Deportivo Saprissa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Deportivo Saprissa
Deportivo Saprissa de Costa Rica.png
Nome Deportivo Saprissa
Alcunhas Monstruo Morado
Principal rival Alajuelense
Fundação 16 de julho de 1935 (86 anos)
Estádio Estádio Ricardo Saprissa Aymá
Capacidade 23.112 pessoas
Presidente Costa Rica Juan Carlos Callán
Treinador Costa Rica Roy Myers
Patrocinador Costa Rica KÖLBI
Material (d)esportivo Itália Kappa
Competição Primera División
Website [1]
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
titular
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo

O Deportivo Saprissa é um dos maiores e mais tradicionais clubes costarriquenho de futebol. Pois junto com seus maiores rivais, o Herediano, Alajuelense, e Cartaginés são os chamados 'equipes grandes' do futebol da Costa Rica.

O Saprissa atualmente joga na Primera División nacional, onde é o maior campeão com 35 títulos conquistados.

História[editar | editar código-fonte]

O Saprissa foi fundado em 16 de julho de 1935 por Roberto "Beto" Fernández, e subiu para a Primeira Divisão da Costa Rica em 21 de Agosto de 1949.[1]

O time é mais conhecido por sua política de apenas contratar jogadores da Costa Rica e seu tremendo sucesso em campo.

Desde então, o time ganhou 33 campeonatos nacionais e 6 títulos consecutivos entre 1972 e 1977. Adicionalmente, eles ganharam três Campeonatos da CONCACAF e outros tantos prêmios internacionais. Eles jogaram como representantes da CONCACAF na Copa do Mundo de Clubes da FIFA de 2005. Na sua estréia, contra o FC Sydney, da Austrália, o Saprissa venceu por 1 a 0, gol de Bolaños. Nas semi-finais do torneio, o adversário foi o Liverpool, da Inglaterra. Os ingleses dominaram o jogo e venceram por 3 a 0, com direito a um belo gol de Steven Gerrard. Com essa derrota, o time foi para a decisão de 3º lugar, contra o Al Ittihad, da Arábia Saudita. Neste jogo, os costarriquenhos venceram de virada por 3 a 2 com um gol de falta no final do jogo, marcado por Ronald Gómez. o Deportivo Saprissa foi o 3º colocado do torneio.

O time foi propriedade do empresário Jorge Vergara, atual dono do clube mexicano Chivas de Guadalajara até 2011 quando vendeu o Saprissa para a organização costarriquenha Horizonte Morado.

Jogadores conhecidos são Álvaro Saborío, Walter Centeno, Rónald Gómez, Jervis Drummond e Keylor Navas.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Continentais
Competição Títulos Temporadas
CONCACAF Champions League Cup.svg Liga dos Campeões da CONCACAF 3 1993, 1995Cscr-featured.svg e 2005
CONCACAF - Champions Cup.svg Copa Interclubes da UNCAF 5 1972, 1973, 1978, 1998 e 2003
CONCACAF - Champions Cup.svg Liga da CONCACAF 1 2019
CONCACAF - Champions Cup.svg Campeões da América Central 1 1970
Nacionais
Competição Títulos Temporadas
Costa Rica Primera División de Costa Rica

Recordista

35 1952–53, 1953–54, 1957–58, 1962–63, 1964–65, 1965–66, 1967–68, 1968–69, 1969–70, 1972–73, 1973–74, 1974–75, 1975–76, 1976–77, 1977–78, 1982–83, 1988–89, 1989–90, 1993–94, 1994–95, 1997–98, 1998–99, 2003–04, 2005–06, 2006–07, 2007–08 A, 2007–08 C, 2008-I, 2010-V, 2014-V, 2014-I, 2015-I, 2016-I e 2018-V

Cscr-featured.svg Campeão Invicto

Campanhas de destaque[editar | editar código-fonte]

Lista de treinadores[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Perfil na Soccerway.com». Consultado em 27 de agosto de 2016 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Bandeira de Costa RicaSoccer icon Este artigo sobre clubes de futebol costarriquenhos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.