David Gray (cantor)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
NoFonti.svg
Esta biografia de uma pessoa viva cita referências, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde maio de 2018). Ajude a inserir fontes confiáveis e independentes. Material controverso que esteja sem fontes deve ser imediatamente removido, especialmente se for de natureza difamatória.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
David Gray
Nascimento 13 de junho de 1968 (51 anos)
Sale
Cidadania Reino Unido
Alma mater Universidade de Liverpool
Ocupação cantor, cantautor, guitarrista, compositor, compositor de bandas sonoras
Influências
Página oficial
http://www.davidgray.com/

David Gray (Manchester, 13 de junho de 1968) é um cantor britânico nascido na Inglaterra.[1]

Mudou-se aos 9 anos para Solva, em Pembrokeshire, País de Gales; estudou na Universidade de Liverpool, e sua carreira musical foi especialmente bem acolhida na Irlanda.

Os dois primeiros álbuns de David Gray, A Century Ends (1993) e Flesh (1994), não obtiveram muito êxito comercial, que só veio em 1999, com White Ladder. Nesse se incluíam suas canções mais conhecidas: "This Years Love" e "Babylon", que alcançou o 5º lugar mas paradas britânicas em 2000.

Discografia[editar | editar código-fonte]

Álbuns[editar | editar código-fonte]

  • A Century Ends (1993)
  • Flesh (1994)
  • Sell Sell Sell (1996)
  • White Ladder (1999)
  • Lost Songs 95-98 (2001)
  • A New Day At Midnight (2002)
  • Life in slow motion (2005)
  • Greatest Hits (2007)
  • Draw the Line (2009)
  • Foundling (2010)
  • Mutineers (2014)

    Referências

  1. «My Secret Life: David Gray, musician, 41». The Independent (em inglês). 5 de setembro de 2009 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]