Dar-al-Makhzen (Rabat)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde fevereiro de 2012). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Dâr-al-Makhzen
Dar al Makhzen, Palácio Real
Entrada principal do palácio
Tipo palácio
Inauguração 1864 (154 anos)
Função atual Residência oficial do rei
Geografia
País  Marrocos
Cidade Rabat
Coordenadas 34° 0' 11" N 6° 50' 3" O
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Dar-al-Makhzen (Rabat)

O Dâr-al-Makhzen ou Dar al Makhzen é um palácio dos reis de Marrocos situado em Rabat, a capital do país. É a residência oficial dos monarcas marroquinos, mas tem funções sobretudo político-administrativas, pois o rei geralmente não reside lá de facto. O palácio localiza-se em Touarga (ou "cidade real"), a comuna urbana com estatuto especial da prefeitura de Rabat.

Construído em 1864, no lugar de um palácio mais antigo, é rodeado de uma muralha defensiva, com uma grande entrada principal que dá acesso a um vasto pátio, o Méchouar. O complexo é constituído pela "cidade do governo", que inclui uma mesquita e diversos edifícios ocupados por ministérios, por casernas da guarda, um colégio, um pequeno hipódromo e um campo de golfe privado. Todos os edifícios estão cobertos de telhas verdes, um material reservado em Marrocos à realeza marroquina e a edifícios religiosos muçulmanos, estão estruturados segundo o modelo das casas citadinas tradicionais e orientados para vastos jardins e pátios interiores muito ornamentados.

No complexo trabalham e residem cerca de 2 000 pessoas.

Notas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um palácio é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.