Dias d'Ávila

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Dias d'Ávila
  Município do Brasil  
Símbolos
Bandeira de Dias d'Ávila
Bandeira
Brasão de armas de Dias d'Ávila
Brasão de armas
Hino
Lema Minha cidade, meu orgulho.
Apelido(s) "Cidade das águas"
Gentílico diasdavilense
Localização
Localização de Dias d'Ávila na Bahia
Localização de Dias d'Ávila na Bahia
Mapa de Dias d'Ávila
Coordenadas 12° 36' 46" S 38° 17' 49" O
País Brasil
Unidade federativa Bahia
Região metropolitana Salvador
Municípios limítrofes Camaçari, Candeias, Simões Filho, Mata de São João, São Sebastião do Passé
Distância até a capital 56 km
História
Fundação 25 de fevereiro de 1985 (36 anos)
Emancipação 25 de fevereiro de 1985
Aniversário 25 de fevereiro
Administração
Prefeito(a) Alberto Pereira Castro (PSDB, 2021 – 2024)
Características geográficas
Área total [1] 184,230 km²
População total (IBGE/2020[2]) 82 432 hab.
 • Posição BA: 25°
Densidade 447,4 hab./km²
Clima Tropical
Altitude 35 m
Fuso horário Hora de Brasília (UTC−3)
CEP 42850-000
Indicadores
IDH (PNUD/2010[3]) 0,676 médio
Gini (PNUD/2010[4]) 0,50
PIB (IBGE/2018[5]) R$ 2 910 591,73 mil
PIB per capita (IBGE/2018[5]) R$ 36 526,22
Sítio diasdavila.ba.gov.br (Prefeitura)

Dias d'Ávila é um município brasileiro do estado da Bahia. Em 2020 a sua população estimada era de 82 432 habitantes. No mesmo se encontra as melhores fontes de água da Bahia, fato que lhe dá o apelido de "Cidade das Águas". Pertencente a RMS (Região metropolitana de Salvador), e vizinha ao Pólo industrial de Camaçari, a cidade é habitada por uma grande massa de trabalhadores que se mudaram para lá após a implantação e ampliação do Pólo petroquímico de Camaçari.

Antigamente a cidade era considerada umas das melhores cidades de veraneio, pelas suas paisagens e clima agradável, além do seu principal ponto turístico: o Imbassay, localizado pós nascente de um rio, a lama presente era considerada por muitos como medicinal.

Hoje, a cidade é considerada como cidade dormitório, com sua maioria de origem externa, até pelo fato da cidade ter apenas 30 anos desde a sua emancipação política de Camaçari, emancipação esta que até hoje é criticada devido aos limites territoriais estabelecidos para a cidade, que limitou o seu desenvolvimento.

No limite territorial acordado a cidade passou a ter 184 km², sendo este dividido entre a zona urbana (maior concentração da população) e diversos distritos rurais, nos quais se destacam os distritos de Emboacica, Biribeira, Barragem de Santa Helena, Jardins Futurama e Leandrinho.

História[editar | editar código-fonte]

A história deste município funde-se com a da Bahia, sendo Garcia d'Ávila seu fundador.[6]

Emancipação política[editar | editar código-fonte]

Até 1985, a cidade era apenas uma estância, distrito da cidade de Camaçari que devido a seus diversos problemas, não davam conta da manutenção do distrito que até então encontrava-se abandonado. Com isso os próprios moradores requereram a emancipação política da estância.

O trabalho de emancipação, porém, foi árduo, visto que a estância não possuía condições econômicas, nem estruturais para se libertar, o que gerou movimentos que buscaram a melhoria das condições na estância, provando esta ser capaz de se manter. Um grupo de destaque nesse processo foi a Sociedade de Amigos de Dias D’Ávila, criado por volta dos anos 70. O trabalho destes grupo rendeu duas conquistas importantes, a primeira sendo a implantação da 25º delegacia de polícia e a outra, a linha para a capital, ausente até então.

Os limites da estância foram amplamente discutidos, e só então com a confirmação de que a Caraíba Metais estava instalada dentro dos limites do município, foi que se deu o último passo para a emancipação.

No dia 25 de junho de 1984, era publicada a lei que ratificava os limites e criava o município. Porém só em 25 de fevereiro de 1985 foi oficialmente confirmada a emancipação e a criação da cidade de Dias D'Ávila.[7]

Referências

  1. IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  2. «estimativa_dou_2020.xls». ibge.gov.br. Consultado em 29 de agosto de 2020 
  3. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil» (PDF). Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2010. Consultado em 7 de agosto de 2013 
  4. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (2010). «Perfil do município de Dias d'Ávila - BA». Atlas do Desenvolvimento Humano no Brasil 2013. Consultado em 4 de março de 2014 
  5. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios - 2010 à 2018». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 24 de dezembro de 2020 
  6. «A nossa História». diasdavila.ba.gov.br. Consultado em 26 de novembro de 2012 
  7. «Camaçari: Uma área de preservação ambiental». EcoViagem. Consultado em 27 de abril de 2013 [ligação inativa]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um município da Bahia é um esboço relacionado ao WikiProjeto Nordeste do Brasil. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.