Dafra

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

CKD

Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde junho de 2017).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde janeiro de 2014). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Dafra Motos
'
Empresa privada
Atividade Automobilística
Fundação 2007
Sede Brasil Manaus
Empregados Mais de 500
Produtos Motocicleta, Motoneta
Website oficial Daframotos.com.br

Dafra Motos, ou apenas Dafra, é uma empresa brasileira de motocicletas fundada em 2007 pelo Grupo Itavema.[1]

História[editar | editar código-fonte]

A Dafra motos foi fundada no ano de 2007 utilizando o conceito "CKD" (completely knocked down) ou seja, trazendo as motos desmontadas das fabricantes asiáticas Loncin, Lifan e Zongshen e montando-as em Manaus no Brasil, onde mantém sua fábrica.

No início da produção seus componentes eram na grande maioria importados da China mas após a quebra de parceria com as empresas fornecedoras, a Dafra buscou novos parceiros, hoje a Dafra motos da amazonia tem como parceira a TVS Motors Company da Índia (terceira maior fabricante de motos na Índia), Haojue (fabricante das motos Suzuki na china), BMW Motorrad, Ducati, MV Agusta, KTM e a SYM Motors, buscando aprimoramento dos seus produtos.

Para atender o mercado nacional, a DAFRA construiu no polo industrial de Manaus (Amazonas) uma unidade montadora que possui 170 mil m² de terreno, sendo 35 mil m² de área construída. A montadora conta atualmente com mais de 500 funcionários e capacidade produtiva anual de 300 mil motocicletas.

Modelos[editar | editar código-fonte]

Mais sobre o o modelo Kansas 250:

Kansas 250: Talvez a mais desejada das motos fora de linha a Dafra Kansas 250 lembra e muito a yamaha virago 250 ( por que são basicamente a mesma moto), seu projeto foi inspirado na yamaha virago tendo em comum uma série de peças que servem em ambos modelos. O projeto nacional da Virago contém atualizações que deixaram o modelo atraente eficiente como por exemplo freio a disco na roda traseira e rodas de liga leve. O conhecido motor em V com dois cilindros dá a Dafra Kansas 250 o estilo Custom clássico, seus cromados e detalhes como tanque projetado a frente dão a identidade visual característico das motos customs.  O motor bicilíndrico em V, com 248,7 cm³, comando simples no cabeçote e refrigerado a ar, gera 21 cv de potência a 7.000 rpm e 2,35 kgfm de torque a 6.000 rpm. A alimentação é feita por um único carburador. Mesmo sem a injeção eletrônica o sistema de alimentação funcionou muito bem, sem falhas ou engasgos. O que é elogiável na Kansas 250 é a capacidade de retomada de velocidade. Em trechos de estrada, por exemplo, não é necessário recorrer a reduções no câmbio de cinco marchas.

A nova Dafra Kansas 250, maior modelo da linha, coincidentemente é bastante semelhante à Delta LF 250, do grande fabricante chinês Lifan, com quem a montadora nacional tem um acordo de cooperação e importação. Essa, por sua vez, é um perfeito clone da Yamaha Virago 250 (apelidada de Viraguinho), que já foi vendida com sucesso no Brasil. Como o padrão visual das motos do estilo custom não sofre grandes alterações, como aliás exige o consumidor, a nova Kansas 250 é perfeitamente atual e atraente em seu segmento.

A fórmula de muitos cromados, banco bipartido de dois andares e motor dois cilindros em V, está presente. Outra característica da nova Dafra Kansas 250 é o guidão curvado, estilo chifre de boi, que permite uma ergonomia de pilotagem com braços mais altos. Já os pés ficam mais esticados, por conta de pedaleiras avançadas. O banco individual é mais baixo para o piloto (810 mm) e tem um encosto para a garupa (sissy bar), proporcionando mais conforto em trajetos longos.

O propulsor, do tipo quatro tempos, com carburador e 248,7 cm³, também com partes cromadas, segue a tradicional receita custom de dois cilindros em V, desenvolvendo potência de 21 cv a 7.000 rpm e torque de 2,35 kgfm a 6.000 rpm. A refrigeração é a ar e o câmbio tem cinco marchas. As rodas são de liga leve, com seis raios, e os freios a disco ventilados nas duas rodas, com acionamento hidráulico e mangueiras revestidas (tipo aeroquip), para reduzir a dilatação e melhorar a eficiência.

O painel, também dentro do estilo, fica no guidão, com relógio único e cromado, assim como a capa do farol arredondado. Os escapes, um para cada cilindro, ficam do lado direito, e são, obviamente, cromados. A suspensão dianteira é telescópica, com 140 mm de curso. A suspensão traseira tem dois amortecedores, com apenas 55mm de curso, para castigar a coluna e os rins do piloto. O tanque, em estilo gota, comporta 9,5 litros, incluída a reserva, e o peso a seco é de 137 kg

CONFORTO

A posição tipicamente custom é confortável, Já que os bancos do piloto e garupa são bem posicionados feitos para longos trajetos. Para colaborar com a vida do garupa o encosto lombar (sissy-bar) vem como equipamento de série na Kansas 250.

Disponibilidade de peças é relativamente boa pois ao utilizar as mesmas peças que a yamaha virago 250 a Dafra kansas te grande penetração no setor de moto peças o que facilita encontrar peças de reposição. um exemplo simples é o filtro de óleo que é o mesmo da virago e compatível com o da yamaha teneré.

Segue uma lista de compatibilidades como amostra:

- Amortecedores: Strada (CBX200), mas é necessário retirar a bucha de metal e fixar direto na borracha do amortecedor;

- Amortecedores: Kasinski CruiserII .Também precisa retirar o anel no meio da bucha e já vem cromado;

- Bateria: CB 400/450 (marca Soyoz) Yuasa. Essa é de 12 amperes, mais forte que a original.

- CDI: CB500/450 também é caro… Tem que fazer algumas adaptações, mas qualquer mecânico sabe fazer;

- Cabo de Velocímetro: XT600 ou da DT180 Z (Encaixa perfeito);

- Relação: Teneré ou XT600 45 dentes. Aumenta a velocidade final da moto, porém perde em arrancada – (Alguns irmão preferem a Riffel do que a VAZ);

- Miolo da Ignição: Ténéré 600 ou YBR;

- Filtro de Óleo: XT600 ou XV535 – Cuidado! Existem um filtros paralelos de mais baratos que é aconselhável trocá-lo a cada troca de óleo e não a cada 2 trocas;

- Lona de Freio: YBR ou Fischer XV250S;

- Flexivel do freio a disco: É só parar numa loja de peças e pedir um flexível com 96 cm. Os encaixes são padrão.

- Pastilhas do freio dianteiro da virago (XV250 S (L) IMPORTADA) , podem ser substituídas pelas pastilhas da moto YAMAHA RX 180.

- Pistão: Biz, mas tem que retificar, pois o de Biz e 2mm maior;

- Retificador: CB400 - Leve em um mecânico confiável, pois a ligação errada pode danificar o CDI (Funciona perfeitamente);

- Velas: (CR6HS) da Biz C6HSA (não Resistiva) ou Bosh U5AC, que é resistiva NGK da Biz funciona, mas pode gerar interferência, da Bosh é resistiva, dê preferência;

- Manete de embreagem: RDZ ;

- Pneu Dianteiro: A Medida do Pneu dianteiro da Virago 250 é o mesmo do traseiro da CG ou YBR, ou seja, 90/90/18;

- Escovas do motor de partida são as mesmas da Ybr, xt225

Algumas outras dicas de mecânicos:

Chave de IgniçãoChaves de Toyota, Honda ou Kawasaki

Junta da Tampa Lateral DireitaYAMAHA Virago 250 - Ref. 081TLD0002

Disco de EmbreagemYAMAHA Virago 250 - Ref. 081EMB0020

Disco de Embreagem B Externo e InternoYAMAHA Virago 250 - Ref. 081EMB0028

Filtro de ÓleoXT 600 / YAMAHA Teneré / YAMAHA Virago 250

Agulha da Bóia do CarburadorYAMAHA RD350

Bomba de CombustívelYAMAHA Virago 250

Torneira de CombustívelYAMAHA Virago 250

VelasNGK CR6HF (resistivas) ou iguais às da YAMAHA Virago 250

Junta de Vedação do EscapeXTZ 125

Cabo de EmbreagemYAMAHA Virago 250 ou bicicleta Ceci, em último caso - utilizar com safa-onça

Tampa Superior do Reservatório do Óleo (Plástica)HONDA (até 200 cc) - cortar a vareta de medição do óleo

Retentor da Bengala DianteiraXR 200 ou Twister 250

Junta da CubaVirago 250Molas Patim de Freio Traseiro

Fazer 250Pastilha de FreioYes 125

Relé de PartidaCG Titan/Twister 250Relé de PiscaCG 1999 (sem alerta sonoro)

Kit RelaçãoVAZ D000300T

Buchas da CoroaCG 150

Rolamento Da CoroaRef. 6004 (YBR 125)

Farol Yes 125Lona de FreioFYM - FY 250

Catálago de peças disponível em: https://web.archive.org/web/20160811060600/http://encontrapeca.com.br/catalogos/catalogo_DAFRA%20KANSAS%20250.pdf

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma empresa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.