Saltar para o conteúdo

David Remnick

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Imagem de David Remnick em uma conferência em 2008.

David Remnick (Hackensack, 29 de outubro de 1958) é um jornalista norte-americano, escritor, e editor de revista. Ele foi correspondente pelo Washington Post em Moscou, e ganhou um Prémio Pulitzer de Não Ficção Geral em 1994 pelo seu livro Lenin's Tomb: The Last Days of the Soviet Empire. É editor da revista The New Yorker desde 1998. No Brasil, foi editada pela Companhia das Letras em 2006 uma coletânea sua de perfis para a revista, que foi publicada dentro da Coleção Jornalismo Literário sob o nome Dentro da Floresta.

Nascido em Hackensack, Nova Jersey, foi criado em Hillsdale, Nova Jersey, em uma casa secular judaica com, ele disse, "um monte de livros ao redor." Ele formou-se na Universidade de Princeton, com bacharelado em literatura comparada, em 1981; lá, ele conheceu o escritor John McPhee e ajudou a fundar o Nassau Weekly. Ele é casado com a repórter do New York Times Esther Fein e tem três filhos, Alex, Noah, e Natasha. Ele gosta de jazz e cinema clássico e é fluente em russo.

Ligações externas

[editar | editar código-fonte]
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.