Diodo Schottky

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Diodo Schottky é um tipo de diodo que utiliza o efeito Schottky na semicondução. Seu nome é uma homenagem ao físico alemão Walter Schottky.[nota 1]

Esse Diodo serve para diminuir a carga armazenada no diodo. Um diodo comum ao passar da região direta de condução para a reversa, produz em um curto tempo uma corrente reversa alta, resultante de cargas armadilhas, tendo um efeito importante no uso de diodos através de frequência alta, com a fabricação de um diodo utilizando-se ao invés do material P um metal, não haverá lacunas que possam armazenar elétrons vindos dos outros materiais durante a corrente direta, de forma que na passagem para corrente reversa haverá este aumento de corrente. Este componente é também muito utilizado em circuitos retificadores e chaveadores rápidos,onde tem sua maior aplicação.

Notas

  1. Segundo o dicionário Houaiss, embora a forma diodo seja a mais usual, a forma preferível é díodo. O mesmo dicionário regista ainda a forma diódio.[1] O dicionário Aurélio, porém, registra diodo como a forma preferível.[2]

Referências

  1. Houaiss, Antônio (2001). «Díodo». In: Instituto Antônio Houaiss de Lexicografia. Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa. VII. Lisboa: Temas & Debates. p. 3001 
  2. Ferreira, Aurélio Buarque de Holanda (1986). «Diodo». Novo Dicionário da Língua Portuguesa 2 ed. ed. Rio de Janeiro: Nova Fronteira. pp. p.592 
Ícone de esboço Este artigo sobre eletrônica é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.