David Morris Lee

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
David Morris Lee Medalha Nobel
Nascimento 20 de janeiro de 1931 (88 anos)
Rye
Nacionalidade Estadunidense
Cidadania Estados Unidos
Alma mater Universidade Yale, Universidade de Connecticut, Universidade Harvard
Ocupação físico, professor universitário
Prêmios Prêmio Oliver E. Buckley de Matéria Condensada (1981), Nobel prize medal.svg Nobel de Física (1996)
Empregador Texas A&M University, Universidade Cornell, Universidade da Flórida
Página oficial
http://www.lassp.cornell.edu/lassp_data/dmlee.html
Instituições Texas A&M University
Campo(s) Física

David Morris Lee (Rye, 20 de janeiro de 1931) é um físico estadunidense.

Recebeu o Nobel de Física de 1996, pela descoberta da superfluidade no hélio 3.

Referências[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Martin Lewis Perl e Frederick Reines
Nobel de Física
1996
com Douglas Dean Osheroff e Robert Coleman Richardson
Sucedido por
Steven Chu, Claude Cohen-Tannoudji e William Daniel Phillips


Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) físico(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.