Digitalização

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
A primeira imagem escaneada

Digitalização é o processo pelo qual uma imagem ou sinal analógico é transformado em código digital. Isso se dá através de um equipamento e software digitalizador de imagens (scanner) o exemplo, em um sistema de Gerenciamento Eletrônico de Documentos, conhecido como GED ou em bancos de imagens ou áudio.[1]

A digitalização também compreende, a conversão para o código digital de sinais de áudio e imagens em movimento (vídeos), originalmente em outros formatos como as gravações em discos fonográficos em vinil (sulcos) e em sinal eletromagnético analógico gravados em fios, fitas e discos magnéticos.[carece de fontes?]

A digitalização é também feita em radiografias e a tendência mercadológica é crescer o número de documentos digitalizados, empresas especializadas no processo de digitalização seguem normas como ISO e IEEE. Para esse tipo de função empresas desenvolvem softwares especializados, como a IBM e a Store Up.

As digitalizações de papéis em múltiplas páginas mais comuns acontecem nos formatos digitais .tif e .pdf, sendo que tanto as impressoras multifuncionais mais comuns quanto as copiadoras profissionais possuem a função scanner.[2]

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre Informática é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.