Design moderno

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

O termo design moderno se refere a uma prática e ideologia de design que têm suas origens no século XIX. Além de ser o estilo característico de design da primeira metade de século XX.

No final do século XIX, em função do desenvolvimento de novas tecnologias industriais, especialmente na Grã-Bretanha, houve uma necessidade em se criar uma divisão clara entre o artista plástico e o designer.

"O conceito de arte pela arte, de um objeto belo que existe apenas pelo seu valor estético, não se desenvolveu até o século XIX. Antes da revolução industrial, a beleza das formas e imagens criadas pelas pessoas estavam ligadas à sua função na sociedade." (Philip Meggs, A history of Graphic Design).

Design gráfico moderno[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Design gráfico moderno

Design de produto moderno[editar | editar código-fonte]

Com as mudanças na forma de produção durante a Revolução Industrial, cada vez mais se fez necessário que houvesse alguém responsável pela concepção dos objetos industriais. Essa figura seria conhecida como o designer e, mais tarde, designer de produto.

A diferenciação de trabalho de design entre o responsável pelo projeto na indústria e o artesão, com uma tradição antiga, se torna evidente. Essa mudança de paradigma na produção foi tão contrastante que, até hoje, há polêmica em se considerar um artesão um tipo de designer.

Fatores históricos[editar | editar código-fonte]

Fatores do design moderno[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre design é um esboço relacionado ao Projeto Arte. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.