, até agora, o maior vencedor da MLS.

Copa dos Campeões da CONCACAF e Copa Interamericana[editar | editar código-fonte]

Talon, a águia mascote do D.C. United

O D.C. United foi a primeira equipe estadunidense a vencer competições internacionais: a Copa dos Campeões da CONCACAF e a Copa Interamericana, ambas em 1998. Na primeira competição venceu, em um jogo único, a equipe mexicana do Toluca por 1x0. Já a segunda, foi disputada em duas partidas contra nada mais nada menos que o Vasco, então campeã da Copa Libertadores da América daquele ano que reunia um timaço com Juninho Pernambucano, Luizão e companhia. Perdeu a primeira por 1x0, mas venceu a segunda por 2x0, resultado que lhe deu o título.

Jogador designado e Liga dos Campeões da CONCACAF[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Liga dos Campeões da CONCACAF

O D.C. United contratou o seu primeiro jogador designado, conforme definido pela "Lei de Beckham", para a temporada 2008: o argentino Marcelo Gallardo.[10] A campanha realizada em 2007 (na qual conquistou o título da MLS Supporters' Shield) lhe deu o direito de participar da primeira Liga dos Campeões da CONCACAF, a ser realizada na temporada 2008-2009.

Copa Sul-Americana[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Copa Sul-Americana

O D.C. United foi a primeira equipe dos EUA e da MLS a participar de uma competição da CONMEBOL (a federação sul-americana de clubes), a Copa Sul-Americana. Esteve presente nas edições de 2005, onde quase pegou o Fluminense e em 2007. Mas acabou por ser eliminado nas oitavas-de-final nas duas ocasiões.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Poster de apoio ao D.C. United pendurado do lado do Robert F. Kennedy Memorial Stadium
Intercontinental
Competição Títulos Temporadas
Copa Interamericana 1 1998
Continental
Competição Títulos Temporadas
Copa dos Campeões da CONCACAF 1 1998
Nacionais
Competição Títulos Temporadas
MLS Cup.svg MLS Cup 4 1996, 1997, 1999, 2004
CommunityShield.png MLS Supporters' Shield 4 1997, 1999, 2006, 2007
Carling.png US Open Cup 3 1996, 2008, 2013
Estados Unidos MLS Reserve Division 1 2005
Regionais
Competição Títulos Temporadas
Estados Unidos Carolina Challenge Cup 4 2010, 2011, 2012, 2014
Estados Unidos Atlantic Cup 12 1996*, 1998*, 1999*, 2002, 2004, 2005, 2006, 2007, 2008, 2009, 2012, 2014
Conferência
Competição Títulos Temporadas
Estados Unidos MLS Eastern Conference (Playoff) 5 1996, 1997, 1998, 1999, 2004
Estados Unidos MLS Eastern Conference (Regular Season) 6 1997, 1998, 1999, 2006, 2007, 2014
Outros títulos
Competição Títulos Temporadas
Puerto Rico MLS-USL Challenge 1 2009
Estados Unidos ATX Pro Challenge 1 2015

* Não oficiais.

Campanhas de destaque[editar | editar código-fonte]

Internacionais[editar | editar código-fonte]

Nacionais[editar | editar código-fonte]

Elenco atual[editar | editar código-fonte]

Atualizado em 9 de janeiro de 2016.

Legenda
  • Capitão: Capitão


Goleiros
Jogador
1 Estados Unidos Tally Hall
28 Estados Unidos Bill Hamid Lesionado
30 Inglaterra Charlie Horton Lesionado
48 Estados Unidos Travis Worra
50 Estados Unidos Andrew Dykstra Lesionado
Defensores
Jogador Pos.
6 Estados Unidos Kofi Opare Z
15 Estados Unidos Steve Birnbaum Z
32 Estados Unidos Bobby Boswell Capitão Z
5 Estados Unidos Sean Franklin LD
17 México Miguel Aguilar LD
2 Estados Unidos Taylor Kemp LE
22 Estados Unidos Chris Korb Lesionado LE
Meio-campistas
Jogador Pos.
4 Finlândia Markus Halsti Lesionado V
7 Brasil Marcelo Sarvas V
8 Estados Unidos Davy Arnaud V
20 Estados Unidos Jalen Robinson V
34 Estados Unidos Luke Mishu V
11 Argentina Luciano Acosta M
14 Estados Unidos Nick DeLeon M
27 Estados Unidos Collin Martin M
34 Estados Unidos Luke Mishu M
Atacantes
Jogador
9 Costa Rica Álvaro Saborío
10 Argentina Fabián Espíndola
12 Gana Patrick Nyarko
13 Estados Unidos Lamar Neagle
18 Estados Unidos Chris Rolfe
Comissão técnica
Nome Pos.
Estados Unidos Ben Olsen T

Jogadores históricos[editar | editar código-fonte]

O boliviano Jaime Moreno, grande ídolo e maior artilheiro da história do D.C. United, com 132 gols marcados

Uniformes[editar | editar código-fonte]

Uniformes atuais[editar | editar código-fonte]

  • 1º uniforme: Camisa preta, calção e meias pretas;
  • 2º uniforme: Camisa branca, calção e meias brancas.


Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time

Uniformes dos goleiros[editar | editar código-fonte]

  • Camisa azul, calção e meias azuis;
  • Camisa verde, calção e meias verdes;
  • Camisa amarela, calção e meias amarelas.
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
'
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
'
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
'

Uniformes anteriores[editar | editar código-fonte]

Amistoso disputado entre D.C United e Real Madrid, em 2009
  • 2014
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Primeiro
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Segundo
  • 2012
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Primeiro
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Segundo
  • 2010
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Primeiro
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Segundo
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Terceiro
  • 2008
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Primeiro
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Segundo
  • 2006
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Primeiro
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Segundo

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

Broom icon.svg
Se(c)ções de curiosidades são desencorajadas pelas políticas da Wikipédia.
Ajude a melhorar este artigo, integrando ao corpo do texto os itens relevantes e removendo os supérfluos ou impróprios.

Notas

  1. 19 647 pessoas para partidas da MLS.[6]

Referências

  1. a b «"D.C. United"» (em inglês). MLSSoccer.com. Consultado em 18 de dezembro de 2015. 
  2. Montgomery, Matt (17 de julho de 2013). «"Brandon McDonald: The D.C. United perspective with Black and Red United"». RSL Soapbox. Consultado em 18 de dezembro de 2015. 
  3. «" Bryce Harper reps the Black-and-Red in an interview with CSN"» (em inglês). D.C. United. 12 de agosto de 2013. Consultado em 18 de dezembro de 2015.  line feed character character in |título= at position 2 (Ajuda)
  4. «"Mascot"» (em inglês). D.C. United. Consultado em 18 de dezembro de 2015. 
  5. «"Robert F. Kennedy Memorial Stadium"» (em inglês). StadiumDB. Consultado em 18 de dezembro de 2015. 
  6. «"D.C. United 2012 Media Guide"» (PDF) (em inglês). MLSSoccer. 25 de fevereiro de 2012. Consultado em 18 de dezembro de 2015. 
  7. Ozanian, Mike (11 de julho de 2012). «"Sale Of D.C. United To Billionaire's Son Values MLS Team At Record $50 Million"» (em inglês). Forbes. Consultado em 18 de dezembro de 2015. 
  8. Goff, Steven (30 de novembro de 2010). «"Ben Olsen named coach of D.C. United not long after being considered out of the running"» (em inglês). Washington Post. Consultado em 18 de dezembro de 2015. 
  9. «"Leidos becomes official sponsor of D.C. United"» (em inglês). D.C. United. 24 de fevereiro de 2014. Consultado em 18 de dezembro de 2015. 
  10. Goff, Steven (4 de abril de 2008). «"Gallardo Is United's Highest-Paid Player Ever"» (em inglês). Washington Post. Consultado em 18 de dezembro de 2015. 
  11. http://www.mlsnet.com/news/mls_news.jsp?ymd=20071016&content_id=123798&vkey=news_mls&fext=.jsp
  12. http://www.barra-brava.com/
  13. http://www.screaming-eagles.com/
  14. http://www.lanorte.cjb.net

Ligações externas[editar | editar código-fonte]