Daniel Boorstin

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Daniel Boorstin
Nascimento 1 de outubro de 1914
Atlanta, Estados Unidos da América
Morte 28 de fevereiro de 2004 (89 anos)
Washington, D.C., Estados Unidos
Residência Atlanta
Nacionalidade Norte-americano
Cidadania Estados Unidos
Alma mater Harvard College, Balliol College, Yale Law School, Central High School, Universidade Harvard
Ocupação Escritor, historiador, professor e advogado
Prémios Prémio Pulitzer de História (1974)
Empregador Universidade de Chicago, Biblioteca do Congresso, Universidade de Cambridge, Instituto Smithsoniano, National Museum of American History, Swarthmore College
Causa da morte pneumonia

Daniel Joseph Boorstin (Atlanta, Geórgia, 1 de outubro de 1914Washington, D.C., 28 de fevereiro de 2004) foi um historiador, professor, advogado e escritor norte-americano. Foi diretor da Biblioteca do Congresso Americano entre 1975 e 1987.

Boorstin teve como uma de suas obras mais importantes o livro The Image [A imagem], no qual trata das influências das mídias no comportamento social.

O autor se debruça, sobretudo, sobre a questão dos pseudo-eventos que conceitua como criações da mídia para patrocinar a imagem pública das celebridades, que por sua vez são conhecidas apenas por suas imagens e não por seus atos ou feitos.

Recebeu o Prémio Pulitzer de História em 1974 por The Americans: The Democratic Experience.

Obras[editar | editar código-fonte]

Livros[editar | editar código-fonte]

  • The Mysterious Science of the Law: An Essay on Blackstone's Commentaries (1941)
  • The Lost World of Thomas Jefferson (1948)
  • The Genius of American Politics (University of Chicago Press, 1953)
  • The Americans: The Colonial Experience (1958)
  • America and the Image of Europe: Reflections on American Thought (1960)
  • A Lady's Life In The Rocky Mountains: Introduction (1960)
  • The Image: A Guide to Pseudo-events in America (1962)
  • The Americans: The National Experience (1965)
  • The Landmark History of the American People: From Plymouth to Appomattox (1968)
  • The Decline of Radicalism: Reflections of America Today (1969)
  • The Landmark History of the American People: From Appomattox to the Moon (1970)
  • The Sociology of the Absurd: Or, the Application of Professor X (1970)
  • The Americans: The Democratic Experience (1973)
  • Democracy and Its Discontents: Reflections on Everyday America (1974)
  • The Exploring Spirit: America and the World, Then and Now (1976)
  • The Republic of Technology (1978)
  • A History of the United States with Brooks M. Kelley and Ruth Frankel (1981)
  • The Discoverers|The Discoverers: A History of Man's Search to Know His World and Himself (1983)
  • Hidden History (1987)
  • The Creators: A History of Heroes of the Imagination (1992)
  • O nariz de Cléopatra: ensaios sobre o inesperado - no original Cleopatra's Nose: Essays on the Unexpected (1994)
  • The Seekers: The story of man's continuing quest to understand his world (1998)

Referências gerais[editar | editar código-fonte]

  • BRIGGS, Asa e BURKE, Peter. Uma história social da mídia – de Gutenberg à Internet. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editor. 2002.
Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Daniel Boorstin
Ícone de esboço Este artigo sobre História ou um(a) historiador(a) é um esboço relacionado ao Projeto História. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.