David Goffin

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Tenista David Goffin
Goffin RG13 (13) (9373459270).jpg
País  Bélgica
Residência Monte Carlo, Mônaco
Data de nascimento 7 de dezembro de 1990 (28 anos)
Local de nasc. Rocourt, Bélgica
Altura 1,80 m
Peso 68 kg
Treinado por Thierry Van Cleemput
Profissionalização 2009
Mão Destro
Prize money $5,685,432
Simples
Vitórias-Derrotas 238–155
Títulos 04
Melhor ranking N° 07 (20 de novembro de 2017) fonte
Resultados de Grand Slam
Open da Austrália QF (2017)
Roland Garros QF (2016)
Wimbledon 4R (2016)
US Open 4R (2017)
Tour Finals F (2017)
Jogos Olímpicos 3R (2016)
Duplas
Vitórias-Derrotas 11–21
Títulos 0
Melhor ranking N° 249 (09 de maio de 2016)
Resultados de Grand Slam de Duplas
Open da Austrália 1R (2012)
US Open 1R (2013)
Torneios principais de duplas
Última atualização em: 26 de Dezembro de 2017.

David Goffin (Rocourt, 7 de dezembro de 1990) é um tenista profissional belga natural da cidade de Liège, atual número 9 do ranking mundial da ATP.

Em simples, tem 4 títulos e 8 vice-campeonatos no circuito ATP. Seu melhor resultado em grand slam, foi em Roland Garros 2016, onde chegou as quartas de final, perdendo para o austríaco Dominic Thiem.

Ele também já derrotou pelo circuito profissional de tênis a vários grandes tenistas, como: John Isner, Radek Štěpánek, Viktor Troicki, Milos Raonic, Jo-Wilfried Tsonga, Tomáš Berdych e Stan Wawrinka, além de Rafael Nadal e Roger Federer em um mesmo torneio, ATP finals 2017, sendo um dos poucos tenistas a conseguir tal feito. Atualmente reside em Monte Carlo e é o número um de seu país na Associação de Tenistas Profissionais. Possui mais de oito milhões de dólares em premiação.[1]

Carreira[editar | editar código-fonte]

David Goffin iniciou sua profissionalização em 2009 e ficou conhecido no circuito profissional de tênis após alcançar às oitavas de final do Torneio de Roland Garros em 2012, onde perdeu de virada para o suíço Roger Federer em quatro sets. Mas sua arrancada profissional aconteceu mesmo em 2014 com os títulos dos Challengers de Scheveningen, Poznan e Tampere, onde aproveitou o grande momento para ganhar seu primeiro título em simples no circuito ATP, que ocorreu em 2 de agosto de 2014 no ATP 250 de Kitzbühel na Áustria. Onde apesar da torcida contra, Goffin, então número 78 do ranking mundial, derrotou o tenista austríaco Dominic Thiem (então 50.º do mundo) por 2 sets a 1, e conquistou o título inédito.[2]

Em 21 de setembro de 2014, Goffin chegou a mais uma final, a do ATP 250 de Metz na França, e com grande exibição levou o título da chave de simples após vencer o português João Sousa na final por 6-4 e 6-3. Esse foi o segundo título de simples no circuito ATP do tenista belga. A conquista no piso sintético francês rendeu ao belga em torno de 13 colocações, que o levaram ao 32º lugar no ranking mundial, o melhor da carreira até então. Antes seu ápice na lista da ATP aconteceu em 2012, quando chegou a figurar como o 42º melhor tenista do mundo.[3]

Em 26 de outubro de 2014, Goffin ficou com um vice-campeonato de torneios nível ATP. E isso aconteceu no ATP 500 da Basileia, na Suíça, este um torneio disputado em quadras de piso duro. Onde ele perdeu o título da chave de simples por um duplo 6/2 para o suíço Roger Federer.[4]

Em 14 de junho de 2015, mais uma vez foi vice-campeão de uma competição nível ATP. Mas dessa vez foi no ATP 250 de 's-Hertogenbosch, na Holanda, este um torneio jogado sobre a grama. Goffin perdeu o título da chave de simples em sets diretos para o tenista francês Nicolas Mahut.[5]

Em agosto de 2015, exatamente um ano depois de disputarem a primeira final no circuito ATP, David Goffin E Dominic Thiem voltaram a se encontrar em uma final de chave de simples de torneio ATP. E se em 2 de agosto de 2014 Goffin havia triunfado no saibro do ATP 250 de Kitzbühel, já em 2 de agosto de 2015 foi a vez do austríaco Thiem se "vingar" e levar a melhor ao conquistar o ATP 250 de Gstaad, também jogado no saibro, pelas parciais de 7/5 e 6/2.[6]

ATP finais[editar | editar código-fonte]

Simples: 3 (4 títulos, 1 vice)[editar | editar código-fonte]

Legenda (Simples)
Grand Slam (0–0)
ATP World Tour Finals (0–0)
ATP World Tour Masters 1000 (0–0)
ATP World Tour 500 Series (1–1)
ATP World Tour 250 Series (3–0)
Resultado N. Data Torneio Piso Oponente Placar
Campeão 1. 2 Agosto 2014 ATP de Kitzbühel, Kitzbühel, Áustria Saibro Áustria Dominic Thiem 4–6, 6–1, 6–3
Campeão 2. 21 Setembro 2014 ATP de Metz, Metz, França Duro (i) Portugal João Sousa 6–4, 6–3
Vice 1. 26 Outubro 2014 Swiss Indoors, Basel, Suíça Duro (i) Suíça Roger Federer 2–6, 2–6
Vice 2. 14 Junho 2015 Topshelf Open, Rosmalen, Holanda Grama França Nicolas Mahut 6–7(1–7), 1–6

Referências