Discussão:Crioulo de São Nicolau

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Correcções[editar código-fonte]

Fiz algumas correcções nos artigos sobre cada uma das variantes do crioulo cabo-verdiano. A justificação para isso é:

  1. As autoridades linguísticas de Cabo Verde consideram o crioulo como uma língua só, não consideram as nove variantes como línguas distintas (ainda estou à espera da documentação que eu pedi, a corroborar isso; assim que eu a tiver, incluo-a nas referências).
  2. A maioria das classificações linguísticas consideram os crioulos como uma família linguística separada (ver [1], [2]), os crioulos portugueses não são línguas indo-europeias.
  3. Tem havido críticas sobre a maneira como os artigos estavam apresentados, dando a cada uma das variantes uma importância similar a de uma língua. Comparar a formatação dada a línguas (ver português, árabe, chinês, etc.), e a formatação dada a varaintes de uma mesma língua (português brasileiro, português europeu).

Não pretendo de maneira nenhuma desvalorizar o trabalho de outros que elaboraram os artigos anteriormente. Só que dar demasiada importância a uma variante (para além de poder ser politicamente incorrecto) devia ser justificado com as repectivas referências.

Ten Islands 11:39, 29 Março 2007 (UTC)