Dinâmica de grupo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Dinâmica de grupo é uma ferramenta de estudo de grupos e também um termo geral para processos de grupo. Em psicologia e sociologia, um grupo são duas ou mais pessoas que estão mutuamente conectadas por relacionamentos sociais.[1] Por interagir e influenciarem-se mutuamente, grupos desenvolvem vários processos dinâmicos que os separam de um conjunto aleatório de indivíduos. Estes processos incluem normas, papéis sociais, relações, desenvolvimento, necessidade de pertencer, influência social e efeitos sobre o comportamento. O campo da dinâmica de grupo preocupa-se fundamentalmente com o comportamento de pequenos grupos. Grupos podem ser classificados como agregados, primários, secundários e grupos de categoria.

Exercícios de dinâmica de grupo são muitas vezes usados para melhorar o entrosamento dos diversos elementos do mesmo grupo. Alguns exemplos de dinâmicas que têm esse objetivo são a dinâmica do espelho e a do presente. Hoje em dia, muitas entrevistas de emprego contêm uma vertente de dinâmica de grupo, onde a capacidade de interação de um indivíduo com o grupo é avaliada. Essa área é cada vez mais valorizada, porque pessoas que são boas em dinâmicas de grupo normalmente trabalham bem em equipe, uma característica muito procurada no contexto de trabalho nos dias de hoje.[2]

Aplicação[editar | editar código-fonte]

A dinâmica de grupo forma a base da terapia de grupo, frequentemente com abordagem terapêutica, como na terapia familiar e na terapia expressiva. Políticos e vendedores podem lançar mão do conhecimento de princípios de dinâmica de grupo para seu próprio benefício. É muito utilizada pelos setores de Recursos Humanos na seleção de candidatos a emprego. Além disso, tem despertado interesse crescente por conta da interação social online viabilizada pela internet.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Notas[editar | editar código-fonte]

  1. Forsyth, D.R. Group Dynamics, 2006
  2. Significado de Dinâmica significados.com.br. Visitado em 17/04/2015.

Referências[editar | editar código-fonte]

  • FORSYTH, D.R. Group Dynamics (4a. edição). Belmont, CA: Thomson Wadsworth, 2006. ISBN 0-534-36822-0
  • MINICUCCI, Agostinho. Dinâmica de grupo em seleção de pessoal. São Paulo: Vetor, 1987.
  • PEREIRA, William Cesar Castilho. Dinâmica de grupos populares. Petrópolis, RJ: Vozes, 2000. ISBN 8532602444

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre psicologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.