Dina Merrill

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Dina Merrill
Em foto publicitária de 1968
Nome completo Nedenia Marjorie Hutton
Nascimento 29 de dezembro de 1923[1]
Nova Iorque
Morte 22 de maio de 2017 (93 anos)
East Hampton
Nacionalidade Norte-americana
Fortuna 5 biliões de dólares[2]
Parentesco Marjorie Merriweather Post, Barbara Hutton
Cônjuge Ted Hartley
(1989–2017) (sua morte)
Cliff Robertson
(1966–1986) (divorciada) 1 filho
Stanley M. Rumbough, Jr.(1946–1966) (divorciada) 3 filhos[2]
Ocupação atriz, socialite

Dina Merrill, nome artístico de Nedenia Marjorie Hutton (Nova Iorque, 29 de Dezembro de 1923[1]  – 22 de maio de 2017[3]), foi uma atriz, filantropista e socialite norte-americana.

Origem[editar | editar código-fonte]

Nedenia Marjorie Hutton nasceu em Nova Iorque, no dia 29 de Dezembro de 1923, filha única da herdeira e multi-milionária Marjorie Merriweather Post e do seu segundo marido, Edward Francis Hutton.[4]

Foi educada na escola "Miss Porter's School" e na universidade "The George Washington University".

Em 1945 estreou-se na Broadway, numa peça de teatro com o nome artístico de Dina Merril. Desde então participou em muitos filmes e séries de televisão.

Filmografia (parcial)[editar | editar código-fonte]

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Dina Merrill casou três vezes.
Seu primeiro marido foi Rumbough M. Stanley, Jr., empresário e herdeiro da fortuna Colgate-Palmolive, (1946, divorciada em 1966). Tiveram três filhos, Stanley Rumbough Hutton, David Rumbough Post (n.1950-m.1973) e Nedenia ("Nina") Colgate Rumbough.

Seu segundo marido foi o actor americano Cliff Robertson (1966, divorciada em 1986), tiveram uma filha, Heather Robertson Merriweather (n. 1969 - m. 2007).

Em 1989, casou com o ex-actor Ted Hartley. Em 1991, Merrill e Hartley fundiram suas empresas, a "Pavilion Communications" com a "RKO", para formar a "RKO Pictures", que detém os direitos autorais dos filmes e da propriedade intelectual da ex-"RKO Radio Pictures".

Merril tem seis netos: Denia e Welyn Craig, David Colgate (Cole), Allegra Hutton, Siena Correios e Kiera Basten Rumbough.

Merrill foi uma importante accionista e directora, durante 18 anos (até 2006), do enorme banco de investimento Lehman Brothers da Wall Street. O banco foi autorizado, pelo Tesouro dos E.U.A., a abrir falência em Setembro de 2008, mergulhando a já problemática economia americana numa recessão acentuada e desencadeando problemas financeiros no mundo inteiro. Merrill foi citada como um exemplo dos diretores do Lehman Brothers cujos antecedentes não reflectiam experiência adequada em serviços bancários e financeiros. Este fato foi especificamente citado no depoimento feito, por Nell Minow, da Comissão de Supervisão e Reforma Governo, em 6 de Outubro de 2008, ao Congresso dos Estados Unidos.

Merrill é uma presidente nomeada para o Conselho de Curadores do "John F. Kennedy Center" para as artes do espectáculo, uma administradora da Fundação de Teatro Eugene O'Neill e Vice-Presidente da "New York City Missão Society".

Referências

  1. a b «Family». Museu Hillwood (em inglês). Hillwoodmuseum.org. Consultado em 31 de dezembro de 2013 
  2. a b Dina Merrill Net Worth, The Richest. Consultado em 2 de agosto de 2013
  3. Aljean Harmetz (22 de maio de 2017). «Dina Merrill, Actress and Philanthropist, Dies at 93» (em inglês). The New York Times. Consultado em 23 de maio de 2017 
  4. «Dina Merrill Biography (1925-)» (em inglês). Consultado em 21 de Março de 2009 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]