Damarco

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
O pugilista de Quirinal (Museu das Termas, Roma)

Damarco (~400 a.C.), o Dinita, foi um herói olímpico da Grécia Antiga proveniente da Parrásia (Arcádia). Relatos lendários dizem que este pugilista assumiu a forma de um lobo após um sacrifício a Júpiter Liceu (epíteto de Zeus nas festas arcádias), voltando à condição humana nove anos após o fato, constituindo-se desta forma numa das mais antigas referências de licantropia. [1]

Etimologia[editar | editar código-fonte]

O nome Damarco é proveniente do grego dórico Δάμαρχος (em latim Damarchus) e significa alcaide. É composto pelas raízes das palavras δάμος (povo) e άρχος (chefe). Seu correlato em dialeto ático é Δήμαρχος.

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Pausânias. Descrição da Grécia, 6.8.2 - "Acredito apenas na vitória olímpica, por motivos óbvios, do pugilista parrásio de nome Damarco, apesar de os contadores de fábulas relatarem que após um sacrifício a Júpiter Liceu, tenha assumido a forma de um lobo, tornando às feições humanas nove anos depois. Penso que nem mesmo os arcádios se recordam deste fato, senão o teriam incluído na inscrição em Olímpia, a qual diz:-- Esta estátua é dedicada a Damarco, filho de Dinita, parrásio nascido em Arcádia."