Deana Barroqueiro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Deana Barroqueiro
Nascimento 23 de julho de 1945 (72 anos)
New Haven, Estados Unidos da América
Nacionalidade portuguesa / americana
Ocupação Escritora, professora, contadora de histórias
Prémios Prémio Máxima de Literatura (2007)
Página oficial
http://deanabarroqueiro.blogspot.com/

Deana Barroqueiro (New Haven, Connecticut, Estados Unidos da América, 23 de Julho de 1945) é uma professora e escritora portuguesa.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Deana Barroqueiro é uma das mais destacadas escritoras de romance histórico português, do século XXI [1], com uma vasta obra, predominantemente de personagens e acontecimentos do Renascimento e Descobrimentos Portugueses, período que estuda há mais de vinte anos.

Filha de pais portugueses, nascida nos Estados Unidos da América, tem dupla nacionalidade. Veio com dois anos de idade para Lisboa, Portugal, onde quis fazer a sua vida e exercer a profissão de professora e, posteriormente, de escitora. É casada com João Pires Ribeiro (Professor e investigador - Física Nuclear).

Licenciou-se em filologia românica na Faculdade de Letras de Lisboa, de cujo grupo de teatro fez parte, juntamente com Luís Miguel Cintra, Luís Lima Barreto, Jorge de Silva Melo, Maria do Céu Guerra, Ermelinda Duarte e Eduarda Dionísio, entre outros.

Frequentou um mestrado de dois anos em Comunicação Educacional Multimedia na Universidade Aberta de Lisboa. Fez vários cursos de Línguas (Inglês, Francês e Espanhol em Universidades dos respectivos países).

Leccionou as disciplinas de Língua e Literatura Portuguesa e Língua e Literatura Francesa na Escola Secundária Passos Manuel, de Lisboa, onde fez o estágio e a maioria dos seus projectos de teatro e de escrita criativa com os alunos. Publicou então várias obras com o grupo de trabalho do M.E. para as comemorações dos Descobrimentos Portugueses, a Câmara Municipal de Lisboa e o Instituto de Inovação Educacional. Com o seu projecto de Escrita Criativa, Palavras, leva-as o vento?, foi a inúmeras escolas, de norte a sul do país, para promover o interesse pela leitura entre os alunos de diferentes níveis de escolaridade.

O sucesso dessas publicações escolares foi um incentivo para recomeçar a escrever para um público mais lato, ainda que num diferente registo literário, o do romance histórico, tendo publicado, de 2000 a 2010, onze romances históricos e dois livros de crónicas da Antiguidade Pré-Clássica, o primeiro dos quais – Contos Eróticos do Velho Testamento – foi editado no Brasil e traduzido em espanhol e italiano.

Em 21 de novembro de 2003, nos Estados Unidos da América, durante um sarau para atribuição de prémios do Concurso Literário Proverbo, de cujo júri fez parte, a convite do jornal Luso Americano, a escritora recebeu um louvor pela Câmara de Newark, em reconhecimento do seu contributo para a divulgação e promoção da língua e cultura portuguesas entre as comunidades de emigrantes da América, Canadá e Europa.

O seu romance D. Sebastião e o Vidente (Porto Editora) foi agraciado com o Prémio Máxima de Literatura (2007) - Prémio Especial do Júri. O reconhecimento do valor histórico desta obra (resultado de três anos de intensíssimo trabalho e investigação) tem-se manifestado ainda em inúmeras localidades do país, como Pedrógão Grande, Murtosa, Lagos, Castelo Branco, Fundão, Paço dos Negros/Almeirim e S. Pedro do Sul, entre outras, mas também entre as comunidades portuguesas da América, Canadá e Europa, por meio de eventos e homenagens ou da sua comunicação social.

A edição brasileira dos seus Contos Eróticos do Antigo Testamento foi estudada no Curso de Literatura Comparada e Estudos Judaicos da Universidade de Minas Gerais, da Professora Dra. Lyslei Nascimento , estando o livro "Romance da Bíblia/Tentação da Serpente" a ser objecto de uma tese de Mestrado (2012)[2].

O conto "Langores de Holofernes" (in Tentação da Serpente/Romance da Bíblia) foi publicado no Arquivo Maaravi, v.5, n. 9 (2011) - Revista Digital de Estudos Judaicos da UFMG: LER AQUI

No I Congresso de Cultura Lusófona Contemporânea, realizado em Portalegre, nos dias 11 e 12 de Junho de 2012, subordinado ao tema "A Mulher na Literatura e Outras Artes", a palestra da Professora convidada Dra. Lislei Nascimento, do Brasil, "Crime e redenção: mulheres que matam" tinha por objecto a análise de uma personagem "Judite" dos contos de Deana Barroqueiro, agora reeditados em forma de romance "Tentação da Serpente". Ver Mais[3]

Faz parte do "Dicionário de Escritoras Portuguesas - das origens à actualidade", por Conceição Flores, Constância Lima Duarte e Zenóbia Collares Moreira. Editora Mulheres. [4]

Nota: Dados biográficos autorizados pela escritora e baseados no seu blogue e nas notas de imprensa das Editoras [5]

Prémios[editar | editar código-fonte]

Prémio Máxima de Literatura (2007) - Prémio Especial do Júri para o romance "D. Sebastião e o Vidente".

Este romance fascinante foi construído a partir de uma rigorosa investigação de fontes históricas documentais - portuguesas, espanholas, italianas, francesas e holandesas - e condimentado pela exuberante imaginação de Deana Barroqueiro. [6]

Obra[editar | editar código-fonte]

Romances
  • D. Sebastião e o Vidente - Edição comemorativa do 10º aniversário da obra. Ed. Casa das Letras/Leya, 2016.
  • O Espião de D. João II - Pêro da Covilhã: Ed. Casa das Letras/Leya, 2015.
  • O Corsário dos Sete Mares - Fernão Mendes Pinto: Ed. Casa das Letras/Leya, 2012.
  • Tentação da Serpente - Reedição de «O Romance da Bíblia - Contos e Novos Contos Eróticos do velho Testamento» . Ésquilo, 2012.
  • O Romance da Bíblia - Ed. Ésquilo, 2010. [7]
  • O Espião de D. João II - Ed. Ésquilo, 2009.
  • O Navegador da Passagem - Bartolomeu Dias - Ed. Porto Editora, 2008.
  • D. Sebastião e o Vidente - Obra escolhida pela Porto Editora para se lançar na publicação de Literatura, em 2006. História de suspense envolvendo el-Rei D. Sebastião e Miguel Leitão de Andrada. Obra agraciada com o Prémio Máxima de Literatura (2007) - Prémio Especial do Júri.
Contos
Prefácios, Artigos, Outras Publicações
  • Prefácio ao livro de contos "A Noite e o Sobressalto", de Pedro Medina Ribeiro, Ed. Oficina do Livro, 2010.
  • Prefácio ao livro de poemas "Mentes Perversas e Outras Conversas", de Ana Paula Lavado. [8].
  • "O Enigmático Espião de D. João II" - Artigo inserido na obra colectiva "Grandes Enigmas da História de Portugal", Vol. II: "Avis e os Descobrimentos", coordenada por Miguel Sanches de Baêna e Paulo Alexandre Loução. Editora Ésquilo, 2009.
  • Participa com o poema "Cantiga de Amigo" na "Antologia da Memória Poética da Guerra Colonial", coordenada por Margarida Calafate Ribeiro e Roberto Vecchi. [9].


Colecção de Viagens/Aventuras - Cruzeiro do Sul, Ed. Livros Horizonte
  • Uraçá, o índio branco. História cujo pano de fundo é a Descoberta do Brasil. 2002
  • O Cometa - Uma viagem impossível. A viagem de Bartolomeu Dias e suas aventuras no Congo e no mar, 2002
  • Um Homem das Arábias. O primeiro dos cinco romances dedicados às viagens espantosas de Pêro da Covilhã, 2002
  • O Espião d'el-Rei. Segunda etapa das viagens de Pêro da Covilhã, 2003
  • A Pedra do Anel. Terceira etapa das viagens do espião por Goa, Ormuz e costa oriental da África, 2003
  • O Monomotapa. Quarta etapa da aventura de Pêro da Covilhã, em Sofala, onde descobre as minas de Salomão, no Monomotapa, 2003
  • O Grande Abexim. Quinta e última etapa das viagens do espião de D. João II, em que vai conhecer Meca, Medina e o monte Sinai, seguindo depois para a Etiópia em busca do Preste João, 2004


Obras anteriores[editar | editar código-fonte]

Com a colaboração da ilustradora Lídia Lobo e de alunos da E.S. Passos Manuel, editoras diversas:

  • Sob o Signo de Tordesilhas - obra dramática em verso, 1995
  • Crónicas de Pimenta e de Canela - colectânea de contos, 1997
  • Crónicas de Monções e de Marés - colectânea de contos, 2000
  • O Cabo do Mundo - auto em verso, de modelo vicentino, 2000
  • A Palavra e o Olhar - estudo sobre Padre António Vieira, 1996

Referências

  1. Dicionário de Escritoras Portuguesas-Editora Mulheres
  2. UFMG,2011/2012
  3. I Congresso de Cultura Lusófona Contemporânea
  4. Ilha de Santa Catarina, Brasil 2009.
  5. Ésquilo, Porto Editora e Livros Horizonte.
  6. Porto Editora
  7. Edição Esgotada (2012).
  8. Edium Editores, 2012
  9. Edições Afrontamento,2011

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) escritor(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.