Derby do Cerrado

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Goiás versus Vila Nova
Goiás versus Vila Nova
Goiás = 148 vitória(s), 447 gol(s)
Vila Nova = 71 vitória(s), 308 gol(s)
Empates 80
Total de jogos 299
Total de gols 755
editar

Vila Nova versus Goiás, Derby Goiano, Maior do Centro-Oeste ou Derby do Cerrado é o maior clássico da Região Centro-Oeste do Brasil, seja pela performance dos dois clubes nos gramados, pela rivalidade envolvendo os dois times ou pela presença das duas grandes torcidas nas arquibancadas.

História[editar | editar código-fonte]

Nascimento e crescimento da rivalidade[editar | editar código-fonte]

O Goiás foi fundado no dia 6 de abril de 1943 e o Vila Nova no dia 29 de julho de 1943.

Em seus primórdios, o Goiás era um clube de origem pequeno burguesa e o Vila Nova um clube operário, formado por migrantes que tinham ido participar da construção da cidade de Goiânia, criando uma rivalidade que retratava uma parte da divisão social da época, que viria a superar a maior rivalidade clubística anterior, existente ente Atlético e Goiânia, o primeiro como representante do bairro de Campinas, e o segundo tido então como clube dos funcionários públicos.[1][2]

Campeão goiano de 1973, o Vila Nova acreditou que representaria o Estado de Goiás no Campeonato Brasileiro, mas o Goiás foi o escolhido pela então CBD, por convite, causando decepção e problemas financeiros ao Tigre, que havia investido bastante no time.[3]

Colaborou para isso o fato do Goiás ter entrado na justiça desportiva questionando o resultado da decisão, arrastando a homologação do título por mais de 2 anos.[4]

Hegemonia regional[editar | editar código-fonte]

Nas 4 edições da Copa Centro-Oeste, este clássico do futebol goiano decidiu o título em duas ocasiões (2000 e 2001), com duas vitórias do Goiás, que é o maior vencedor desta copa com três conquistas, enquanto o Vila Nova tem 3 vice-campeonatos, sendo o primeiro deles em 1999, curiosamente numa final contra o tradicional Cruzeiro, de Minas Gerais, que disputou a primeira edição deste torneio assim como outros clubes mineiros.

O Goiás, que tem como símbolo um periquito, é o maior ganhador do Campeonato Goiano, com 26 conquistas, e o Vila Nova, que tem como símbolo um tigre, é o segundo, com 15 títulos.

O alviverde Goiás conquistou o Campeonato Brasileiro Série B de 1999 e o de 2012, enquanto o colorado Vila Nova os campeonatos brasileiros Série C de 1996 e de 2015, com o Vila alcançando a 14º melhor média de público pagante considerando as três principais divisões do Campeonato Brasileiro nesta última conquista.[5]

Personagem[editar | editar código-fonte]

O irreverente goleador Túlio Maravilha é um dos personagens mais interessantes deste clássico. Após ter jogado com muito sucesso no Goiás, sendo campeão algumas vezes, artilheiro do Campeonato Goiano de 1991 e do Campeonato Brasileiro – Série A pelo alviverde, além de ter jogado em outros clubes, Túlio chegou ao Vila Nova cercado de desconfiança.

Ao chegar, logo declarou que era como melancia, "verde por fora, mas vermelho por dentro", quebrando a desconfiança da torcida do Vila Nova, seu clube do coração e ajudando o Vila Nova a conquistar o Campeonato Goiano de 2001, tendo sido o artilheiro deste campeonato com 16 gols e feito um gol na final em que o Vila derrotou o Goiás por 3–1.

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

Retrospecto geral (considerados jogos oficiais e amistosos), tanto na época amadora, como na profissional[editar | editar código-fonte]

Estatísticas
Número de jogos 294
Vitórias do Goiás 142
Empates 81
Vitórias do Vila Nova 71
Gols do Goiás 447
Gols do Vila Nova 306
Primeiro jogo não-oficial realizado no no ano de 1943 Goiás 4–3 Vila Nova (partida amistosa)
Primeiro jogo oficial realizado no ano de 1944 Goiás 3–1 Vila Nova
  • Último jogo considerado: Vila Nova 3-0 Goiás em 25 de agosto de 2018, válido pelo Campeonato Brasileiro – Série B.
  • Maior goleada do Goiás: Goiás 7–0 Vila Nova, em 1946. Em jogos oficiais a maior goleada foi Goiás 6–1 Vila Nova em 8 de fevereiro de 2009, válido pelo Campeonato Goiano de 2009. O Goiás também venceu o Vila Nova por 6–1, no dia 9 de fevereiro de 1957, em jogo válido pelo Campeonato Goiano de Amadores de 1956.
  • Maior goleada do Vila Nova: Vila Nova 5–0 Goiás, em 1979 (Troféu Ruy Brasil Cavalcante Júnior - Amistoso). Em jogos oficiais, a maior goleada foi Vila Nova 5–1 Goiás, em 15 de julho de 1973, válido pelo Campeonato Goiano.
  • Observação: Não está computado o amistoso realizado no dia 9 de junho de 2007, em Aruanã-GO, com vitória do Vila Nova por 4 –0. Existem várias outras estatísticas que consideram apenas jogos na Era do Profissionalismo, ou jogos de Campeonatos Goianos na era profissional, sendo que os dados acima mostram a estatística geral do clássico.
  • Fonte: Arquivo com informações oriundas da Rádio Brasil Central AM.

Decisões diretas, indiretas e semifinais[editar | editar código-fonte]

  • 1966 – Goiás vence o Vila Nova e conquista o título – Decisão indireta[6]
  • 1971 – Goiás campeão sobre o Vila Nova – Final direta
  • 1973 – Vila Nova campeão sobre o Goiás – Final direta
  • 1977 – Vila Nova vence o quadrangular final do Goiano – Final indireta
  • 1978 – Vila Nova vence o Goiás e conquista o título goiano – Final indireta
  • 1979 – Vila Nova vence hexagonal final – Final indireta
  • 1980 – Vila Nova vence quadrangular final – Final indireta
  • 1982 – Vila Nova campeão sobre o Goiás – Final direta
  • 1983 – Goiás elimina o Vila Nova na semifinal do segundo turno – Semifinal direta
  • 1989 – Goiás campeão sobre o Vila Nova – Final direta
  • 1993 – Vila Nova campeão sobre o Goiás – Final direta
  • 1994 – Goiás campeão sobre o Vila Nova – Final direta
  • 1995 – Vila Nova elimina o Goiás em quadrangular semifinal – Semifinal indireta
  • 1996 – Goiás vence o Vila no final do 1º turno – Final de turno
  • 1997 – Goiás elimina o Vila Nova na semifinal – Semifinal direta
  • 1998 – Goiás campeão sobre o Vila Nova – Final direta
  • 1999 – Goiás campeão da Série B, do Campeonato Brasileiro – Final indireta
  • 2000 – Goiás ganha o primeiro turno do Campeonato Goiano sobre o Vila Nova – Final de turno
  • 2000 – Goiás ganha o segundo turno do Campeonato Goiano sobre o Vila Nova – Final de turno
  • 2000 – Goiás campeão sobre o Vila Nova – Final direta (Copa Centro-Oeste)
  • 2001 – Vila Nova campeão sobre o Goiás – Final direta
  • 2001 – Goiás campeão sobre o Vila Nova – Final direta (Copa Centro-Oeste)
  • 2002 – Goiás elimina o Vila Nova na semifinal da Copa Centro-Oeste – Semifinal direta (Copa Centro-Oeste)
  • 2005 – Vila Nova campeão sobre o Goiás – Final direta
  • 2006 – Goiás elimina o Vila Nova na semifinal do Campeonato Goiano – Semifinal direta
  • 2007 – Goiás elimina o Vila Nova na semifinal do Campeonato Goiano – Semifinal direta
  • 2011 – Goiás elimina o Vila Nova na semifinal do Campeonato Goiano – Semifinal direta
  • 2012 – Goiás elimina o Vila Nova na semifinal do Campeonato Goiano – Semifinal direta
  • 2016 – Goiás elimina o Vila Nova na semifinal do Campeonato Goiano – Semifinal direta
  • 2017 - Goiás campeão sobre o Vila - Final direta
Decisões diretas de títulos

Campeonato Goiano – Vila Nova 5 – 5 Goiás

Copa Centro-Oeste – Vila Nova 0 – 2 Goiás

Total – Vila Nova 5 – 7 Goiás

Decisões indiretas de títulos

Campeonato Goiano – Vila Nova 4 – 1 Goiás

Campeonato Brasileiro – Série B – Vila Nova 0 – 1 Goiás

TotalVila Nova 4 – 2 Goiás

Semifinais diretas (disputada somente entre os dois)

Campeonato Goiano – Vila Nova 0 – 5 Goiás

Total – Vila Nova 0 – 5 Goiás

Semifinais indiretas (disputada pelos dois, com participação de outras equipes)

Campeonato Goiano – Vila Nova 1 – 0 Goiás

TotalVila Nova 1 – 0 Goiás

Decisões de turno

Campeonato Goiano – Vila Nova 0 – 3 Goiás

Semifinal de turno

Campeonato Goiano – Vila Nova 0 – 1 Goiás

Total Geral

Campeonato Goiano – Vila Nova 10 – 15 Goiás

Copa Centro-Oeste – Vila Nova 0 – 2 Goiás

Campeonato Brasileiro – Série B – Vila Nova 0 – 1 Goiás

Total – Vila Nova 10 – 18 Goiás

Resultados[editar | editar código-fonte]

Vitórias do Goiás Empate Vitórias do Vila Nova

Campeonato Brasileiro – Série A[7][editar | editar código-fonte]

# Data Estádio Casa Visitante Placar Gols (casa) Gols (visitante)
01 20 de novembro de 1977 Serra Dourada Goiás Vila Nova 1–0 (0–0) Lincoln (46')
02 11 de dezembro de 1977 Serra Dourada Vila Nova Goiás 0–3 (0–1) Lincoln (5', 49'), Rinaldo (61')
03 23 de abril de 1978 Serra Dourada Vila Nova Goiás 0–1 (0–0) Píter (62')
04 6 de outubro de 1979 Serra Dourada Vila Nova Goiás 2–1 (2–1) Puruca (1', 45') Pastoril (18')

Campeonato Brasileiro – Série B[editar | editar código-fonte]

# Data Estádio Casa Visitante Placar Gols (casa) Gols (visitante)
01 1º de agosto de 1999 Serra Dourada Goiás Vila Nova 1–0
02 24 de novembro de 1999 Serra Dourada Goiás Vila Nova 1–0 Araújo
03 8 de dezembro de 1999 Serra Dourada Vila Nova Goiás 0–1 Dimba
04 6 de agosto de 2011 Serra Dourada Goiás Vila Nova 1–1 (0–0) Felipe Amorim (86') Jairo (50')
05 4 de novembro de 2011 Serra Dourada Vila Nova Goiás 2–3 (1–3) Túlio Souza (5'), Leandro Cearense (85') Iarley (9'), Felipe Amorim (33', 45')
06 25 de junho de 2016 Serra Dourada Vila Nova Goiás 1–1 (0–0) Vandinho (90'+3) Rossi (58')
07 15 de outubro de 2016 Serra Dourada Goiás Vila Nova 1–2 (0–1) Walter (90'+2) Joãozinho (14'), Frontini (60')
08 24 de junho de 2017 Serra Dourada Goiás Vila Nova 0–2 (0–2) Alan Mineiro (1', 39')
09 14 de outubro de 2017 Serra Dourada Vila Nova Goiás 0–0 (0–0)
10 5 de maio de 2018 Serra Dourada Goiás Vila Nova 1–3 (1–1) Rafinha (32') Reis (9'), Alan Mineiro (63', 72')

Maiores públicos[editar | editar código-fonte]

  • Exceto os jogos onde constam os públicos pagantes e presentes, os demais referem-se apenas aos públicos pagantes, todas as partidas disputadas no Estádio Serra Dourada.
  1. Goiás 2–4 Vila Nova, 64 614, 10/06/1979, Campeonato Goiano de 1979;
  2. Goiás 3–1 Vila Nova, 58 952 (57 682 pagantes), 08/05/1977, Campeonato Goiano de 1977;
  3. Goiás 1–1 Vila Nova, 58 843 (41 002 pagantes), 12/12/1982, Campeonato Goiano de 1982;
  4. Goiás 3–5 Vila Nova, 47 712, 28/03/1999, Campeonato Goiano de 1999;
  5. Goiás 1–1 (0–1, na prorrogação) Vila Nova, 46.636, 12/08/1993, Campeonato Goiano de 1993;
  6. Goiás 3–1 Vila Nova, 45 932, 30/05/1999, Campeonato Goiano de 1999;
  7. Goiás 1–3 Vila Nova, 45 351, 03/06/2001, Campeonato Goiano de 2001;
  8. Goiás 0–0 Vila Nova, 45 317, 17/04/2005, Campeonato Goiano de 2005;
  9. Goiás 4–3 Vila Nova, 44 764 (38 599 pagantes), 28/04/2002, Copa Centro-Oeste de 2002;
  10. Goiás 2–0 Vila Nova, 44 707, 09/04/1989, Campeonato Goiano de 1989;
  11. Goiás 1–0 Vila Nova, 43 913 (35 488 pagantes), 08/12/1999, Camp. Brasileiro da Série B de 1999;
  12. Goiás 1–0 Vila Nova, 42 703 (35 516 pagantes), 24/11/1999, Camp. Brasileiro da Série B de 1999;
  13. Goiás 0–0 Vila Nova, 41 156, 07/07/1976, Campeonato Goiano de 1976;
  14. Goiás 1–1 Vila Nova, 41 003, 12/12/1982, Campeonato Goiano de 1982;
  15. Goiás 3–1 Vila Nova, 39 846, 02/09/1989, Campeonato Goiano de 1989;
  16. Goiás 1–0 Vila Nova, 37 654, 17/03/2011, Copa Centro-Oeste de 2001;
  17. Goiás 0–2 Vila Nova, 36 094, 11/02/1979, Campeonato Goiano de 1978.

Fontes: RSSSF Brasil,[8] Revista Placar, Jornal O Popular, Jornal Diário da Manhã, Rádio Brasil Central AM.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Quadro comparativo
Competições Nacionais Goiás Vila Nova
Campeonato Brasileiro – Série B 2 0
Campeonato Brasileiro – Série C 0 2
Competições Regionais Goiás Vila Nova
Copa Centro-Oeste 3 0
Competições Estaduais Goiás Vila Nova
Campeonato Goiano 28 15
Super Campeonato Goiano 0 1
Copa Goiás 0 3
Torneio Início 7 4
Campeonato Goiano – Segunda Divisão 0 2
Copa Leonino Caiado de Futebol 5 2
Competições Municipais Goiás Vila Nova
Taça Cidade de Goiânia 0 6
Total 45 35

Referências