Demolidor (2.ª temporada)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Demolidor (2ª temporada))
Ir para: navegação, pesquisa
Demolidor
(2ª temporada)
Pôster promocional
País de origem  Estados Unidos
Número de episódios 13
Exibição
Emissora original Netflix
Cronologia de temporadas
1ª Temporada (2015)
3ª temporada (2018)

A segunda temporada da web série de televisão americana Demolidor (no original, Marvel's Daredevil, ou simplesmente Daredevil) , que se baseia no personagem de mesmo nome da Marvel Comics, acompanha Matt Murdock / Demolidor, um advogado de dia, que combate o crime à noite, cruzando caminhos com o mortal Frank Castle / Justiceiro junto com o retorno de uma ex-namorada–Elektra Natchios. Ela está situada no Universo Cinematográfico Marvel, compartilhando a continuidade com os filmes e outras séries de televisão da franquia. A temporada foi produzida pela Marvel Television em associação com a ABC Studios, DeKnight Prods. e Goddard Textiles, com Doug Petrie e Marco Ramirez servindo como showrunners, e criador da série Drew Goddard atuando como consultor.

Charlie Cox estrela como Murdock, enquanto Jon Bernthal e Élodie Yung são introduzidos como Castle e Natchios. Deborah Ann Woll, Elden Henson, Rosario Dawson e Vincent D'Onofrio também retornam da primeira temporada, com Stephen Rider se juntando a eles. A temporada foi encomendada em abril de 2015, depois do lançamento bem sucedido da primeira, com Petrie e Ramirez substituindo o showrunner da primeira temporada Steven S. DeKnight. Produção da temporada começou em julho de 2015 e continuou até dezembro, com a temporada focando a natureza do heroísmo através da comparação de Murdock ao Castle e Natchios, e mostrando como os dois últimos afetam a vida de Murdock.

Os dois primeiros episódios da temporada estreou em Paris em 07 de março de 2016, com a temporada completa de 13 episódios lançada na Netflix em 18 de março. A série foi renovada para uma terceira temporada em julho de 2016.

Produção[editar | editar código-fonte]

Desenvolvimento[editar | editar código-fonte]

Quando perguntado sobre o futuro da série após a primeira temporada, showrunner Steven S. DeKnight disse: "Eu honestamente não tenho ideia. Isto está longe demais do meu pagamento atual. Ainda mais complicado é o fato que o Demolidor é parte de algo maior – Jessica Jones, Luke Cage, Punho de Ferro e Os Defensores. Como tudo isso se encaixa e se haverá ou não uma segunda temporada – e como isso se desdobra sobre as outras – são questões que ninguém ainda sabe as respostas. Eu posso dizer que estivemos falando sobre coisas tão boas para uma possível segunda temporada que, meu deus, nem posso dar pistas! É algo que seria maravilhoso de trabalhar." [1]

Em 21 de abril de 2015, Marvel e Netflix anunciaram que a série tinha sido renovada para uma segunda temporada, com Doug Petrie e Marco Ramirez substituindo DeKnight como showrunners, assim como atuando como produtores executivos; ambos serviram como escritores na primeira temporada e trabalharam em estreita colaboração com DeKnight e criador da série Drew Goddard. [2] A temporada introduz o Justiceiro, a quem DeKnight e os escritores queriam introduzir em uma cena pós-créditos durante o final da primeira temporada, mas não conseguiram devido à maneira que a Netflix começa o próximo episódio durante os créditos do atual. DeKnight considerou que esta "foi a decisão certa. Eu acho que há uma maneira melhor, mais orgânica para apresentá-lo ao mundo." [3] Ramirez descreveu a segunda temporada internamente como "Demolidor vs. O Justiceiro". [4] Em setembro de 2015, Goddard explicou que ele ainda estava envolvido com a temporada como produtor executivo, consultando com Petrie e Ramirez quando perguntam para ele. [5] A temporada é composta por 13 episódios de uma hora de duração. [6]

Escrita[editar | editar código-fonte]

Ramirez falou sobre a forma como a segunda temporada seria diferente da primeira, dizendo: "Muito do que fizemos na última temporada foi saber se havia um lugar para conteúdos sombrios e violentos em super-heróis, e por causa da reação dos fãs, que foi esmagadora, temos uma resposta forte de 'sim'. Agora que sabemos que existe, você queria fundamentado e queria sombrio, aqui está Elektra e Justiceiro. Você pediu por isso. " Petrie, falando sobre o potencial uso de flashbacks na temporada, disse que às vezes você quer "descascar a camada da cebola através de flashback, ou duas pessoas em uma sala conversando pode ter todo o poder no mundo. Isso é algo que temos de escolher." [7]

Sobre a inclusão do Justiceiro especificamente na temporada, onde ele é introduzido ao Universo Cinematográfico Marvel. Goddard sentiu que a televisão foi o melhor encaixe para o personagem, já que os roteiristas são "capazes de fazer coisas na tela pequena que encaixa esse personagem melhor do que se tivéssemos que desgastá-lo para o cinema." Goddard afirmou que a abordagem da temporada para os personagens e suas ações seria fazer o que faz sentido para os personagens ao invés de "extrapolar os limites" ou procurar chocar o público, embora ele notou que isso ainda poderia ir de uma forma mais "adulta ... mais obscura, mais suja" devido à liberdade da Netflix e a presença de personagens como o Justiceiro. [8] Petrie afirmou que os roteiristas esperavam "mexer a panela" e "levar as pessoas a pensar" com a inclusão do Justiceiro e seus métodos letais, acrescentando: "Levando a justiça letal em suas próprias mãos na América de 2015 é uma merda complicada. Nós não nos esquivamos dessa realidade rica e difícil de hoje. Se você tem uma arma e você não é a polícia que vai incitar sentimentos fortes. Se você tem uma arma e você não é a polícia, você vai incitar sentimentos fortes." [9] Ramirez acrescentou que Castle não foi referido como "Justiceiro" na sala de roteiristas, da mesma forma a Wilson Fisk não sendo chamado de "Rei do Crime" durante a primeira temporada, pois permitiu os roteiristas a pensar "sobre [Castle] como um homem com uma vingança, que fez um juramento para sua família morta." [10] Na série, o apelido de "O Justiceiro" é dado a Castle pela mídia devido a suas ações agressivas. [11]

Ligações com o Universo Cinematográfico Marvel[editar | editar código-fonte]

Sobre as referências ao estendido UCM, Ramirez disse que "aqueles pequenos Easter-eggs que vêm ao longo do caminho são divertidos", mas houve momentos em que os roteiristas não aproveitaram as oportunidades para fazer referência ao resto do universo porque se sentiam como distrações da narrativa e personagens da série. Petrie afirmou que os roteiristas queriam "mantê-la em Hell's Kitchen" e se concentrar em questões como "o ar condicionado não funciona na Nelson & Murdock. Isso é realmente o que estamos interessados". Ele explicou que a vida real da cidade de Nova York "tem uma presença maior do que a vida" com celebridades que vivem lá - "Se você ver Derek Jeter andando na rua, isso é ótimo, mas então você vira a esquina e você entrar em uma discussão com o cara que cobrava mais por um pretzel. Queremos que nossos personagens sejam verdadeiros nova-iorquinos."

A temporada apresenta a gangue de motoqueiros Cães do Inferno, que foram introduzidos pela primeira vez na primeira temporada de Agents of S.H.I.E.L.D. no episódio "Yes Men", e a Roxxon Energy Corporation, uma empresa destaque em todo o UCM. Ela também menciona os vigilantes Jessica Jones e Luke Cage, a morte de Oscar Clemons e o escritório de advocacia Hogarth, Chao, e Benowitz, que são todas referências à primeira temporada de Jessica Jones.

Episódios[editar | editar código-fonte]

Episódio Título Exibição
2.01 "Bang" 18 de março de 2016
2.02 the ruebsls
2.03 "Para servir e proteger'
2.04 "Uni duni tê"
2.05 "Kinbaku"
2.06 "Só arrependimento"
2.07 "Semper fidelis"
2.08 "Mea culpa"
2.09 "Sete minutos no paraíso"
2.10 "Homem na caixa"
2.11 "38"
2.12 "A escuridão no fim do túnel"
2.13 "Um dia frio no inferno"

Referências

  1. Alloway, Meredith (22 de setembro de 2014). «Catching Up With Daredevil Showrunner Steven S. DeKnight». Paste Magazine (em inglês). Cópia arquivada em 13 de setembro de 2014 
  2. «Netflix Orders a Second Season of Marvel's Daredevil» (em inglês). Marvel.com. 21 de abril de 2015. Consultado em 21 de abril de 2015. Cópia arquivada em 21 de abril de 2015 
  3. Bean, James (15 de janeiro de 2016). «Exclusive: 'Daredevil' season 1 coda almost introduced Punisher, says showrunner» (em inglês). hypable. Consultado em 19 de janeiro de 2016 2016. Cópia arquivada em 19 de janeiro de 2016  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  4. Lincoln, Ross A. (26 de junho de 2015). «The Punisher To Loom Large In 'Daredevil' Season 2» (em inglês). Deadline.com. Consultado em 27 de junho de 2015. Cópia arquivada em 27 de junho de 2015 
  5. Chitwood, Adam (14 de setembro de 2015). «'Daredevil': Drew Goddard Says He's Involved in Season 2» (em inglês). Collider.com. Consultado em 16 de setembro de 2015. Cópia arquivada em September 16, 2015  Verifique data em: |arquivodata= (ajuda)
  6. «Daredevil Season 2 Teaser and Premiere Date Revealed!» (em inglês). ComingSoon.net. 7 de janeiro de 2016. Consultado em 7 de janeiro de 2016. Cópia arquivada em 7 de janeiro de 2016 
  7. White, Brett (20 de outubro de 2015). «NYCC: "Jessica Jones" & "Daredevil" Collide at Marvel/Netflix Panel» (em inglês). Comic Book Resources. Consultado em 11 de outubro de 2015. Cópia arquivada em 11 de outubro de 2015 
  8. Weintraub, Steve (16 de dezembro de 2015). «Drew Goddard on 'The Martian', Screenwriting Misconceptions, and 'Daredevil' Season 2» (em inglês). Collider.com. Consultado em 19 de dezembro de 2015. Cópia arquivada em 19 de dezembro de 2015 
  9. Hibberd, James (29 de dezembro de 2015). «Daredevil season 2 to have faster pace, Punisher morality debate». Entertainment Weekly (em inglês). Consultado em 29 de dezembro de 2015. Cópia arquivada em 29 de dezembro de 2015 
  10. Tedder, Michael (11 de março de 2016). «'Daredevil' Producers, Jon Bernthal Talk New Season and Introducing the Punisher». Variety (em inglês). Consultado em 11 de março de 2016. Cópia arquivada em 11 de março de 2016 
  11. Cabin, Chris (15 de março de 2016). «Measures in Netflix's Superb Marvel Adaptation» (em inglês). Collider.com. Consultado em 15 de março de 2016. Cópia arquivada em 15 de março de 2015 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]