Danity Kane

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Danity Kane
A formação original do Danity Kane em uma sessão de autógrafos em Chicago, Illinois, em etembro de 2006. Da esquerda para a direita: D. Woods, Aundrea Fimbres, Dawn Richard, Aubrey O'Day e Shannon Bex.
Informação geral
Também conhecido(a) como DK
Origem Nova Iorque, Nova Iorque
País  Estados Unidos
Gênero(s)
Período em atividade 2005 - 2009
2013 - 2014
Gravadora(s) Epic/Bad Boy/Atlantic/Warner Music
Afiliação(ões) Diddy, Yung Joc, Missy Elliott, Day26, T.I., Rick Ross, Lil Wayne
Ex-integrantes Shannon Bex
Aubrey O'Day
Dawn Richard
D. Woods
Aundrea Fimbres
Página oficial DanityKane.com

Danity Kane foi um girl group americano formada no programa "Making the Band" da MTV em 2005. O grupo era originalmente um quinteto composto por Aubrey O'Day, Wanita "D. Woods" Woodgett, Shannon Bex, Dawn Richard e Aundrea Fimbres.

O álbum de estréia auto-intitulado foi lançado em 2006 e alcançou sucesso nos Estados Unidos, vendendo um milhão de cópias no mercado interno,[1] foram lançados dois singles top 10 "Show Stopper" e a balada "Ride for You". Seu segundo álbum de estúdio, Welcome to the Dollhouse, foi lançado em 2008, após o lançamento de seu segundo single top 10 "Damaged".[2] A banda tornou-se o primeiro grupo feminino da história a estrear seus dois primeiros álbuns no topo das paradas da Billboard.[3]

Apesar do sucesso inicial, a tensão no grupo levou a uma reunião com Diddy, onde, em outubro de 2008 no episódio final da quarta tempora de Making the Band , ele tirou O'Day e Woodgett do grupo. Os três membros restantes do grupo continaram com eventos promocionais já programados antes da dissolução oficial no início de 2009.[4] Mais tarde todos os membros do grupo foram finalmente liberados de seus contratos com a Bad Boy Records. Em 2013, quatro dos cinco membros do grupo (O'Day, Bex, Richard e Fimbres) se reuniram e fizeram um anúncio oficial em relação à sua reunião no MTV Video Music Awards de 2013.[5]

Historia[editar | editar código-fonte]

2004-2005: Making the Band 3[editar | editar código-fonte]

Em 2004, o produtor Diddy voltou com Making the Band 3, desta vez procurando formar um grupo feminino.[3] Com a ajuda da coreógrafa Laurie Ann Gibson, o treinador vocal Doc Holiday e o gerente de talentos Johnny Wright, ele partiu em uma busca a multi-cidade e escolheu 20 jovens cantores de quase 10.000 candidatas.[3][6] Enquanto sete candidatas permaneceram, Combs tornou-se o descontentente com o nível de talentos restantes na competição e, finalmente, decidiu não formar uma banda.[3] Ele, no entanto, deu um uma chance a três concorrentes que sentiu que mereciam outra chance, inclusive as melhores amigas Aubrey O'Day e Aundrea Fimbres, cujo vínculo estreito formou-se originalmente no início da temporada.[3] As três concorrentes foram escolhidas na primeira a apareceram na 2ª temporada do show.[3]

Depois, Combs, mais uma vez pressionou a equipe para fazer um teste de novas jovens para o grupo.[3] Finalmente, 20 candidatas foram escolhidas e se mudou para um loft em Nova Iorque.[3] Os espectadores investiram na amizade de O'Day e Fimbres, nomeando-o "AUs" e "Aubrea" (junção de seus primeiros nomes juntos), enquanto observavam as duas competindo mais uma vez para as posições no grupo.[3][7] Como os desafios da concorrência aumentaram, a amizade delas parecia tornar-se a base sobre a qual o grupo estava sendo construído.[3] Além disso, O'Day surgiu como estrela do show.[3][6]

Depois de semanas de aulas de dança e canto, aparições promocionais, e uma performance em frente a 10.000 pessoas em um concerto do Backstreet Boys no Nissan Pavilion em Bristow, VA, 11 participantes permaneceram, inclusive O'Day e Fimbres.[3] As finalistas foram mandadas para casa por três meses, e retornar para a reta final em novembro de 2005.[3]

No final da segunda temporada, em 15 de novembro de 2005, o show quebrou recordes para a MTV como milhões de telespectadores assistindo para ver o grupo sendo formado oficialmente.[3] Cinco das 11 participantes restantes foram escolhidas: O'Day foi a primeira, Wanita "D. Woods" Woodgett a segunda, Shannon Bex a terceira, Dawn Angeliqué Richard foi a quarta e Fimbres a última.[3] Na terceira temporada de Making the Band foi mostrado o desenvolvimento da nova banda - a partir de então o grupo passou a ser conhecido como "Danity Kane".[8] O grupo viria a ser apresentado na segunda e terceira temporadaa de Making the Band 4 com a nova boy band Day26, também com o novo artista solo Donnie Klang.

2006-2007: Danity Kane[editar | editar código-fonte]

Depois de meses de gravação, álbum de estréia da banda Danity Kane foi lançado com críticas mistas em 22 de agosto de 2006, no Estados Unidos. Produzido por Timbaland, Scott Storch, Rodney Jerkins, Mario Winans e Ryan Leslie, entre outros, o álbum vendeu mais de 90.000 cópias no primeiro dia de lançamento , e mais de 234 mil na primeira semana de lançamento.[9] Ele finalmente estreou no número um na U.S. Billboard 200 Albums Chart, batendo a veterana Christina Aguilera com 11Back to Basics.[9] O álbum recebeu uma certificação de platina da RIAA em novembro de 2006.[10] O primeiro single do álbum "Show Stopper", produzido por Jim Jonsin, foi lançado nas rádios em 4 de agosto de 2006, e, posteriormente, estreou no número 17 na Billboard [Hot 100]], que entretanto chegou ao número 8 nesse gráfico particular.[11] Fora dos Estados Unidos, a canção se tornou um sucesso no top-30 na Alemanha e Lituânia. A seleção para o segundo single do álbum, "Ride for You" que foi produzido por Bryan-Michael Cox, foi influenciado por uma votação de fãs que deu votaram através de e-mails, MySpace, e o site oficial do grupo. O vídeo da música para a canção estreou no Total Request Live da MTV em 5 de dezembro de 2006, no mesmo dia, a banda lançou uma canção natalina chamada "Home for Christmas", que foi escrita por um membro do grupo, Dawn Richard.[12]

Entre fevereiro de 2007 a ​​maio de 2007 Danity Kane se apresentou como um ato de abertura, juntamente com o Pussycat Dolls, na turnês de Christina Aguilera Back To Basics Tour. Entretanto, a banda intensificou os trabalhos em seu segundo álbum, que estava inicialmente previsto para ser lançamento em 2007, mas acabou sendo adiado para 2008.[13]

Os rumores de dissolução[editar | editar código-fonte]

Desde a criação do grupo em 2005, Danity Kane foi atormentado por rumores sobre o fim do grupo.[3] Tal especulação existia, devido à origem do grupo de ser construído a partir de um reality show, a sua gestão, a gravadora e mentor.[3]

No verão de 2007, durante um hiato entre o primeiro e o segundo álbun, especulação por fãs e pela mídia circulou na Internet sobre a possibilidade de Danity Kane se dividir. Os rumores foram alimentados por citações fora de contexto (principalmente quando Aubrey O'Day foi questionado por TMZ[14] sobre sua relação com o grupo feminino pop de sucesso Pussycat Dolls e seu programa de televisão Pussycat Dolls Present: The Search for the Next Doll[15]) e pelo trabalho dos membros do grupo fora do Danity Kane, desde o lançamento de seu álbum de estréia. D. Woods tinha associação com outro grupo de garotas, The Girl's Club, foi especificamente citado como adicionar credibilidade aos rumores de separação.[3] Additionally, reports of solo careers and of new groups forming from various combinations of members of the group were rampant.[3]

Ao longo desses rumores, os membros do Danity Kane, muitas vezes publicaram respostas pessoais on-line para as especulações de separação.[16] Em 25 de julho de 2007, Danity Kane lançou um comunicado em sua página oficial no MySpace afirmando que elas ainda estavam juntas e trabalhando em seu segundo álbum.

2007-2008: Welcome to the Dollhouse[editar | editar código-fonte]

Ao fazer várias aparições solo em álbuns de outros artistas durante o outono de 2007, Danity Kane foi destaque na segunda temporada da quarta iteração do Making the Band, que estreou 28 de janeiro de 2008 na MTV, onde cantor solo Donnie Klang, Day26, e as meninas, escreveu seus álbuns juntos.

"Damaged", foi eleito o primeiro single de seu segundo álbum Welcome to the Dollhouse, foi oficialmente lançada como single digital em 29 de janeiro de 2008. O videoclipe foi nomeado para o MTV Video Music Award para "Melhor Vídeo Pop" e "Melhor dança em um vídeo", mas perdeu para "Piece of Me" da Britney Spears e "When I Grow Up" do Pussycat Dolls respectivamente. Welcome to the Dollhouse, foi finalmente lançado em 18 de março de 2008 nos Estados Unidos, onde estreou no número um na Billboard 200, com a primeira semana de vendas de 236 mil cópias (2.000 unidades a mais do que o seu auto-intitulado álbum de estréia).[17] O álbum acabou por receber uma certificação de ouro da RIAA em abril de 2008. Em 28 de setembro de 2008, o álbum vendeu um total de 546.790 cópias. Em uma entrevista de maio de 2008 com Kiwibox.com, Danity Kane revelou que o próximo single de "Damaged" seria "Bad Girl".[18]

Na segunda final da temporada de Making the Band 4, foi anunciado que Danity Kane realizaria uma turnê em 2008 e seria destaque na próxima temporada de Making the Band, como Diddy afirmou. A terceira temporada de Making the Band 4 estreou na MTV em 19 de agosto de 2008. Cerca de uma semana depois, as meninas foram destaque em uma entrevista com o Z100 no Festival de Dança Beatstock. Eles disseram que estavam planejando lançar outro single depois de "Bad Girl". Isso foi antes da partida de O'Day e Woods.

2008-2009: Dissolução[editar | editar código-fonte]

Em meados de 2008, antes da partida do O'Day e Woods, Danity Kane planejado para começar a pré-produção de seu terceiro álbum de estúdio, que teria começado em janeiro de 2009.[19] Nesse meio tempo, Danity Kane lançou uma linha de jeans através de Dollhouse. Em Russell Simmons Plastic Caixa Internacional, a decisão foi tomada para caracterizar a imagem do Danity Kane nos cartões de débito Visa. O grupo também tinha sido parte de uma nova campanha para o PETA (Pessoas pelo Tratamento Ético dos Animais). Coletivamente, como um grupo, havia planos para uma linha de perfumes, roupas e maquiagem.[19] Richard tinha desenvolvido uma história em quadrinhos baseada no super-herói do grupo com base em seu nome, que foi destinado para lançamento em algum momento de 2009.[20][21]

No entanto, em 28 de janeiro de 2009 em entrevista com a MTV News, Richard anunciou que o grupo se desfez.[4] Richard explicou que Combs convidou todas as mulheres a voltar para a temporada de 2009 do Making the Band e que apenas duas delas apareceram. "Isso muda [nossa situação] completamente", disse ela.[4] "Nós temos fãs lá fora que amam Danity Kane. Nós amamos Danity Kane. É difícil. Estamos sentados aqui tentando fazer sentido agora. É difícil. Vamos colocar nessa posição que nós não pedimos para ser e estamos sendo orientadas a corrigi-lo".[4]

Os dois membros dispostos a continuar dentro do grupo foram Richard e Fimbres. Shannon Bex não apareceu. Na série e em uma entrevista anterior, ela havia declarado explicitamente seu descontentamento com Danity Kane sendo dividido.[22] "Eu não sei por que [Bex]", disse Richard.[4] "Eu acho que ela está muito feliz. Eu não quero sequer tentar respondê-la porque isso não é justo com ela. Que eu não [falado com ela], mas eu ouvi dizer que ela está indo bem com o marido e ela tem uma casa. Eu a amo, mas eu não sei".[4] Richard ficou surpreso que apenas dois membros mostraram-se para mais uma temporada. "A coisa sobre isso ... Eu pensei que estávamos todos indo para voltar e falar, ou talvez se [O'Day] não voltar, porque eu não sei como [Combs] estava se sentindo sobre isso, se quatro de nós ficássemos juntas. Eu não sabia o que esperar. só sei que saí do avião e descobri que eu era a única que existia e [Fimbres] veio no dia seguinte".[4]

Ainda na descrença sobre as saídas de O'Day e Woods, bem como a especulação sobre a sexualidade de O'Day e sua próxima Playboy, Richard disse: "Eu ainda estou surpresa com tudo isso. Eu ainda estou tentando recuperar o primeiro fogo. Então, eu ainda estou confusa. Eu ainda não sei. estou apenas sendo honesta. Eu não tenho nenhuma ideia".[4]

Em 25 de fevereiro de 2009, O'Day disse à MTV News que ela não tinha certeza se Woods havia sido chamada de volta para a nova temporada de Making the Band, tanto quanto ela sabia, mas que ela mesma não foi convidada para voltar. "Bem, eu fui demitido e todas nós vimos isso", disse ela.[23] "Eu não tenho certeza sobre as outras meninas - que foram convidadas a voltar ou o que eles foram convidados à fazer - mas, obviamente, não seria convidada a voltar se eu fui demitida".[23]

O'Day transmitiu a sua esperança de que os fãs continuem a honrar o grupo que "fez dela uma estrela".[23] "Danity Kane era um grupo maravilhoso, e como todas as coisas, nada é para sempre", disse ela.[23] "Nós tivemos uma grande corrida e fomos muito bem sucedidos. Podemos não ter a resposta para os nossos fãs, o que é decepcionante, mas nós tentamos, e isso é mais do que um monte de gente".[23] O'Day disse que se ela está buscando a sua própria carreira como artista solo, ela nunca recusaria a chance de subir no palco com seus ex-companheiros de banda. "Eu tenho muito respeito por essa situação, se houvesse interesse em voltar ... e fazer música com as meninas, eu nunca diria não para algo assim", disse ela.[23] "No que diz respeito à outra negatividade, eu realmente só optei por não comentar", disse O'Day.[23] "Eu escrevi um blog sobre a minha página do MySpace, e se alguém quiser saber como eu me sinto, eles podem ir lá".[23] O'Day depois parecia ter mais de um sentimento positivo sobre toda a situação. Ela declarou: "Depois de ser expulso, eu aprendi que você tem que lutar para ficar feliz, e que leva o perdão de si mesmo".[24]

Os espectadores puderam ver o desaparecimento contínuo da banda na terceira temporada do Making the Band 4, que estreou em 12 de fevereiro de 2009.[4] Durante o episódio de 26 de fevereiro de 2009, assim como a temporada inteira, os telespectadores viram Richard e Fimbres ansiosas para continuar com grupo unido e com a esperança de trabalhar com Bex novamente.[25] Esta ânsia eventualmente terminou em 16 de abril de 2009. Nos primeiros cinco minutos do episódio, Combs disse Richard e Fimbres durante uma reunião que ele lançou O'Day e Woods, juntamente com a Bex, a partir de seus contratos, e iria lançar Fimbres também. Ele disse a Richard que ela permanecerá na gravadora e que, se existem quaisquer planos futuros para uma nova Danity Kane, ela seria o único membro à retornar.[26][27][28]

Em 23 de abril de 2009, os espectadores estavam esperando para ver todos os cinco membros do Danity Kane para a segunda parte do final para saber se Danity Kane seria, sem dúvidas, removido da gravadora Bad Boy ou se elas teriam um "novo começo" Combs como afirmado na primeira parte da final.[26] Durante a final, Fimbres não apareceu.[29] Bex explicou que Fimbres não apareceu porque Fimbres "tinha sido através suficiente" turbulência emocional com o grupo e queria ficar em casa com a família.[29] Quanto a ela não aparecendo para a temporada de 2009 do Making the Band, Bex disse que era uma "escolha pessoal" e não era nada contra os fãs.[29] Woods disse que parte da razão para o fim do grupo foi devido a não ter uma "base sólida", quando começou (cinco estranhas que deveram ficar emocionalmente próximas) e que acabou por conduzir a problemas profissionais e pessoais com o grupo.[29] O'Day disse que perdoou a quem a expulsão do grupo, e as pessoas que a culpava pelo rompimento do grupo.[29] Quando perguntado se Danity Kane poderia ser um grupo de novo, O'Day disse que sim.[29] Woods e Bex disse não neste momento.[29] Combs disse que elas precisam de um "time out", por agora, especialmente para trabalhar em seu solo ou em carreiras alternativas, e que ele não vai reunir Danity Kane, a menos que o grupo seja composto por todos os cinco membros originais.[29]

Em 30 de abril de 2009, um especial intitulado "The Rise and Fall of Danity Kane" foi ao ar na MTV. O especial foi uma história em profundidade mostrando como o grupo se uniu e se separou.[3] Ele argumentou que o rompimento de amizades e novas amizades construídas no lugar de velhas amizades (O'Day e Fimbres tornando-se distante; O'Day se aproximando mais de Woods e Fimbres mais com Bex), bem como problemas de insegurança de cada membro, foram fatores para o fim do grupo. Além disso, todas, exceto Bex foi especuladas como causadoras para o fim do grupo.[3]

2013-14 Reunião, DK3 e segunda Dissolução[editar | editar código-fonte]

Em maio de 2013, O'Day, Bex, Richard e Fimbres iniciaram conversações sobre uma possível reunião e desde então, publicaram fotos do grupo em estúdio de gravação.[30][31] O membro original do grupo D. Woods não vai participar da reunião, embora nenhuma razão foi dada, ela declarou: "Foi trazido à minha atenção que os meus ex-membros do grupo Danity Kane vão se reunir e eu não vou fazer parte da reunião, eu gostaria que as senhoras bênçãos e muito sucesso em seus empreendimentos".[32][33] Um anúncio em relação ao seu reencontro foi feita no 2013 Video Music Awards na MTV.[5]

Durante o pré-show 2013 MTV VMA, os quatro membros restantes do Danity Kane anunciaram que estavam de volta, retornando em seus próprios termos, sem o homem que os formaram no Making the Band 3 na MTV. Eles anunciaram o lançamento de seu novo single, intitulado "Rage", produzido pelos mesmos produtores que foram responsáveis ​​pela maior single do Danity Kane, até à data, "Damaged". Em 28 de Maio de 2014 lançam seu novo single " Lemonade " com a participação do rapper Tyga, Fimbers anuncia que deixaria o grupo para se dedicar a família, tornando o grupo um trio.Em 4 de Agosto em um estúdio de gravação em Los Angeles houve um desentendimento entre Richard e O'Day, depois de dias de especulações, Bex e O'Day anunciam a separação do grupo.Em 24 de Setembro de 2014, Bex e O'Day vem a público para anunciar que mesmo com a ruptura do grupo, o terceiro álbum intitulado DK3 seria realizado em 28 de outubro de 2014.

Integrantes[editar | editar código-fonte]

Membros 2005 2006 2007 2008 2009 2013 2014
Shannon Bex
(2005 – 2009, 2013 -14)
Aundrea Fimbres
(2005 – 2009, 2013 -14)
Aubrey O'Day
(2005 – 2008, 2013 -14)
Dawn Richard
(2005 – 2009, 2013 -14)
D. Woods
(2005 – 2008)
  • Nota: aqueles em negrito são os atuais membros.

Discografia[editar | editar código-fonte]

Álbuns de estúdio
2006: Danity Kane
2008: Welcome to the Dollhouse
2014: DK3

Turnês[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «RIAA Certifications». Billboard. Consultado em 23 de junho de 2007 
  2. «Diddy, Beyonce, Ne-Yo Make 'Spotlight Live' New York's Hot Tuesday-Night Ticket». MTV News. Consultado em 31 de julho de 2012 
  3. a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u Making the Band/The Rise and Fall of Danity Kane, MTV (2009-04-30). Retrieved on 2009-04-30.
  4. a b c d e f g h i Vena, Jocelyn (28 de janeiro de 2009). «Danity Kane Are Over, Dawn Richard Says. 'It's devastating for me,' Richard says of the 'Making the Band' group's dissolution». MTV. Consultado em 29 de janeiro de 2009 
  5. a b «Danity Kane Will Reunite At MTV VMAs, Release New Promo Picture Ahead Of Show». International Business Times. Consultado em 25 de agosto de 2013 
  6. a b «Aubrey O'Day MTV's Making the Band hottie gears up for more catfights and dance-offs.». Blender. Setembro de 2005. Consultado em 16 de outubro de 2008 [ligação inativa] 
  7. Aubrey O'Day / Heart On My Sleeve Shop «Aubrey O'Day» Verifique valor |url= (ajuda). aubreyoday.com 
  8. «Bad Boy's Diddy introduces Danity Kane». Gnextinc.com. Consultado em 16 de maio de 2011 [ligação inativa]
  9. a b «Outkast Take A Billboard Beating From Diddy's Danity Kane». VH1 News. Consultado em 19 de agosto de 2007 
  10. «RIAA Certifictaions». Billboard. Consultado em 19 de agosto de 2007 
  11. Gráfico ilegal entrouall Billboard.com - Artist Chart History - Danity Kane[ligação inativa]
  12. «D. Woods Clears Up Rumors». Rap-Up. Consultado em 19 de agosto de 2007 
  13. «Danity Kane Keeping The 'Show' Going On New CD». billboard. Consultado em 2 de abril de 2007 
  14. «Aubrey ditch's Danity for Dolls?». TMZ. Consultado em 13 de julho de 2007 
  15. «Aubrey O'Day to Join The Pussycat Dolls?». Rap-up.com. Consultado em 16 de maio de 2011 
  16. «Celebrating our one year online». AubreyOday.us. Consultado em 16 de maio de 2011 [ligação inativa] 
  17. Katy Hasty (26 de março de 2008). «Danity Kane Snags Second Straight No. 1 Album». Billboard. Consultado em 26 de março de 2008 
  18. Steven Horowitz (27 de maio de 2008). «Danity Kane Exclusive Interview». Kiwibox.com. Consultado em 3 de junho de 2008 [ligação inativa] 
  19. a b «Cópia arquivada». Consultado em 18 de fevereiro de 2016. Arquivado do original em 12 de fevereiro de 2009 
  20. «Danity Kane's MTV fame reels in marketers». Reuters. 10 de setembro de 2008. Consultado em 13 de setembro de 2008 
  21. «Danity Kane Launches Comic Book». Rap-Up. Consultado em 6 de janeiro de 2009 
  22. «Dawn Richard» (em espanhol). Consultado em 27 de abril de 2016  Parâmetro desconhecido |sitioweb= ignorado (|website=) sugerido (ajuda)
  23. a b c d e f g h Vena, Jocelyn (25 de fevereiro de 2009). «Aubrey O'Day 'Would Never Say No' To Danity Kane Reunion. 'Danity Kane was a wonderful group, and like all things, nothing is forever,' she says.». MTV. Consultado em 28 de fevereiro de 2009 
  24. «Danity Kane Girls Get Together, Solve Nothing». Gossip Girls. 24 de abril de 2009. Consultado em 30 de abril de 2009 [ligação inativa] 
  25. [1][ligação inativa]
  26. a b Making the Band, MTV (2009-04-16). Retrieved on 2009-04-16.
  27. Vena, Jocelyn (17 de abril de 2009). «Danity Kane's Aundrea Fimbres Fired By Diddy». MTV. Consultado em 16 de maio de 2011 
  28. «Cópia arquivada». Consultado em 18 de fevereiro de 2016. Arquivado do original em 29 de outubro de 2013 
  29. a b c d e f g h Making the Band, MTV (2009-04-23). Retrieved on 2009-04-23.
  30. http://www.tmz.com/2013/05/13/danity-kane-reunion-back-together-diddy-video-damaged-song/
  31. http://www.billboard.com/articles/columns/pop-shop/1561447/danity-kane-reunion-rumors-swirl-following-recent-meeting
  32. http://www.vibe.com/article/d-woods-confirms-she-wont-be-apart-danity-kane-reunion
  33. «Cópia arquivada». Consultado em 9 de agosto de 2014. Arquivado do original em 10 de dezembro de 2014 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Danity Kane