Discografia de Adele

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Discografia de Adele
Adele apresentando-se em 2016.
Álbuns de estúdio 3
Álbuns de vídeo 1
Extended plays (EP) 2
Singles 16
Vídeos musicais 8

A discografia de Adele, cantora e compositora britânica, consiste em três álbuns de estúdio, dois extended plays e dezesseis singles (incluindo dois como artista convidada).[1] A videografia relacionada da artista é formada por um álbum de vídeo e oito videoclipes.[2] Interpreta fundamentalmente soul, apesar de misturá-lo a diversos estilos musicais diferentes, como pop, R&B, jazz e rock alternativo.[1] Em setembro de 2006, Adele assinou um contrato com a gravadora XL Recordings[3] e lançou o seu álbum de estreia, 19, em janeiro de 2008. O trabalho foi bem recebido pelos críticos[4] e alcançou o topo do UK Albums Chart[5] e a quarta posição da Billboard 200,[6][7] recebendo o disco de platina sétuplo pela BPI[8] e de platina triplo pela RIAA.[9] O primeiro single foi "Hometown Glory", seguido por "Chasing Pavements" que alcançou a primeira colocação na VG-lista da Noruega,[10] a segunda no UK Singles Chart[5] e a vigésima primeira na Billboard Hot 100,[6][11] recebendo disco de platina pela BPI[8] e pela RIAA.[9] A terceira canção de divulgação foi "Cold Shoulder" e a quarta "Make You Feel My Love", que alcançou a quarta posição no UK Singles Chart[5] e foi certificada platina dupla pela BPI[8] e ouro pela RIAA.[9] O álbum rendeu a Adele dois prêmios Grammy, nas categorias "Best New Artist" e "Best Female Pop Vocal Performance" por "Chasing Pavements".[12]

Em janeiro de 2011, Adele lançou o seu segundo disco de originais, 21, que debutou na primeira colocação no UK Albums Chart[5] e foi certificado dezesseis vezes platina pela BPI.[8] 21 fez Adele entrar para a edição de 2012 do Guinness Book com três recordes: a primeira vocalista da história a ter dois singles e dois álbuns simultaneamente no top 5 do Reino Unido (um feito que só os Beatles conseguiram em 1963), mais semanas consecutivas na primeira posição por uma intérprete no Reino Unido, com onze, e mais semanas acumuladas, com vinte e três,[13] e o primeiro álbum da história a vender três milhões de cópias em um único ano no Reino Unido.[14][15] Nos Estados Unidos, o projeto debutou na primeira posição,[16] passando um total de vinte e quatro semanas não sucessivas no topo, tornando-se o disco por uma cantora com mais semanas na primeira posição na história[17][18] e foi certificado quatorze vezes platina pela RIAA.[9] Na semana seguinte ao Grammy no qual Adele ganhou seis prêmios, incluindo "Album of the Year",[12] ela tornou-se a primeira artista desde os Beatles em 1964 a emplacar três músicas no top 10 e dois álbuns no top 5 ao mesmo tempo nos Estados Unidos.[19] 21 liderou as vendas anuais nos Estados Unidos em 2011[20] e 2012, um feito realizado pela última vez em 1983–84 por Thriller, de Michael Jackson.[21]

O primeiro single, "Rolling in the Deep", alcançou a segunda colocação no UK Singles Chart[5] e a primeira na Billboard Hot 100.[22] A canção foi certificada platina dupla pela BPI[8] e oito vezes platina pela RIAA,[9] tornando-se a música mais vendida digitalmente por uma cantora nos Estados Unidos, com 8.444 milhões de cópias.[23][24] Mundialmente, foram 8.2 milhões de unidades comercializadas em 2011, posicionando a obra na lista de singles com mais downloads pagos no mundo.[25] A segunda faixa de promoção foi "Someone like You", que tornou-se a sua primeira canção número um no Reino Unido[5] e a segunda nos Estados Unidos,[26] recebendo a certificação de platina tripla pela BPI[8] e de cinco vezes platina pela RIAA.[9] "Set Fire to the Rain" foi a terceira gravação de trabalho a liderar a parada americana,[27] enquanto "Rumour Has It" e "Turning Tables" serviram como os últimos focos de divulgação do projeto. 21 é o disco mais vendido por uma cantora e o quarto mais comercializado na história da música britânica,[28] e nos Estados Unidos é o 29º mais vendido de sempre.[29] Em âmbito global, foi o álbum mais comercializado em 2011[25][30] e 2012[31] com vendas superiores a trinta e cinco milhões de exemplares, estando entre os que mais venderam em todos os tempos.[32]

Em outubro de 2012, a vocalista lançou "Skyfall" como single para a trilha sonora do filme homônimo. A canção atingiu a segunda posição no UK Singles Chart[5] e a oitava na Billboard Hot 100,[11] conquistando no ano posterior o Golden Globe Award[33] e o Academy Award de "Best Original Song"[34] e em 2014, o Grammy de "Best Song Written for Visual Media".[12] Adele vendeu mais de 100 milhões de álbuns e singles mundialmente, fazendo dela uma recordista de vendas no mundo.[35][36] Depois de uma pausa de três anos, Adele lançou seu terceiro álbum de estúdio, 25, em 2015. Tornou-se o álbum mais vendido do ano e quebrou recordes de vendas na primeira semana no Reino Unido e nos Estados Unidos. 25 foi seu segundo álbum a receber o certificado de diamante nos EUA e ganhou seus cinco prêmios Grammy, incluindo o segundo de Álbum do Ano vencido pela cantora e quatro Brit Awards.[37]

Álbuns de estúdio[editar | editar código-fonte]

Detalhes Melhores posições atingidas[38][39] Vendas Certificações
ALE
[40]
AUS
[41]
CAN
[6][42]
EUA
[6][7]
FRA
[43]
IRL
[44]
NOR
[10]
NZ
[45]
PB
[46]
RU
[5]
SUE
[47]
SUI
[48]
19 15 3 4 4 15 2 7 3 1 1 11 15
21 1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 1
  • ALE: 8× Platina[54]
  • AUS: 15× Platina[70]
  • CAN: Diamante[56]
  • EUA: 14× Platina[9]
  • EUR: 10× Platina[57]
  • MEX: Diamante[58]
  • NZ: 13× Platina[71]
  • PB: 5× Platina[60]
  • POL: 2× Diamante[72]
  • RU: 16× Platina[8]
  • SUI: 7× Platina[61]
25 1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 1
  • ALE: 6× Platina[54]
  • AUS: 10× Platina[80]
  • CAN: Diamante[56]
  • EUA: 11× Platina[9]
  • MEX: 2× Platina[58]
  • NZ: 9× Platina[81]
  • POL: Diamante[82]
  • RU: 11× Platina[8]
  • SUI: 6× Platina[61]

Extended plays (EP)[editar | editar código-fonte]

Detalhes Melhores posições atingidas[38][39]
EUA
[6][7]
FRA
[43]
IRL
[44]
RU
[5]
iTunes Live from SoHo 105
iTunes Festival: London 2011
  • Lançamento: 12 de julho de 2011[84]
  • Gravadora: XL
  • Formatos: download digital
50 112 45 74
"—" indica uma obra que não entrou na tabela musical correspondente.

Singles[editar | editar código-fonte]

Como artista principal[editar | editar código-fonte]

Ano Canção Melhores posições atingidas[38][39] Certificações Álbum
ALE
[85]
AUS
[41]
CAN
[6][86]
EUA
[6][11]
FRA
[43]
IRL
[44]
NOR
[10]
NZ
[45]
PB
[46]
RU
[5]
SUE
[47]
SUI
[48]
2007 "Hometown Glory" 51 86 19 19
2008 "Chasing Pavements" 46 21 21 7 1 3 2 37
"Cold Shoulder" 68 18
"Make You Feel My Love" 5 1 4 44
2010 "Rolling in the Deep" 1 3 1 1 3 2 8 3 1 2 11 1 21
2011 "Someone like You" 4 1 2 1 1 1 5 1 2 1 3 1
"Set Fire to the Rain" 6 11 2 1 9 6 4 8 1 11 13 4
"Rumour Has It" 68 69 16 16 172 52 85
"Turning Tables" 85 34 60 63 45 62
2012 "Skyfall" 1 5 3 8 1 1 7 2 1 2 1 Skyfall
2015 "Hello" 1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 25
2016 "When We Were Young" 29 13 9 14 15 12 23 23 24 9 16 5
"Send My Love (To Your New Lover)" 31 13 10 8 45 7 4 32 5 28 18
"Water Under the Bridge" 80 23 37 26 56 27 15 71 39 74 77
"—" indica uma obra que não entrou na tabela musical correspondente.

Como artista participante[editar | editar código-fonte]

Ano Canção Melhores posições atingidas[38][39] Álbum
RU
[5]
2008 "Many Shades of Black"
(com The Raconteurs)[113]
Consolers of the Lonely
2009 "Water and a Flame"
(com Daniel Merriweather)[114]
180 Love & War
"—" indica uma obra que não entrou na tabela musical correspondente.

Outras canções[editar | editar código-fonte]

Ano Canção Melhores posições atingidas[38][39] Certificações Álbum
ALE
[85]
AUS
[41]
CAN
[6][86]
EUA
[6][11]
FRA
[43]
IRL
[44]
RU
[5]
SUI
[48]
2008 "Daydreamer" 171 19
2010 "My Same" 61
2011 "Don't You Remember" 21
"One and Only" [n 1] 99
2012 "I Can't Make You Love Me" 78 37 iTunes Festival: London 2011
2015 "All I Ask" 65 77 66 93 41 25
"I Miss You" 92
"Love in the Dark" 79 [n 2] 39 169
"Million Years Ago" 74 84 97 [n 3] 42 94 64
"Remedy" 83 94 69 87 47 145 30
"River Lea" 97 80
"Sweetest Devotion" [n 4] 159
"—" indica uma obra que não entrou na tabela musical correspondente.

Outras aparições[editar | editar código-fonte]

Ano Canção Notas
2007 "My Yvonne" (com Jack Peñate)[117] Presente no álbum Matinée.
2008 "Last Nite" (cover dos Strokes)[118] Versões covers gravadas para o programa Live Lounge da BBC Radio 1.
"Black and Gold" (cover de Sam Sparro)[119]
2009 "Every Glance" (com Jack Peñate)[120] Presente no álbum Everything Is New.
2011 "Promise This" (cover de Cheryl Cole)[121] Versão cover gravada para o programa Live Lounge da BBC Radio 1.
"Reminded" (com Tyga)[122] Presente no álbum Black Thoughts 2.
"Rolling in the Deep"[123] Presente na trilha sonora internacional da telenovela Morde & Assopra.
"Someone like You"[124] Presente na trilha sonora internacional da telenovela Fina Estampa.
2012 "Make You Feel My Love" (ao vivo no WXPN) (cover de Bob Dylan)[125] Presente no disco Chimes of Freedom: Songs of Bob Dylan Honoring 50 Years of Amnesty International.
"Set Fire to the Rain"[126] Presente na trilha sonora internacional da telenovela Avenida Brasil.

Videografia[editar | editar código-fonte]

Álbuns de vídeo[editar | editar código-fonte]

Detalhes Melhores posições atingidas[38][39] Vendas Certificações
ALE
[40]
AUS
[127]
EUA
[128]
FRA
[129]
PB
[46]
POR
[130]
RU
[131]
RU Music
[132]
SUI
[133]
Live at the Royal Albert Hall 5 1 1 1 1 1 32 2 1

Vídeos musicais[editar | editar código-fonte]

Como artista principal[editar | editar código-fonte]

Ano Canção Diretor
2008 "Chasing Pavements" Mathew Cullen[142]
"Cold Shoulder" Phil Griffin[143]
"Make You Feel My Love" Mat Kirkby[144]
2009 "Hometown Glory" Rocky Schenck[145]
2010 "Rolling in the Deep" Sam Brown[146]
2011 "Someone like You" Jake Nava[147][148]
2015 "Hello" Xavier Dolan[149]
2016 "Send My Love (To Your New Lover)" Patrick Daughters[150]

Notas

  1. Embora não tenha entrado na lista principal, a Billboard Hot 100, "One and Only" atingiu o número dez na Bubbling Under Hot 100 Singles, extensão da tabela supracitada.[115][116]
  2. Embora não tenha entrado na lista principal, a Billboard Hot 100, "Love in the Dark" atingiu o número onze na Bubbling Under Hot 100 Singles, extensão da tabela supracitada.[115][116]
  3. Embora não tenha entrado na lista principal, a Billboard Hot 100, "Million Years Ago" atingiu o número dezenove na Bubbling Under Hot 100 Singles, extensão da tabela supracitada.[115][116]
  4. Embora não tenha entrado na lista principal, a Billboard Hot 100, "Sweetest Devotion" atingiu o número vinte e quatro na Bubbling Under Hot 100 Singles, extensão da tabela supracitada.[115][116]

Referências

  1. a b «Adele Biography». AOL (em inglês). Consultado em 19 de julho de 2014. Arquivado do original em 5 de dezembro de 2011  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  2. «Adele Music Videos». AOL (em inglês). Consultado em 19 de julho de 2014. Arquivado do original em 18 de junho de 2013  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  3. Bouwman, Kimbel (14 de julho de 2008). «Interview with JONATHAN DICKINS, manager for Adele, Jamie T, Jack Peñate - July 14, 2008». HitQuarters (em inglês). Consultado em 19 de julho de 2014 
  4. «19 - Adele». Metacritic (em inglês). Consultado em 19 de julho de 2014 
  5. a b c d e f g h i j k l Desempenho no Reino Unido, exceto "Water and a Flame", "Daydreamer", "Love in the Dark" e "Remedy": «Adele». The Official Charts Company (em inglês). Consultado em 22 de abril de 2017 
  6. a b c d e f g h i «Adele». Allmusic (em inglês). Consultado em 19 de julho de 2014 
  7. a b c «Adele - Chart History - Billboard 200». Billboard (em inglês). Consultado em 19 de julho de 2014 
  8. a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u v w «Certified Awards Search». BPI (em inglês). Consultado em 26 de setembro de 2017 
  9. a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u v «Gold & Platinum». RIAA (em inglês). Consultado em 26 de setembro de 2017 
  10. a b c «Adele in Norwegian Charts». Hung Medien (em inglês). Norwegiancharts.com. Consultado em 19 de julho de 2014 
  11. a b c d «Adele - Chart History - Hot 100». Billboard (em inglês). Consultado em 8 de fevereiro de 2013 
  12. a b c «Past Winners Search». Grammy Award (em inglês). Consultado em 20 de setembro de 2011 
  13. Lane, Dan (22 de abril de 2012). «Record beaker Adele denies Jason Mraz his first UK Number 1». The Official Charts Company (em inglês). Consultado em 23 de fevereiro de 2015 
  14. «Adele scoops triple world record success in new Guinness World Records 2012 Edition». Guinness World Records (em inglês). 14 de setembro de 2011. Consultado em 19 de julho de 2014. Arquivado do original em 9 de fevereiro de 2014  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  15. «Adele's amazing 2011 honoured with three Guinness World Records». Metro.co.uk (em inglês). 13 de setembro de 2011. Consultado em 19 de julho de 2014 
  16. Caulfield, Keith (2 de março de 2011). «Adele's '21' Sells Over 350k to Top Billboard 200». Billboard (em inglês). Consultado em 19 de julho de 2014 
  17. Caulfield, Keith (13 de junho de 2012). «Adele's '21' Hits 24th Week at No. 1 on Billboard 200». Billboard (em inglês). Consultado em 19 de julho de 2014 
  18. Grein, Paul (13 de junho de 2012). «Week Ending June 10, 2012. Albums: Older Artists Rock!». Chart Watch (em inglês). Yahoo!. Consultado em 25 de novembro de 2014 
  19. Trust, Gary (23 de fevereiro de 2012). «Adele-ulation: Makes History With Hot 100, Billboard 200 Moves». Billboard (em inglês). Consultado em 19 de julho de 2014 
  20. Caulfield, Keith (4 de janeiro de 2012). «Adele Rules 2011 With Top Selling Album & Song». Billboard (em inglês). Consultado em 19 de julho de 2014 
  21. Caulfield, Keith (14 de dezembro de 2012). «The Year In Pop 2012: Adele Repeats as Top Artist, Gotye Scores No. 1 Hot 100 Song». Billboard (em inglês). Consultado em 19 de julho de 2014 
  22. Trust, Gary (11 de maio de 2011). «Adele's 'Rolling in the Deep' Tops Hot 100». Billboard (em inglês). Consultado em 19 de julho de 2014 
  23. «A Star Is Born... In Stages». Rumor Mill (em inglês). Hits Daily Double. 23 de novembro de 2015. Consultado em 28 de novembro de 2015. Cópia arquivada em 28 de novembro de 2015 
  24. Caulfield, Keith (2 de março de 2012). «Adele's 'Rolling in the Deep' Now Biggest-Selling Digital Song by a Woman». Billboard (em inglês). Consultado em 19 de julho de 2014 
  25. a b «Digital Music Report 2012» (PDF). IFPI (em inglês). Consultado em 24 de janeiro de 2012 
  26. Trust, Gary (7 de setembro de 2011). «Adele's 'Someone Like You' Soars To No. 1 On Hot 100». Billboard (em inglês). Consultado em 19 de julho de 2014 
  27. Trust, Gary (25 de janeiro de 2012). «Adele's 'Fire' Burns Path to Hot 100 Summit». Billboard (em inglês). Consultado em 19 de julho de 2014 
  28. Lane, Dan (10 de fevereiro de 2014). «Queen's Greatest Hits becomes first album to sell 6 million in the UK». The Official Charts Company (em inglês). Consultado em 23 de fevereiro de 2015 
  29. «Top 100 Albums». RIAA (em inglês). Consultado em 19 de abril de 2017. Cópia arquivada em 19 de abril de 2017 
  30. Smirke, Richard (26 de março de 2012). «IFPI 2012 Report: Global Music Revenue Down 3%; Sync, PRO, Digital Income Up». Billboard (em inglês). Billboard.biz. Consultado em 19 de julho de 2014 
  31. «IFPI Digital Music Report 2013» (PDF). IFPI (em inglês). Consultado em 17 de abril de 2013 
  32. a b c «Adele's "21" Now Second Best-Selling British Studio Album Ever». ABC News Radio (em inglês). 4 de janeiro de 2017. Consultado em 26 de setembro de 2017. Cópia arquivada em 26 de setembro de 2017 
  33. «Adele». Golden Globe Award (em inglês). HFPA. Consultado em 23 de julho de 2014 
  34. «Adele Adkins». Academy Award (em inglês). Consultado em 23 de julho de 2014 
  35. Kot, Greg (11 de julho de 2016). «Adele's best conversation is with her band at United Center». Chicago Tribune (em inglês). Consultado em 9 de outubro de 2017. Cópia arquivada em 9 de outubro de 2017 
  36. «Cheap Adele Tickets in Nashville at Bridgestone Arena: Ticket Down Slashes Adele Concert Ticket Prices at Bridgestone Arena in Nashville, TN». State Journal (em inglês). 18 de dezembro de 2015. Consultado em 12 de fevereiro de 2016. Cópia arquivada em 12 de fevereiro de 2016 
  37. «Adele's '25' Hits Diamond Status in Less Than a Year». Billboard. Consultado em 20 de setembro de 2018 
  38. a b c d e f «Adele». Mariah-charts.com (em inglês). Consultado em 19 de julho de 2014 
  39. a b c d e f «Adele». Acharts.co (em inglês). Consultado em 22 de dezembro de 2015 
  40. a b «Adele / Longplay-Chartverfolgung». Musicline.de (em alemão). Consultado em 19 de julho de 2014 
  41. a b c Desempenho na Austrália, exceto "Rumour Has It", "All I Ask", "Million Years Ago" e "Remedy": «Adele in Australian Charts». Hung Medien (em inglês). Australian-charts.com. Consultado em 22 de abril de 2017 
  42. «Adele - Chart History - Canadian Albums». Billboard (em inglês). Consultado em 8 de fevereiro de 2013 
  43. a b c d «Adele dans les Charts Français». Hung Medien (em francês). Lescharts.com. Consultado em 19 de julho de 2014 
  44. a b c d Desempenho na Irlanda, exceto "I Can't Make You Love Me": «Discography Adele». Hung Medien (em inglês). Irish-charts.com. Consultado em 19 de julho de 2014 
    • "I Can't Make You Love Me": «Top 100 Singles». IRMA (em inglês). 4 de outubro de 2012. Consultado em 20 de julho de 2014. Arquivado do original em 5 de outubro de 2012  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  45. a b «Adele in New Zealand Charts». Hung Medien (em inglês). Charts.org.nz. Consultado em 19 de julho de 2014 
  46. a b c «Adele in Dutch Charts». Hung Medien (em neerlandês). Dutchcharts.nl. Consultado em 19 de julho de 2014 
  47. a b «Adele in Swedish Charts». Hung Medien (em inglês). Swedishcharts.com. Consultado em 19 de julho de 2014 
  48. a b c «Adele». Hung Medien (em alemão). Hitparade.ch. Consultado em 20 de outubro de 2014 
  49. Dagnell, Andrew (18 de fevereiro de 2012). «Adele says she won't change herself for any man (we give her a little high five)». Daily Mirror (em inglês). Consultado em 19 de abril de 2017. Cópia arquivada em 19 de abril de 2017 
  50. a b «Water Under the Bridge for New Adele Single». Auspop.com.au (em inglês). 9 de novembro de 2016. Consultado em 19 de abril de 2017. Cópia arquivada em 19 de abril de 2017 
  51. Caulfield, Keith (29 de setembro de 2016). «Billboard 200 Chart Moves: The Weeknd's Back in the Top 40, George Carlin Returns to Chart After Nearly 32 Years». Billboard (em inglês). Consultado em 19 de abril de 2017. Cópia arquivada em 19 de abril de 2017 
  52. «19». PureMédias (em francês). Chartsinfrance.net. Consultado em 22 de abril de 2017. Cópia arquivada em 22 de abril de 2017 
  53. Williamson, Coral (7 de março de 2016). «Adele album sales pass 10 million mark». Music Week (em inglês). Consultado em 27 de maio de 2016. Arquivado do original em 9 de março de 2016  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  54. a b c d e f g h i «Gold-/Platin-Datenbank». Bundesverband Musikindustrie (em alemão). Consultado em 19 de abril de 2017 
  55. «ARIA Charts - Accreditations - 2012 Albums». ARIA (em inglês). Consultado em 12 de março de 2012 
  56. a b c d e f g h i j k l m n o p q r s «Gold/Platinum». Music Canada (em inglês). Consultado em 26 de setembro de 2017 
  57. a b «IFPI Platinum Europe Awards - 2012». IFPI (em inglês). Consultado em 19 de julho de 2014. Arquivado do original em 2 de novembro de 2013  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  58. a b c d «Certificaciones» (em espanhol). AMPROFON. Consultado em 26 de setembro de 2017. Cópia arquivada em 26 de setembro de 2017 
  59. «NZ Top 40 Albums Chart». Recorded Music NZ (em inglês). 28 de novembro de 2016. Consultado em 19 de abril de 2017. Cópia arquivada em 19 de abril de 2017 
  60. a b Schimmel, Ivo (6 de maio de 2011). «Tweede album Adele al na ruim drie maanden vijfmaal platina!». Shownu.nl (em neerlandês). Consultado em 19 de julho de 2014. Arquivado do original em 27 de setembro de 2013  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  61. a b c d e f «Awards». Hung Medien (em inglês). Swisscharts.com. Consultado em 27 de maio de 2016 
  62. Talbot, Martin (23 de janeiro de 2012). «Radiohead and the Gallaghers were the biggest selling vinyl of 2011». The Official Charts Company (em inglês). Consultado em 27 de fevereiro de 2015 
  63. Kreisler, Lauren (4 de janeiro de 2013). «The Top 10 biggest selling vinyl albums of 2012». The Official Charts Company (em inglês). Consultado em 27 de fevereiro de 2015 
  64. MacNeil, Jason (14 de janeiro de 2013). «Adele, Carly Rae Jepsen, Celine Dion Rule Nielsen/Billboard 2012 Canadian Music Industry Report». The Huffington Post (em inglês). Consultado em 22 de abril de 2017. Cópia arquivada em 22 de abril de 2017 
  65. a b Corpuz, Kristin (5 de maio de 2017). «Adele's Biggest Billboard Hot 100 Hits». Billboard (em inglês). Consultado em 26 de setembro de 2017. Cópia arquivada em 26 de setembro de 2017 
  66. «21». PureMédias (em francês). Chartsinfrance.net. Consultado em 22 de abril de 2017. Cópia arquivada em 22 de abril de 2017 
  67. «Adele sells over 250,000 albums in Ireland». RTÉ (em inglês). 3 de agosto de 2012. Consultado em 24 de julho de 2013. Arquivado do original em 24 de outubro de 2012  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  68. Megaman (27 de novembro de 2015). «Adele verslaat Marco Borsato in Album Top 100». Mega Top 50 (em neerlandês). Consultado em 30 de novembro de 2015. Cópia arquivada em 30 de novembro de 2015 
  69. a b Gumble, Daniel (4 de janeiro de 2017). «Adele's 21 breaks five million sales barrier». Music Week (em inglês). Consultado em 19 de abril de 2017. Cópia arquivada em 19 de abril de 2017 
  70. «ARIA Charts - Accreditations - 2015 Albums». ARIA (em inglês). Consultado em 27 de maio de 2016 
  71. «NZ Top 40 Albums Chart». Recorded Music NZ (em inglês). 28 de dezembro de 2015. Consultado em 30 de dezembro de 2015 
  72. «diamentowe płyty cd - archiwum». ZPAV (em polonês). Consultado em 25 de fevereiro de 2015 
  73. «25». iTunes (em inglês). iTunes Store. Consultado em 24 de outubro de 2015. Cópia arquivada em 24 de outubro de 2015 
  74. «Adele's record breaking week with 25 explained». The Official Charts Company (em inglês). 27 de novembro de 2015. Consultado em 28 de novembro de 2015. Cópia arquivada em 28 de novembro de 2015 
  75. McIntyre, Hugh (24 de junho de 2016). «Adele's '25' Is Now Available In Full On Streaming Platforms For The First Time». Forbes (em inglês). Consultado em 20 de julho de 2016. Cópia arquivada em 20 de julho de 2016 
  76. Farrell Wed, David (27 de abril de 2016). «Adele's 25 Has Now Sold 1m Copies In Canada». Fyimusicnews.ca (em inglês). Consultado em 27 de maio de 2016. Cópia arquivada em 27 de maio de 2016 
  77. Decant, Charles (8 de fevereiro de 2016). «Top Albums: Kids United détrône David Bowie, Sia et Lefa loin devant Rihanna». PureMédias (em francês). Chartsinfrance.net. Consultado em 12 de fevereiro de 2016. Cópia arquivada em 12 de fevereiro de 2016 
  78. «Hello again - Adele back on top in Ireland». RTÉ (em inglês). 29 de janeiro de 2016. Consultado em 12 de fevereiro de 2016. Cópia arquivada em 12 de fevereiro de 2016 
  79. «Adele's 25 bestverkochte album van 2015». Entertainmentbusiness.nl (em neerlandês). 4 de dezembro de 2015. Consultado em 30 de dezembro de 2015. Cópia arquivada em 30 de dezembro de 2015 
  80. «ARIA Charts - Accreditations - 2017 Albums». ARIA (em inglês). Consultado em 26 de setembro de 2017 
  81. «NZ Top 40 Albums Chart». Recorded Music NZ (em inglês). 16 de janeiro de 2017. Consultado em 19 de abril de 2017. Cópia arquivada em 19 de abril de 2017 
  82. «diamentowe płyty cd - archiwum». ZPAV (em polonês). Consultado em 16 de janeiro de 2016 
  83. «iTunes Live from SoHo». iTunes (em inglês). iTunes Store. Consultado em 20 de julho de 2014 
  84. «iTunes Festival: London 2011 - EP». iTunes (em inglês). iTunes Store. Consultado em 20 de julho de 2014 
  85. a b «Adele / Single-Chartverfolgung». Musicline.de (em alemão). Consultado em 20 de julho de 2014 
  86. a b «Adele - Chart History - Canadian Hot 100». Billboard (em inglês). Consultado em 8 de fevereiro de 2013 
  87. «Track Top-40». Hitlisten (em dinamarquês). Consultado em 20 de julho de 2014. Cópia arquivada em 20 de julho de 2014 
  88. «Certificazioni». FIMI (em italiano). Consultado em 11 de novembro de 2015. Cópia arquivada em 11 de novembro de 2015 
  89. «Søk artist i trofélister» (em norueguês). IFPI Noruega. Consultado em 16 de julho de 2013. Arquivado do original em 8 de novembro de 2012  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  90. a b c «Certificazioni». FIMI (em italiano). Consultado em 19 de abril de 2017. Cópia arquivada em 19 de abril de 2017 
  91. a b c d e f «ARIA Charts - Accreditations - 2012 Singles». ARIA (em inglês). Consultado em 25 de dezembro de 2012 
  92. a b c d e «Certificados». ABPD. Consultado em 20 de julho de 2014. Arquivado do original em 22 de julho de 2013  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  93. «Certificeringer». IFPI (em dinamarquês). Consultado em 17 de dezembro de 2011 
  94. «Certificazioni». FIMI (em italiano). Consultado em 14 de dezembro de 2015. Cópia arquivada em 14 de dezembro de 2015 
  95. a b «NZ Top 40 Singles Chart». Recorded Music NZ (em inglês). 20 de fevereiro de 2012. Consultado em 23 de julho de 2014 
  96. «Certificeringer». IFPI (em dinamarquês). Consultado em 24 de dezembro de 2011 
  97. a b c d e «CERTIFICAZIONE Singoli Digitali dalla settimana 1 del 2009 alla settimana 1 del 2014» (PDF). FIMI (em italiano). 14 páginas. Consultado em 27 de janeiro de 2014. Cópia arquivada (PDF) em 27 de janeiro de 2014 
  98. a b c d e f «Certificazioni». FIMI (em italiano). Consultado em 26 de outubro de 2015 
  99. «Certificeringer». IFPI (em dinamarquês). Consultado em 21 de setembro de 2011 
  100. «NZ Top 40 Singles Chart». Recorded Music NZ (em inglês). 24 de outubro de 2011. Consultado em 23 de julho de 2014 
  101. «Certificeringer». IFPI (em dinamarquês). Consultado em 16 de julho de 2013 
  102. «NZ Top 40 Singles Chart». Recorded Music NZ (em inglês). 24 de dezembro de 2012. Consultado em 23 de julho de 2014 
  103. a b c «ARIA Charts - Accreditations - 2016 Singles». ARIA (em inglês). Consultado em 19 de abril de 2017 
  104. «Certificeringer». IFPI (em dinamarquês). Consultado em 12 de fevereiro de 2016 
  105. «NZ Top 40 Singles Chart». Recorded Music NZ (em inglês). 8 de fevereiro de 2016. Consultado em 12 de fevereiro de 2016 
  106. «Certificeringer». IFPI (em dinamarquês). Consultado em 19 de abril de 2017. Cópia arquivada em 19 de abril de 2017 
  107. «NZ Top 40 Singles Chart». Recorded Music NZ (em inglês). 21 de março de 2016. Consultado em 24 de março de 2016 
  108. «Certificeringer». IFPI (em dinamarquês). Consultado em 26 de setembro de 2017. Cópia arquivada em 26 de setembro de 2017 
  109. a b «Certificazioni». FIMI (em italiano). Consultado em 19 de abril de 2017. Cópia arquivada em 19 de abril de 2017 
  110. «NZ Top 40 Singles Chart». Recorded Music NZ (em inglês). 19 de setembro de 2016. Consultado em 19 de abril de 2017. Cópia arquivada em 19 de abril de 2017 
  111. «ARIA Charts - Accreditations - 2017 Singles». ARIA (em inglês). Consultado em 19 de abril de 2017 
  112. «NZ Top 40 Singles Chart». Recorded Music NZ (em inglês). 6 de fevereiro de 2017. Consultado em 19 de abril de 2017. Cópia arquivada em 19 de abril de 2017 
  113. Thompson, Paul (26 de setembro de 2008). «The Raconteurs Joined by Adele on New 7"». Pitchfork (em inglês). Consultado em 20 de julho de 2014 
  114. «Water and a Flame (feat. Adele) - Single». iTunes (em inglês). iTunes Store. Consultado em 20 de julho de 2014 
  115. a b c d «Adele - Chart History - Bubbling Under Hot 100». Billboard (em inglês). Consultado em 22 de abril de 2017. Arquivado do original em 20 de novembro de 2014  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  116. a b c d «Search results». Billboard (em inglês). Billboard.biz. Consultado em 22 de abril de 2017. Cópia arquivada em 22 de abril de 2017 
  117. Jones, Damian (6 de abril de 2009). «Penate collaborates with Adele». BBC News (em inglês). BBC. Consultado em 20 de julho de 2014 
  118. «Adele - 23 Jan 08». BBC Radio 1 (em inglês). BBC. 23 de janeiro de 2008. Consultado em 20 de julho de 2014 
  119. «Adele (Live Lounge Tour)». BBC Radio 1 (em inglês). BBC. 22 de setembro de 2008. Consultado em 20 de julho de 2014 
  120. Iasimone, Ashley (8 de junho de 2009). «Jack Penate Takes a 'Glance' at Adele». Spinner (em inglês). Consultado em 20 de julho de 2014. Arquivado do original em 1 de setembro de 2012  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  121. «Adele (Live Lounge Special)». BBC Radio 1 (em inglês). BBC. 27 de janeiro de 2011. Consultado em 20 de julho de 2014 
  122. «Adele et Tyga réunis sur "Reminded"». Musique.jeuxactu.com (em francês). Consultado em 20 de julho de 2014 
  123. «Trilha Sonora». Memória Globo. Grupo Globo. Consultado em 20 de julho de 2014 
  124. «Trilha Sonora». Memória Globo. Grupo Globo. Consultado em 20 de julho de 2014 
  125. Lewis, Randy (23 de janeiro de 2012). «Miley Cyrus, Adele among artists featured on Bob Dylan tribute album». Los Angeles Times (em inglês). Boston Herald. Consultado em 24 de julho de 2013. Arquivado do original em 26 de janeiro de 2012  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  126. «Trilha Sonora». Memória Globo. Grupo Globo. Consultado em 20 de julho de 2014 
  127. «ARIA Top 40 Music DVD Chart». ARIA (em inglês). 5 de dezembro de 2011. Consultado em 10 de dezembro de 2011. Arquivado do original em 10 de dezembro de 2011  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  128. Grein, Paul (7 de dezembro de 2011). «Week Ending Dec. 4, 2011. Albums: Headed For A Triple Crown». Chart Watch (em inglês). Yahoo!. Consultado em 25 de novembro de 2014 
  129. «Classement officiel des ventes de DVD Musicaux». PureMédias (em francês). Chartsinfrance.net. Consultado em 20 de julho de 2014 
  130. «Adele in Portuguese Charts». Hung Medien (em inglês). Portuguesecharts.com. Consultado em 19 de outubro de 2014 
  131. «Official Video Chart Top 100». The Official Charts Company (em inglês). Consultado em 23 de fevereiro de 2015 
  132. «Official Music Video Chart Top 50». The Official Charts Company (em inglês). Consultado em 23 de fevereiro de 2015 
  133. «Schweizer Hitparade - Musik-DVD Top 10». Hung Medien (em alemão). Hitparade.ch. Consultado em 27 de fevereiro de 2015 
  134. Toya (26 de outubro de 2011). «Adele to release 'Live At The Royal Albert Hall' CD/DVD in November…». Toya'z World (em inglês). Consultado em 20 de julho de 2014. Arquivado do original em 25 de abril de 2012  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  135. «Adele's 21 Surpasses 10 Million Sales in the U.S.». Sony Music Entertainment (em inglês). Google+. 28 de novembro de 2012. Consultado em 20 de julho de 2014 
  136. Grein, Paul (20 de agosto de 2013). «Week Ending Aug. 18, 2013. Albums: Luke Bryan's Big "Party"». Chart Watch (em inglês). Yahoo!. Consultado em 25 de novembro de 2014 
  137. «ARIA Charts - Accreditations - 2013 DVD». ARIA (em inglês). Consultado em 16 de julho de 2013 
  138. a b «Certificados». Pro-Música Brasil. Consultado em 26 de setembro de 2017. Cópia arquivada em 26 de setembro de 2017 
  139. «TOP 100 ALBUMES» (PDF) (em espanhol). PROMUSICAE. p. 1. Consultado em 22 de abril de 2017. Cópia arquivada em 22 de abril de 2017 
  140. «CERTIFICAZIONE ALBUM fisici e digitali dalla settimana 1 del 2009 alla settimana 16 del 2012» (PDF). FIMI (em italiano). 8 páginas. Consultado em 16 de julho de 2013. Arquivado do original (PDF) em 31 de maio de 2012  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  141. «Top 30 Artistas - Semana 7 de 2012». AFP. Consultado em 20 de julho de 2014. Arquivado do original em 4 de março de 2012  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  142. «Mathew Cullen». Filmindependent.org (em inglês). Consultado em 27 de fevereiro de 2015 
  143. «PRODUCTION NEWS Who shot what, who's shooting what…». Promonews.tv (em inglês). 3 de abril de 2008. Consultado em 24 de julho de 2013. Arquivado do original em 16 de fevereiro de 2013  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  144. «Make You Feel My Love». XL Recordings (em inglês). 25 de setembro de 2008. Consultado em 24 de outubro de 2015. Arquivado do original em 2 de abril de 2015  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  145. «Hometown Glory». Vevo (em inglês). Consultado em 27 de fevereiro de 2015 
  146. Kaufman, Gil (25 de agosto de 2011). «Adele's 'Rolling In The Deep': A VMA Cheat Sheet». MTV (em inglês). MTV Networks. Consultado em 27 de fevereiro de 2015 
  147. «Adele "Someone Like You" Video Premieres This Week». Columbia Records (em inglês). PR Newswire. 27 de setembro de 2011. Consultado em 24 de julho de 2013 
  148. Montgomery, James (29 de setembro de 2011). «Adele's 'Someone Like You' Video: Queen Of Pain». MTV (em inglês). MTV Networks. Consultado em 27 de fevereiro de 2015 
  149. «Adele enlists Xavier Dolan for new music video Hello». Associated Press (em inglês). CBC News. 22 de outubro de 2015. Consultado em 24 de outubro de 2015. Cópia arquivada em 24 de outubro de 2015 
  150. Copsey, Rob (23 de maio de 2016). «Adele premieres Send My Love (To Your New Lover) music video - watch». The Official Charts Company (em inglês). Consultado em 27 de maio de 2016. Cópia arquivada em 27 de maio de 2016 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]