Diego Laynez

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes fiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde agosto de 2010). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Diego Laynez
Nascimento 1512
Almazán
Morte 19 de janeiro de 1565 (53 anos)
Roma
Cidadania Espanha
Alma mater Universidade de Paris
Ocupação padre católico, teólogo
Religião catolicismo

Diego Laynez (ou Lainez, ou ainda, Laines) foi um jesuíta espanhol e teólogo (19 de janeiro de 1512 - 1565). Foi o segundo Superior Geral da Companhia de Jesus, logo após Inácio de Loyola.

Nasceu na cidade de Almazán em Castela. Após a graduação em Alcalá vai a Paris onde encontra Inácio de Loyola. Ele foi um dos seis que, junto com Inácio formaram o grupo[1] conhecido como Companheiros no Senhor que foi o germe da Companhia de Jesus. Na Igreja de Santa Maria em Montmatre tomou os votos de pobreza e castidade. E então Laynez e seus companheiros decidem ir até Jerusalém.

Como não havia navio disponível para a Palestina, não foi possível a peregrinação inicialmente planejada. Resolvem então, os companheiros, oferecer seus serviços ao Papa.

Já no Concílio de Trento, Laynez era um dos peritos (teólogo) a serviço de Paulo III, destacando-se no concílio, especialmente na fase final (1562-63). Foi posteriormente convidado a suceder a Inácio de Loyola como superior-geral da Companhia. Na época era professor de teologia escolástica em La Sapienza.

Quando Inácio morreu, Laynez torna-se algo como um vigário-geral da companhia. Devido a crises internas e uma difícil relação com o Papa Paulo IV, só dois anos após a morte de Inácio, em 1558, Diego Laynez se torna o segundo Superior Geral da Companhia de Jesus.

Com a morte do Papa Paulo IV muitos cardeais cogitaram de eleger Laynez como o próximo Papa, mas, evitando os cardeais, Laynez não aceitou.

Escritos[editar | editar código-fonte]

  • Lainii Monumenta: Epistolae et Acta
  • Disputationes Tridentinae

Referências

  1. Miguel Servet Pesquisa Página da Web que contém o manuscrito da Universidade de Paris, que mostra seis dos sete jesuítas originais, e Miguel de Villanueva ("Servet")
Precedido por
Inácio de Loyola
Superior Geral da Companhia de Jesus
1558 – 1565
Sucedido por
Francisco Borja
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.