Diagrama QAPF

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Streckeisen.jpg

O diagrama QAPF é um diagrama ternário duplo concebido por Streckeisen (1967) no qual é feita a classificação de de rochas plutônicas e vulcânicas de acordo com a composição modal das rochas em questão. Essa classificação é recomendada pela IUGS.

As siglas representam as iniciais dos minerais cujas modas entram na classificação[1]:

Q representa quartzo, tridimita e cristobalita;

A representa os feldspatos alcalinos e a albita (Ab95-100);

P representa os plagioclásios (Ab0-95) e as escapolitas;

F representa os feldspatóides (nefelina, leucita, pseudo-leucita, sodalitas, hauynita, cancrinita, analcima e kalsilita).

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Streckeisen, A. L., 1967. Classification and nomenclature of igneous rocks. Final report of an inquiry. Neues Jahrbuch fur Mineralogie, Abhandlungen, 107, 144-240.
  • Wernick, E. 2003. Rochas magmáticas. Ed.UNESP, p. 336-339.
  1. LE MAITRE, R. W. (2002). Igneous Rocks: A Classification and Glossary of Terms. Cambridge: Cambridge University Press. p. 4