Discussão:Iemanjá

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Propus que o conteúdo do artigo Janaina seja fundido com este. Alguém pode verificar essa possibilidade? Luís Felipe Braga 01:21, 12 Julho 2006 (UTC)


coloque a imagem da igraja no commons Image:Igreja itapua ssaba.jpg coloque a imagem de Iemanjá que fica ao lado da casa dos pescadores em Itapoã. ok --Ssasantos 05:42, 3 Outubro 2006 (UTC)

Reestruturação do Artigo[editar código-fonte]

Voltarei a trabalhar no artigo, primeiro enxugando algumas informações que fogem ao foco principal, depois acrescentando e reconfigurando o formato dos textos. Luan di Nunes (discussão) 15h58min de 4 de abril de 2017 (UTC)

Qualidades[editar código-fonte]

Assabá ou Sobá[editar código-fonte]

Pessoal, aqui no RJ Assabá ou Sobá é a mais velha das Iemanjás e não a mais nova. Ela usa somente branco e pérolas e, em algumas casas, é tida como esposa de Obatalá. Sugiro colocarmos essa informação ou mesmo indicar em qual região ela é conhecida como a mais jovem. Abraços Luis Marcelo Paiva (discussão) 20h13min de 8 de Outubro de 2008 (UTC)

Yewa[editar código-fonte]

Yewa ou Ewá não é qualidade de Iemanjá e sim um Orixá separado. Luis Marcelo Paiva (discussão) 20h17min de 8 de Outubro de 2008 (UTC)

  • deviam falar mais das macumbas dela..

Artigo independente sobre Yemaya[editar código-fonte]

Ao que consta, Yemaya é apenas uma grafia alternativa de Iemanjá, como está escrito neste artigo. qual e tao a lógica de um artigo separado? Rui Gabriel Correia (discussão) 09h10min de 8 de novembro de 2014 (UTC)

Iemanjá, uma deusa NEGRA![editar código-fonte]

Uma deusa africana não pode ser (ou não deveria!), em hipótese alguma, BRANCA! O brancos se apropriaram da religião dos escravos, e embranqueceram seus orixás. O racismo é pratica comum na sociedade e nos deixou como legado mais um exemplo de sua vergonha.

No sub-título África já contém a definição da Orixá no continente africano. Quanto ao branqueamento de Iemanjá, escrevemos o que é descrito em livros e como é cultuada em todo território brasileiro e em outros países, conforme fontes que referenciam o texto. JMGM (discussão) 03h16min de 5 de fevereiro de 2015 (UTC)
Estou a tentar corrigir o Artigo trazendo a ancestralidade negra da divindade, o aspecto caucasiano a ela aderido vou deixar mais para a seção Brasil, e também há a página Iemanjá na Umbanda para os apreciadores desses novos dogmas. Luan di Nunes (discussão) 16h55min de 5 de dezembro de 2015 (UTC)
O propósito inicial quando foram criados artigos separados para Iemanjá na Umbanda, Batuque, Xambá era que os integrantes dessas religiões editassem em separado para não confundir o artigo principal, e futuramente quando tivesse material suficiente, discutir a fusão ou não desses artigos. JMGM (discussão) 06h41min de 26 de dezembro de 2015 (UTC)
Bem, creio q o artigo principal trate do Orixá na concepção de ancestral, englobando assim o batuque, onde a concepção é semelhante. Já na Umbanda o Orixá não é um ancestral, mas uma falange de trabalho, sendo nessa situação razoável manter os artigos distintos. Seria bom mais opiniões.Luan di Nunes (discussão) 22h49min de 27 de dezembro de 2015 (UTC)
Sim Luan, separei o Batuque a pedido de um batuqueiro que estava fazendo os artigos, por ele achar que tem muita coisa diferente do candomblé. Já a Umbanda foi melhor separar porque os umbandistas estavam editando os artigos dos Orixás com a versão deles e estava dando a maior confusão. JMGM (discussão) 23h08min de 27 de dezembro de 2015 (UTC)
Como lhe disse em outra ocasião, os pertencentes a cultos distintos são mesmo irredutíveis em suas concepções no trato a esta divindade. Por isso tenho extrapolado nas citações com as próprias palavras dos autores, evitando achismos como nos outros artigos. Particularmente o artigo Iemanjá na Umbanda pode ser interessante de ser reelaborado futuramente, pois engloba toda uma concepção brasileira muito bem documentada. Luan di Nunes (discussão) 01h20min de 28 de dezembro de 2015 (UTC)
Concordo sobre o artigo Iemanjá na Umbanda. Quanto a Categoria:Deusas mãe colocada no artigo Iemanjá tenho algumas reservas, não vi nem quem colocou, mas pela maioria das fontes Iemanjá é um Orixá e não uma deusa que na nação Jeje é o caso de Mawu que é uma deusa. Que acha? JMGM (discussão) 01h28min de 28 de dezembro de 2015 (UTC)
Em relação as categorias, atentarei a isso em breve, o artigo é pobre nas mesmas. Realmente os orixás não são deuses mas ancestrais, todavia Iemanjá em alguns orikis é reverenciada como Imolé, substância de conceito muito complicado, em algumas traduções alguns autores simplesmente traduzem como deus, deusa. Seria um assunto interessante para um artigo, já q não há Luan di Nunes (discussão) 01h55min de 28 de dezembro de 2015 (UTC)
Sim, seria um assunto interessante para um artigo, a dificuldade maior no início da criação dos artigos sobre Orixás é que não existiam muitas fontes fiáveis disponíveis na internet, mas agora já tem fontes até de sobra, já dá pra fazer alguma coisa melhor. JMGM (discussão) 03h02min de 28 de dezembro de 2015 (UTC)