Denis Jean Achille Luchaire

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Denis Jean Achille Luchaire
Nome nativo Achille Luchaire
Nascimento 4 de outubro de 1846
Paris
Morte 13 de novembro de 1908 (62 anos)
Paris
Cidadania França
Alma mater Escola Normal Superior de Paris
Ocupação historiador
Empregador Universidade de Paris

Denis Jean Achille Luchaire (24 de outubro de 184614 de novembro, 1908) foi um historiador francês.

Luchaire tornou-se professor em Bordeaux (1879) e lecionou história medieval na Sorbonne (1889); foi eleito membro da Academia de Ciências Morais e Políticas em 1895[1], onde recebeu o prêmio Jean Reynaud.

Seu primeiro trabalho de importância foi Histoire des institutions monarchiques de la France sous les premiers Capétiens (1883 e 1891), outras de suas obras foram:

  • Manuel des institutions françaises: période des Capétiens directs (1892)
  • Louis VI le Gros, annales de sa vie et de son règne (1890)
  • Étude sur les actes de Louis VII (1885).

Seus outros escritos tratavam principalmente sobre os papados, com destaque em sua obra de seis volumes sobre Inocêncio III:

  1. Rome et Italie (1904)
  2. La Croisade des Albigeois (1905)
  3. La Papaute et l'empire (1905)
  4. La Question d'Orient (1906)
  5. Les Royautés vassales du Saint-Siège (1908)
  6. Le Concile de Latran et la réforme de l'Église (1908)

Luchaire também foi o autor dos dois primeiros volumes da Histoire de France de Ernest Lavisse.

Referências

Bibliografia[editar | editar código-fonte]