Desperdício de alimentos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Cartaz da 1ª Guerra Mundial

Desperdício de alimentos é o descarte ou inutilização de qualquer substância alimentar, independentemente do fato de estar crua ou cozida. A definição da expressão varia entre diferentes grupos políticos e entidades. Diversos fatores contribuem que o alimento seja descartado seja durante sua produção, beneficiamente ou comercialização. Dados de 2011 apontam que 1,3 bilhão de tonelada de comida, cerca de 1/3 da produção mundial, são perdidas ou descartadas anualmente.[1] [2] As perdas ocorrem em todas as etapas, em países com renda per capita menor, as maiores perdas ocorrem durante a produção. Já nos países com renda per capita maior, as perdas - cerca de 100 quilogramas por pessoa, por ano - ocorrem no estágio do consumo. [1] Muitos alimentos orgânicos podem ser utilizados para pratos saudáveis,como: -cascas de frutas -caroços de legumes -entre outros. A maioria da população desperdiça os alimentos por não ter conhecimento de que sobras de alimentos podem ser usadas para fazer pratos.

Referências

  1. a b Gustavson et al., p. v.
  2. Organização das Nações Unidas (23 de outubro de 2013). Desperdício global de alimentos gera prejuízo de 750 bilhões de dólares por ano, calcula FAO Organização das Nações Unidas. Visitado em 17 de outubro de 2014.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.