Desert Operations

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Desert Operations
Produtora(s) Playzo Gmbh
Distribuidora(s) Looki
Plataforma(s) Browser
Lançamento BrasilReino Unido9 de Abril de 2010[1][2]
Gênero(s) Estratégia
Modos de jogo Multiplayer

Desert Operations é um Browser-Game de estratégia militar online[3][4] desenvolvido pela Playzo GmbH,[5] uma empresa Alemã no segmento de jogos de navegador. No Brasil seu primeiro servidor foi lançado em 9 de Abril de 2010[1] e é mantido pela Looki Br. A história do jogo se passa em 2022,quando se inicia a 3ª Guerra Mundial.[6]

Objetivo[editar | editar código-fonte]

O objetivo de Desert Operations é administrar um país em todos os seus segmentos,desde a economia até a defesa. O jogador conta com a possibilidade de montar seu exército para defender seus país de outros jogadores. O arsenal vai desde de simples soldados até modernos aviões como o F-117 Nighthawk.[7] Pode-se também fazer comércio com outros usuários, inúmeros recursos podem ser vendidos, como ouro, petróleo e armas.[8]

Alianças[editar | editar código-fonte]

O jogador pode se unir a outros por meio de alianças[4] ("ally", como é dito na linguagem do jogo), estas alianças podem servir para vários motivos dentro do game, desde apenas para obter proteção até para somente fazer amizades. Entrar para uma aliança é muito importante pois garante uma certa proteção dentro do jogo. As alianças são de grande importância também para os novatos que podem por meio das mesmas terem ajuda. Existe também um sistema de guerras entre alianças, que duram no máximo trinta dias, vence a aliança que tiver mais combates ganhos no fim da guerra. As alianças também podem se unir em tratado de Aliança e Pactos de não-agressão[5]

Escândalo[editar | editar código-fonte]

Diversas acusações surgiram de jogadores que se sentiram injustiçados pela empresa administradora do jogo, a Looki. Vieram à tona possíveis irregularidades envolvendo prováveis edições de contas, com o intuito de dificultar o jogo e estimular a compra de diamantes (recurso do jogo, pago com dinheiro real). Pesava também a denúncia de atuação supostamente ilícita da Looki no Brasil[9]. Dois blogs foram criados por jogadores que teriam sido lesados, o "Blog do Caminhante" (http://caminhante-do.blogspot.com) e também no "Desert-Operations - Jogo Justo Não Existe!!! "(http://blogdelatordesertoperations.blogspot.com/[ligação inativa]). Apesar disso, não houve qualquer prova contra a Looki.

Referências

  1. a b «Servidor Brasileiro de Desert Operations». Consultado em 14 de abril de 2011 [ligação inativa]
  2. «Servidor Britânico de Desert Operations» (em inglês). Consultado em 10 de maio de 2011 
  3. «Desert Operations no MTV Flash Games». Consultado em 19 de abril de 2011. Arquivado do original em 9 de agosto de 2011 
  4. a b «Desert Operations no MMO Portugal». Consultado em 19 de abril de 2011 
  5. a b «Desert Operations no site da Playzo Gmbh» (em alemão). Consultado em 19 de abril de 2011 
  6. «Manual do jogo». Consultado em 14 de abril de 2011 
  7. «Manual do jogo-Unidades». Consultado em 15 de abril de 2011 
  8. «Manual do jogo-Comércio». Consultado em 15 de abril de 2011 
  9. «Blog do Caminhante». Consultado em 23 de maio de 2011 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Portal.svg A Wikipédia possui o
Portal Games