Discussão:Crise político-econômica no Brasil desde 2014

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Artigo bom Crise político-econômica no Brasil desde 2014 foi eleito um artigo bom; o que significa que ele (ou uma versão anterior) foi avaliado e identificado como um artigo de boa qualidade produzido pela comunidade da Wikipédia lusófona, seguindo os critérios estipulados. Se acha que consegue elevar o estatuto, faça-o por favor.
Etapas passadas por este artigo
Data Processo Resultado
9 de dezembro de 2017 Candidato a artigo bom Não promovido
8 de março de 2018 Candidato a artigo bom Não promovido
4 de janeiro de 2020 Candidato a artigo bom Promovido
Estatuto atual: Artigo bom

Efeitos[editar código-fonte]

@PauloMSimoes: Olá. O que o sr. acha de mudar a seção Características para Efeitos? E afinal, tudo aquilo que está ali são características ou consequências? Enfim, o artigo sofrerá uma expansão amanhã, e portanto receberá mais views. --Bageense(fala) 22h37min de 21 de maio de 2019 (UTC)

Ficaria então uma seção "Causas" e outra "Efeitos", numa relação de causalidade. Rsrs. Mas entendo que isso não é super importante. Mas aquele trecho do primeiro parágrafo da introdução que o sr. alterou ainda me gera dúvidas. A recessão (bem como o desemprego, etc) foi uma consequência da crise ou foi a crise? Não seria tudo uma coisa só? --Bageense(fala) 12h35min de 22 de maio de 2019 (UTC)

Mas se eu propus trocar para "efeitos", isso não seria o mesmo que dizer consequências? Enfim, tá complicado, e como disse, isso não parece ser tão importante. --Bageense(fala) 12h35min de 22 de maio de 2019 (UTC)

Queda de 0,2% no PIB ocorre depois de dois anos seguidos de fraca expansão[editar código-fonte]

https://oglobo.globo.com/economia/queda-de-02-no-pib-ocorre-depois-de-dois-anos-seguidos-de-fraca-expansao-23703025?utm_source=Facebook&utm_medium=Social&utm_campaign=O%20Globo

Não esquecer de escrever... --Bageense(fala) 13h31min de 30 de maio de 2019 (UTC)

Atualizar seção sobre desigualdade[editar código-fonte]

https://g1.globo.com/economia/noticia/2019/08/16/desigualdade-de-renda-cresce-ha-17-trimestres-consecutivos-no-pais-aponta-fgv.ghtml

Mais um lembrete para mim mesmo, que provavelmente nunca irei voltar a ver.... --Bageense(fala) 16h00min de 26 de agosto de 2019 (UTC)

Não há discussão sobre o efeito do Pico do petróleo como contribuinte na crise[editar código-fonte]

Há vários estudos que mostram uma correlação entre o Peak Oil e a crise econômica brasileira, porém este assunto está omisso no artigo [1][2][3][4]

Eduemoni (discussão) 04h12min de 20 de novembro de 2019 (UTC)

@Eduemoni: Obrigado por vir aqui ajudar a melhorar o artigo! Pois, eu que edito este artigo há um tempo, nunca tinha lido nada sobre essa causa. Poderia explicar um pouco melhor como isso foi a causa da crise? Ah, e eu me interessei pelos gráficos da última ligação, especialmente o primeiro, que mostra as receitas da Petrobras no negativo em 2014 (início da crise) e 2015. Isso pode ser colocado na seção "consequências", pois isso parece ter sido uma consequência, e não uma causa. Seria bom para ilustrar o artigo. Saudações! --Bageense(fala) 14h45min de 20 de novembro de 2019 (UTC)

Referências

Pequenos ajustes finais[editar código-fonte]

Mesmo após as festas de fim de ano, ainda continuo sem tempo e cabeça para editar, então já vou deixando aqui mais alguns aspectos menores do artigo a serem melhorados.

  1. Separar crise política da econômicaYes check.svg Feito. As consequências de uma e de outra devem estar na seção adequada. Já fiz essa mudança.
  2. Excesso de sub-subseções em "crise política"Yes check.svg Feito, transformei-as apenas em texto em negrito usando ponto e vírgula (;). Isso deixa o índice mais enxuto
  3. Imagem do topo – A capa com o rosto de Dilma pode ser considerado parcialidade. Portanto, a imagem deve voltar a ser a capa da revista EXAME, que é neutra. A capa com o rosto de Dilma deve ficar onde a capa da EXAME está agora, pois a seção "Erros na política macroeconômica", essa sim está diretamente ligada ao governo Dilma e ao governo Dilma apenas. Sim Farei isso após publicar esta mensagem.
  4. Tamanho da seção "instabilidade política" – Há dois problemas que vejo apenas ao passar o olho:
    1. Proporção – A seção é comprida demais, sendo que a principal causa da crise econômica não foi essaNão
    2. Contradição – Sendo o artigo tanto sobre a crise política e a econômica, não faz sentido a seção "Causas" ser sobre a causa da crise econômica apenas. Em outras palavras, o conteúdo da seção pode até ser a causa da crise econômica, mas não o é da crise política; afinal, ela é a própria crise política.Não
  5. Tamanho dos gráficos – Têm de ser aumentados para melhor visibilidade. Sim Farei isso após publicar esta mensagem.
  6. Excesso de refs na seção "crise política": removê-los, pois sobrecarregam desnecessariamente a página.Não
  7. Correções textuais menores – Melhorar a redação um pouquinho mais, já que este artigo é resultado da fusão de dois artigos.Não

Por enquanto acho que é isso. --Bageense(fala) 17h59min de 4 de janeiro de 2020 (UTC)

@Chronus: Não te preocupe, eu edito este artigo há 3 anos, portanto, eu sei o que estou fazendo. Acha mesmo que eu faria algo para piorá-lo?
Mas explico mesmo assim: quando uma fusão desse tamanho é feita, é preciso diversos ajustes no texto para fazer com que o texto todo se encaixe e tenha unidade. Meu trabalho está quase no fim, só faltam agora mais alguns menores ajustes na redação do artigo e o artigo fica coerente, como deve ser um artigo bom. --Bageense(fala) 16h38min de 14 de janeiro de 2020 (UTC)
E não reverta sem falar nada. Se discordar de algo em particular, vem aqui que a gente conversa. Tem tempo... em janeiro os artigos recebem poucas views --Bageense(fala) 16h59min de 14 de janeiro de 2020 (UTC)
@Bageense: Citação: Bageense escreveu: «Acha mesmo que eu faria algo para piorá-lo?» Não só acho, como você já fez ao eliminar 12 mil bytes de conteúdo válido e referenciado apenas porque você não gostou da "proporção da seção". É preciso apresentar um argumento muito, mas muito mais concreto do que esse para justificar a supressão desta quantidade de informações. O verbete simplesmente acabou de passar por uma eleição ao destaque, cuja versão eleita está a ser completamente modificada por você com base em posicionamentos completamente subjetivos. Além de tornar o verbete instável, seu comportamento soa desrespeitoso com os votantes que participaram da candidatura. Por fim, não volte a apagar conteúdo "sem falar nada". Chronus (discussão) 09h09min de 16 de janeiro de 2020 (UTC)
@Chronus: Mas querido, nenhum conteúdo foi de fato apagado. Você fez a fusão, certo? Só que havia conteúdo comum a ambos artigos. Portanto, este artigo acabou por mencionar mais de uma vez um mesmo fato.
Mas como eu disse, temos tempo para discutir, estamos em janeiro apenas. Quer seguir a sugestão do Raimundo? A gente vai para minha página de testes (Usuário:Bageense/Testes/CenBd2014) e discute passo a passo as mudanças. Eu sei que os diffs podem ter parecido confusos e difíceis de serem analisados.
Além disso, houve alguns erros ao fundir. As manifestações de 2013 com certeza foram um antecedente desta crise, mas ela não foi uma causa desta, conforme o artigo sugere ao ter o conteúdo na seção sobre as causas. Mas calma, vamos discutindo... --Bageense(fala) 16h29min de 16 de janeiro de 2020 (UTC)
Sugiro que as alterações sejam feitas em uma subpágina do proponente para debate antes de alteração do artigo.--Raimundo57br (discussão) 13h24min de 16 de janeiro de 2020 (UTC)

@Allice Hunter, DARIO SEVERI, MSN12102001, EVinente, Cósmico e Maikê: Como vocês votaram na candidatura deste artigo, poderiam opinar se as mudanças que o Bageense está a promover são pertinentes? Chronus (discussão) 05h45min de 18 de janeiro de 2020 (UTC)

Concordo com o Raimundo. O artigo acabou de ser eleito AB e, por isso, antes de se realizar qualquer alteração, deve ser discutido se essa é válida. Não vejo a necessidade de se realizar essas alterações, pois o artigo já está em excelente estado. Não entendi o porquê dessas questões terem sido levantadas somente agora e não quando a votação estava a decorrer. Mas se for para alterar alguma coisa deve ser previamente discutido e testado. MSN12102001 (discussão) 12h04min de 18 de janeiro de 2020 (UTC)
@Chronus: e outros: Não houve remoção efetiva de conteúdo, apenas trechos que ficaram repetidos devido à fusão do Chronus. Por exemplo, no segundo parágrafo da seção "Governo Michel Temer": Citação: As reformas acima citadas foram: o Novo Regime Fiscal, emenda constitucional que estabelece um limite (teto) para o crescimento dos gastos do Governo Federal por 20 anos;[211] a Lei da Terceirização, lei que permite a terceirização do trabalho também para atividades-fim;[212] a Reforma trabalhista, que foi uma significativa alteração na Consolidação das Leis do Trabalho (CLT);[213] e a Reforma da previdência, que o governo não conseguiu levar adiante.. Isso é o mesmo que já está na seção "Medidas anti-crise".
Ou ainda: logo no início da seção sobre a crise política, menciona-se o impeachment de Dilma, a posse de Temer e as reformas de Temer (sim, de novo, pela terceira vez). Acontece que esses parágrafos serviam como introdução do artigo da crise política. Agora, não é necessário mais uma introdução, pois esses acontecimentos estão todos mencionados um pouco mais abaixo.
@MSN12102001: No começo do ano eu estava de viagem ainda e não estava editando. --Bageense(fala) 15h58min de 18 de janeiro de 2020 (UTC)
Além disso, o Chronus fundiu um trecho em local inadequado. As manifestações de 2013 (as Jornadas de Junho) antes eram os "Antecedentes" no artigo da crise política, mas agora o Chronus colocou eles como causa da crise econômica. Esse trecho foi movido para uma nova seção "Antecedentes" da seção sobre a crise política... foram apenas esse tipo de mudanças que foram feitas. --Bageense(fala) 16h08min de 18 de janeiro de 2020 (UTC)