Dimitri Ivanovski

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
 Nota: Para o distrito russo, veja Ivanovsky (distrito).
Dimitri Ivanovski
Dimitri Ivanovski
Nascimento 28 de outubro de 1864
Gdov
Morte 20 de junho de 1920 (55 anos)
Rostóvia do Dom
Sepultamento Brethren Cemetery
Cidadania Império Russo
Irmão(s) Aleksey Ivanovsky
Alma mater
Ocupação virólogo, botânico, biólogo
Prêmios
  • Ordem de Santa Ana, 2.ª classe
  • Ordem de Santa Ana, 3.ª classe
  • Ordem de Santo Estanislau, 2.ª classe
  • Ordem de São Vladimir, 4.ª classe
  • Ordem de Santo Estanislau, 3.ª classe
Empregador Universidade de Varsóvia, Rostov State University
Selo postal da União Soviética, Dimitri Ivanovski, 1964 (Michel 2978, Scott 2938)

Dimitry Iosifovich Ivanovsky (9 de novembro de 186420 de abril de 1920) foi um biólogo russo-ucraniano que descobriu os vírus em 1892.

Ivanovsky estudava na Universidade de São Petersburgo em 1887, quando foi enviado para investigar uma doença que afetava o tabaco, tendo descrito-a como wildfire (em português "o fogo selvagem") — o mosaico-do-tabaco. Três anos mais tarde, pediram que olhasse uma outra doença de plantas do tabaco, desta vez na Crimeia. Descobriu que ambas as doenças foram causadas por um agente infinitamente microscópico capaz de penetrar filtros de porcelana, algo que as bactérias nunca poderiam fazer. Descreveu suas pesquisas em um artigo (1892) e em uma dissertação (1902).

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) biólogo(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.