Diretório Político do Estado

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Diretório Político do Estado
(GPU pri NKVD RSFSR)
GPU 15th anniversary emblem.png
Distintivo de honra pelo 15º aniversário da Cheka-GPU
Antecessor: Tcheka/Cheka
Criação: 6 de fevereiro de 1922
Encerramento: 15 de novembro de 1923
Sede(s): Praça Lubianka, Moscou
Diretor: Felix Dzerzhinsky (1922-1923)
Subordinada ao: Conselho do Comissariado do Povo da União Soviética
Sucessor: OGPU
O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Diretório Político do Estado

O Diretório Político do Estado (também traduzido como Administração Política do Estado) (GPU) foi o serviço de inteligência e a polícia secreta da República Socialista Federativa Soviética Russa (RSFSR) de 6 de fevereiro de 1922 a 29 de dezembro de 1922, e a União Soviética de 29 de dezembro de 1922, até 15 de novembro de 1923.

Nome[editar | editar código-fonte]

A designação oficial em linha com a referência nativa é:

  • Русский: = Государственное политическое управление (ГПУ) при Народном комиссариaте внутравление (ГПУ) при Народном комиссариaте внутренних делДРРСделДРРСдеСД
  • tr = Gosudarstvennoe politicheskoe upravlenie (GPU) pri narodnom komissariate vnutrennikh del (NKVD) RSFSR – (GPU pri NKVD RSFSR)
  • Português: = Diretório Político do Estado (também Administração Política do Estado) sob o Comissariado do Povo de Assuntos Interiores da República Socialista Federativa Soviética Russa (RFSR)

Estabelecimento[editar | editar código-fonte]

Formado a partir da Cheka, a organização original de segurança do Estado Russo, em 6 de fevereiro de 1922, foi inicialmente conhecida sob a abreviatura russa GPU - abreviação para "Diretório Político do Estado sob o NKVD da RSFSR" (Russo: Государственное политическое управление при НКВД РСФСР, Gosudarstvennoye politicheskoye upravlenie sob o NKVD da RSFSR"). Seu primeiro chefe foi o ex-diretor da Cheka, Felix Dzerzhinsky.

Missão[editar | editar código-fonte]

Segurança Interna[editar | editar código-fonte]

No papel, a nova agência deveria agir com mais moderação do que a Cheka. Por exemplo, ao contrário da Cheka, ela não tinha o direito de atirar à vontade em suspeitos "contra-revolucionários". Todos os suspeitos de crimes políticos tinham que ser levados a um juiz em circunstâncias normais.[1]

Inteligência Estrangeira[editar | editar código-fonte]

O 'Departamento Estrangeiro' da GPU era chefiado por um ex-bolchevique e membro do partido, Mikhail Trilisser.[2] O Departamento de Relações Exteriores foi encarregado de atividades de inteligência no exterior, incluindo espionagem e liquidação de 'inimigos do povo'. O próprio Trilisser foi posteriormente liquidado por José Stalin durante o Grande Expurgo em 1940.

Desestabelecimento[editar | editar código-fonte]

Com a criação da URSS em dezembro de 1922, uma organização unificada foi necessária a exercer o controle sobre a segurança do Estado em toda a nova união. Assim, em 15 de novembro de 1923, a GPU deixou o NKVD russo e foi transferida para o Diretório Político Unificado do Estado de toda a União, também traduzido como "Administração Política do Estado de toda a União". Seu nome oficial era "Diretório Político Unificado do Estado sob o Conselho dos Comissários do Povo da URSS" (russo: Obyedinyonnoye gosudarstvennoye politicheskoye Upravleniye sob o SNK da URSS, Объединённое государственное политическое управление при СНК СССР), ou OGPU (ОГПУ).

Pessoal[editar | editar código-fonte]

Distintivo Politico Militares
Nenhum Cотрудник

Funcionário

Kрасноармеец

Exército Vermelho

RA A-AF R4-K1 1935.svg Агент 3-го разряда

Agente terceira categoria

Командир отделения

Comandante de esquadrão

RA A-AF R6-K2 1935.svg Агент 2-го разряда

Agente de segunda categoria

Помощник командира взвода

Assistente do comandante de pelotão

RA A-AF R7-K2 1935.svg Агент 1-го разряда

Agente primeira categoria

Старшина роты, батареи, батальона, дивизиона

Primeiro sargento da companhia, bateria, batalhão

RA A-AF F1c-K3 1935.svg Сотрудник особых поручений

Oficial de atribuição especial

Командир взвода

Comandante de pelotão

RA A-AF F1-2-K4 1935.svg Нач. оперативного пункта

Chefe de ponto operatório

командир роты (полуэскадрона)

Comandante da Companhia (Comandante do meio-esquadrão)

30 Нач. отдела инспекции; Пом. нач. адм.-следственной части

Líder do departamento de inspeção; Chefe adjunto da unidade de investigação

командир батальона (эскадрона)

Comandante de Batalhão (Comandante de Esquadrão)

Red Army Insignia 6.svg Пом. нач. отделения; Уполномоч. отдела предварительного дознания; Нач. адм.-следственной части

Assistente do líder departamental ; Plenipotenciário do departamento de investigação preliminar; Chefe da unidade de investigação

командир полка

Comandante do regimento

RA A-AF F6 1935.svg Военрук инспекции

Diretor militar de inspeção

Командир бригады

Comandante da Brigada

RA A-AF F7 1935.svg Нач. отделения ГПУ

Chefe da filial de GPU

начальник и комиссар дивизии

Chefe e comissário de divisão

RA A-AF F8 1935.svg Зам. нач. отдела ГПУ

Chefe assistente do departamento de GPU

Командир корпуса; Зам. нач. штаба войск ГПУ

Comandante do corpo; Chefe de gabinete assistente das tropas da GPU

RA A-AF F9 1935.svg Нач. отдела ГПУ

Chefe do departamento de GPU

Зам. Пред. ГПУ — Нач. штаба войск ГПУ

Vice-presidente da GPU - Chefe de gabinete das tropas da GPU

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Overy, R. J. (2004). The dictators : Hitler's Germany and Stalin's Russia. Internet Archive. [S.l.]: New York : W.W. Norton & Co. 
  2. Kindermann, Karl Gustav (1933). In the Toils of the O.G.P.U. (em inglês). [S.l.]: Hurst & Blackett