Declaração de Cusco

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Wikisource
A Wikisource contém fontes primárias relacionadas com Declaração de Cuzco

Declaração de Cuzco foi um documento redigido depois da III Reunião de Presidentes da América do Sul, em Cusco, Peru, em 8 dezembro de 2004.[1] O instrumento foi assinado por todos os 12 países da América do Sul: Brasil, Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Equador, Guiana, Paraguai, Peru, Suriname, Uruguai e Venezuela.[2] O documento se resume a estabelecer parâmetros igualitários entre os países da América do Sul nas áreas políticas, social, econômico, ambiental e de infra-estrutura.[3]

Referências