Daryl Dixon

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Daryl Dixon
Personagem de The Walking Dead
Daryl Dixon.jpg
Daryl Dixon sendo interpretado por Norman Reedus na série de televisão.
Sexo Masculino
Família Merle Dixon (irmão)
Criado por Frank Darabont
Robert Kirkman
Seriado(s) The Walking Dead
Primeira aparição "Tell It to the Frogs"
Interpretado por Norman Reedus
IMDb IMDb
Projecto Televisão  · Portal Televisão

Daryl Dixon é um personagem fictício da série de televisão The Walking Dead, sendo interpretado por Norman Reedus. Ele é um personagem original da série de TV e não está presente na série em quadrinhos. Sua popularidade com os fãs foi tão grande, que ele passou de um personagem recorrente na primeira temporada, para um dos protagonistas principais no decorrer da série. É o personagem principal do videogame The Walking Dead: Survival Instinct, que foca na história de Daryl e de seu irmão Merle nos primeiros eventos do apocalipse zumbi.[1]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

Série de TV[editar | editar código-fonte]

Primeira Temporada[editar | editar código-fonte]

Daryl Dixon é o irmão mais novo de Merle, um caipira insensível do sul dos Estados Unidos. Quando jovens, perderam a mãe num incêndio provocado pelo cigarro que ela fumava. Daryl foi membro do grupo de Atlanta e um dos maiores especialistas em armas de caça. Era caçador antes dos zumbis aparecerem e alimentava o grupo com a caça de animais. A arma de Daryl é uma besta valiosa devido à propriedades furtivas como munições reutilizáveis e baixa emissão de ruído. Inicialmente, é hostil com Rick e T-Dog ao ser informado de que Merle foi deixado para trás por tornar-se uma ameaça ao grupo.

Segunda Temporada[editar | editar código-fonte]

Na segunda temporada, ele é o mais empenhado na busca por Sophia Peletier, perdida na floresta, identificando-se com sua causa. A descoberta de Sophia como zumbi faz com que ele se torne indiferente com o grupo, especialmente com a mãe da criança, Carol. Ele finalmente recupera sua boa convivência com todos, abalado desde que Merle fora deixado para trás, e torna-se um fiel seguidor de Rick Grimes. Ele também forma uma amizade devotada e especial com Carol, depois de tê-la salvo inúmeras vezes e identificar-se com ela, pois ambos viveram em família com problemas de abuso doméstico.

Terceira Temporada[editar | editar código-fonte]

Daryl finalmente reencontra Merle quando se torna um cativo em Woodbury, antes de o grupo de Rick resgatá-los. Quando Merle não é aceito de volta ao grupo, Daryl decide seguir caminho com seu irmão, mas logo os dois voltam a residir na prisão, onde Daryl ajuda Merle a se ajustar. Após Merle ser capturado pelo Governador, Daryl persegue-os, na tentativa de salvar seu irmão, mas o encontra reanimado como um zumbi em Woodbury e isso o força a matar seu próprio irmão. Quando ele retorna para a prisão, participa da defesa bem sucedida desta contra o exército de Woodbury. Ele, Rick e Michonne perseguem os soldados do Governador, logo descobrindo que o exército fora dizimado por seu próprio líder.

Quarta Temporada[editar | editar código-fonte]

Na quarta temporada, Daryl é visto como um dos homens de maior confiança no grupo, tendo sido o líder por várias vezes, já que Rick Grimes renunciou. Ele é membro do Conselho, um grupo criado para tomar decisões importantes seguidas por todos na prisão, e é o único a se mostrar inconformado com a decisão de Rick de expulsar Carol, por ter assassinado dois dos membros do grupo. Quando ocorre a última batalha do Governador contra os sobreviventes da prisão, que resultou na destruição do prédio, ele participa ativamente, matando vários dos inimigos, inclusive Mitch, que estava dentro canhão, que Daryl destruiu com uma granada que jogou lá dentro. Ele foge e se refugia na floresta acompanhado apenas por Beth Greene, filha de Hershel. Os dois tiveram uma química, entretanto, ela acaba sendo sequestrada por um carro com uma cruz, e ele desolado acaba se juntando ao perigoso grupo de Joe, que mais tarde é morto por Rick e Michonne. Ele então segue rumo ao Terminus com os dois e Carl, e assim como eles, acaba sendo preso em um vagão de trem. Lá dentro reencontram Glenn, Maggie, Sasha, Abraham e seus amigos.

Quinta Temporada[editar | editar código-fonte]

Na quinta temporada, Daryl, Rick e o seu grupo conseguem fugir do Terminus graças a ajuda de Carol, que tem um reencontro emocionante com ele. Mais tarde, ele vê o mesmo carro que sequestrou Beth, e junto com Carol vão atrás do mesmo, na esperança de reencontrá-la.

Carol, é atropelada acidentalmente por um dos policiais que sequestraram Beth, que eram as pessoas que estavam no carro, e logo depois, é levada ao hospital para ser socorrida. Daryl e Rick conseguiram capturar 3 dos policiais graças á ajuda de Noah, um fugitivo do hospital, amigo de Beth. Para recuperar Carol e Beth, que estavam no hospital, o grupo de Rick tiveram de pensar em um plano, quando Daryl sugeriu uma troca, os policiais capturados, pelas mulheres, Carol e Beth. O grupo de Rick e os policiais do hospital se encontram la dentro, para realizar o trato, quando houve um desentendimento entre Beth e Dawn, a policial chefe do lugar, onde Beth leva um tiro na cabeça. Daryl no mesmo instante saca sua pistola e acerta um tiro na cabeça de Dawn. Daryl sai do hospital, triste, carregando Beth em seus braços, uma cena triste para os fãs da série.

Gtk-paste.svg Aviso: Terminam aqui as revelações sobre o enredo.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]