Di indigetes

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde maio de 2012). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Os di indigetes ("deuses indígenas") constituíam um grupo de deuses, deusas e espíritos romanos que não haviam sido adoptados de outras mitologias, em oposição aos di novensides, segundo a terminologia de Georg Wissowa.

A maioria representa pouco mais que a personificação de algumas qualidades abstractas, sendo, por isso, quase todos, deuses menores. Ops, Jano e Quirino são dos poucos destes deuses com alguma importância. Tal como a maioria dos termos em latim para abstracções e conceitos, estes deuses são geralmente do género feminino - o que explica a abundância de deusas entre os romanos.

Lista de deuses indigetes[editar | editar código-fonte]

  1. Abeona
  2. Abundância
  3. Adeona
  4. Equidade
  5. Éra Cura
  6. Eternidade
  7. Africo
  8. Aio Locúcio
  9. Alemônia
  10. Angerona
  11. Angita
  12. Angícia
  13. Ana Perena
  14. Antevorte
  15. Averna
  16. Bona Dea
  17. Bubona
  18. Candelífera
  19. Cardeia
  20. Carmenta
  21. Carna
  22. Cátilo
  23. Cínxia
  24. Clemência
  25. Cloacina
  26. Cocles
  27. Concórdia
  28. Conditor
  29. Conso
  30. Convector
  31. Cópia
  32. Coro
  33. Cuba
  34. Cunina
  35. Cura
  36. Curiácios
  37. Dea Dia
  38. Dea Tacita
  39. Devera
  40. Deverra
  41. Di Penates
  42. Dia
  43. Disciplina
  44. Dius Fidus
  45. Domíduca
  46. Domíduco
  47. Domício
  48. Duelona
  49. Edusa
  50. Egéria
  51. Egestes
  52. Empanda
  53. Endovélico
  54. Evandro
  55. Evento Bono
  56. Fabulino
  57. Fecundidade
  58. Faustitas
  59. Febre
  60. Felicidade
  61. Ferentina
  62. Ferônia
  63. Fides
  64. Fonte
  65. Fornax
  66. Frau
  67. Fúlgora
  68. Furina
  69. Honra
  70. Horácios
  71. Imporcidor
  72. Invidia
  73. Ínuo
  74. Jana
  75. Jano
  76. Juturna
  77. Lactante
  78. Larenta
  79. Lares
  80. Laverna
  81. Levena
  82. Generosidade
  83. Liberdade
  84. Libitina
  85. Lima
  86. Maiesta
  87. Manes
  88. Matronas
  89. Meditrina
  90. Mefite
  91. Melona
  92. Mena
  93. Mente
  94. Messor
  95. Moneta
  96. Múrcio
  97. Múrcia
  98. Muta
  99. Mutino Mutuno
  100. Nênia
  101. Náscio
  102. Nemestrino
  103. Nério
  104. Nixi
  105. Nóduto
  106. Nona
  107. Novensilo
  108. Nundina
  109. Obarator
  110. Occator
  111. Orbona
  112. Pales
  113. Pártula
  114. Patalena
  115. Pavência
  116. Picumno
  117. Pietas
  118. Pilumno
  119. Poena
  120. Pomona
  121. Poro
  122. Postverta
  123. Potina
  124. Promidor
  125. Prorsa Postverta
  126. Providência
  127. Pudicícia
  128. Puta
  129. Quirino
  130. Quirite
  131. Rederador
  132. Róbigo
  133. Roma
  134. Rumina
  135. Runcina
  136. Rusina
  137. Saridor
  138. Segurança
  139. Semônia
  140. Sência
  141. Sorano
  142. Sors
  143. Spes
  144. Espiniense
  145. Stata Mater
  146. Estatina
  147. Estatano
  148. Estrênua
  149. Suedela
  150. Subruncinador
  151. Sumano
  152. Têlumo
  153. Tempestes
  154. Término
  155. Tiberto
  156. Vacuna
  157. Vervactor
  158. Verdade
  159. Vermino
  160. Vertuno
  161. Vica Pota
  162. Víduo
  163. Vírbio
  164. Viriplaca
  165. Virtude
  166. Vitumno
  167. Volturno
  168. Volumna