Discussão:Parentesco

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Em grau de parentesco, o exemplo 'concunhado' não me parece enquadrado em contexto. Mais me parece que o texto se refere (essencialmente) a parentesco consanguíneo, enquanto que o exemplo calha em âmbito de parentesco por afinidade.

Na mesma secção, aborda-se o assunto do vínculo sogra+genro após o divórcio entre genro e filha/mulher. Também não se enquadra na secção pelo motivo apresentado no parágrafo anterior.

Acrescenta ainda que marido de cunhada não é parente, depois de definir-se 'concunhada' como grau de parentesco e com essa definição.o comentário precedente não foi assinado por Artfactor (discussão • contrib.) --Lucas Telesdê a voz 18h08min de 4 de Outubro de 2008 (UTC)

A sessão 'Sem nome' parece que está deslocada, e originalmente deveria contar na Desciclopédia o comentário precedente não foi assinado por Durval EHD (discussão • contrib.)

A seção citada foi removida. Aproveitei também para reorganizar os tópicos, que estavam meio confusos. --Whooligan msg 05h02min de 9 de fevereiro de 2009 (UTC)

A ilustração não bate com o texto[editar código-fonte]

Na ilustração da árvore de parentesco, o filho do irmão dos avós aparece como Tios de 2º grau, já no texto abaixo cita que o "primo do pai" e considerado primo de 2º grau. Existe uma incoerência. Filho do tio-avô é primo-tio.

Equívoco[editar código-fonte]

onde diz """inexistindo, em nível legal, o termo "ex-sogra". Vale afirmar que afinidade não gera afinidade, ou seja, o marido de sua cunhada (irmã da sua esposa) não é seu parente. O mesmo vale para os colaterais.""" mais é correto afirmar que existe concunhado não sei se no termo legal... concunhado substantivo masculino cunhado de um cônjuge em relação ao outro. POR FAVOR ALGUÉM QUE ADICIONE PQ NAO SEI ALTERAR COM "ESTILO WIKI"

Achei estranho constar, na tabela/imagem, a denominação "TATARAVÔ" para o pai do BISAVÔ. Fui pesquisar no dicionário e realmente o uso está equivocado...

O pai do bisavô é o TRISAVÔ ! Já tataravô é sinônimo de tetravô, ou seja, pai do trisavô !

Pode-se conferir a definição também no dicionário Michaelis on-line:

onde a definição atesta o erro neste artigo ! :-(

Depois desse erro, acredito que a tabela/imagem inteira perde a confiabilidade...

Me chamou à atenção o uso de concunhado que, também, me pareceu equivocado... pois chamo de concunhado os irmãos do meu cunhado e vice-versa... o que me parece ser a definição existente no mesmo Michalis, apesar de não tão clara: concunhado

Até+! Morais (discussão) 08h34min de 12 de março de 2011 (UTC)


Empiricamente, Isto está errado[editar código-fonte]

Todos os familiares com que falei não partilham esta forma de graus de parentesco. Penso que estes graus apenas se apliquem ao Brasil. Em Portugal, pelo menos socialmente, parece ser diferente.

Discussão:Primo-irmão[editar código-fonte]

Discussão transferida de Discussão:Primo-irmão, uma vez que foi aplicada a regra de eliminação rápida para discussões de páginas inexistentes Lijealso (discussão) 02h02min de 27 de novembro de 2013 (UTC)


ESR[editar código-fonte]

Sou contra a eliminação, pelo seguinte:

  • Uma parte pode até ser pesquisa inédita, mas a parte referenciada não é, ou seja, a página não pode ser removida com essa justificativa. Mas quando foi marcado isso, o artigo não tinha nenhuma fonte e coloquei depois. Se acham que tem algo contendo pesquisa inédita, removam.
  • A segunda ESR que quero comentar: Citação: Polyethylen escreveu: «Excepto a definição de dicionário, que parece senso comum e é de dicionário (...)» Nada impede que a fonte seja um dicionário, desde que seja fonte fiável. Coloquei um bem fiável. O que acredito estar falando é que a wikipédia não é um dicionário, mas isso não quer dizer que não pode uma fonte de dicionário. Ou algo diz isso? Se diz, me mostre. Citação: Polyethylen escreveu: «(...) nenhuma parte do artigo oferece fontes» Se esse era o problema, coloquei mais uma fonte.

Enfim, é isso. Espero que um eliminador ou sysop possa ver e notar bem a minha colocação. Não coloquei fonte em todas, mas apenas em algumas partes. Mas me pergunto: Todo o artigo deve ser removido porque uma parte está sem fontes? Pcmsg 03h35min de 4 de setembro de 2011 (UTC)

Acho que me fiz compreender mal. Vamos dividir o artigo em dois: primeiro uma introdução, que é uma definição de dicionário de primo, e depois um desenvolvimento.
As fontes só cobrem a introdução, ou seja, a definição de dicionário. O que é redundante e desnecessário, visto que até um iletrado sabe o que é um primo. Provavelmente arranja-se milhões de fontes no google, mas para quê? Para a segunda parte, ou seja, para o que faz disto um artigo, é que não há quaisquer fontes.
Podia-se só manter a definição, a primeira frase, e apagar o resto, mas aí violava-se WP:NODIC. Portanto, a não ser que as informações do corpo do artigo sejam provadas é caso de ER/ESR. Polyethylen (discussão) 13h28min de 4 de setembro de 2011 (UTC)

Nota: O texto que estava aqui foi removido, pois foi inserido por boneco de meia ilícito, conforme demonstrado aqui. O comentário seguinte pode estar descontextualizado.

Symbol support vote.svg Concordo Vamos fundir. Pcmsg 22h35min de 5 de setembro de 2011 (UTC)
Nenhuma parte da secção Origem do termo menciona fontes, portanto não há nada credível a ser fundido no outro artigo. Ou vai-se inserir informações sem fontes? Não havia problema nenhum se fosse uma coisa acessível ao senso comum, mas o que está ali, sinceramente, parece-me muito floreado ou inventado. Pode ser que não. Alguém arranja fontes? Polyethylen (discussão) 23h09min de 5 de setembro de 2011 (UTC)
Primo-irmão e prima-irmã não existe, porquê tio-pai e tia-mãe também não existem. Sou a favor da eliminação.

Invencionices[editar código-fonte]

Tiogro, Pribrino e Avogro, esses termos nao existem em portugues, e sao invencionices do autor da figura. Sugiro retirar esta referencia!

Figuras não correspondem com definições aceitas e correntes[editar código-fonte]

Sugiro uma revisão geral nas figuras deste artigo. As definições de graus de parentesco apresentam termos não usuais (inventados?) e não correspondem com a realidade da terminologia genealógica na língua Portuguesa (BR ou PT). Ao autor das figuras, peço que justifique sua escolha embasado em fontes confiáveis ou atenha-se ao vocabulário corrente. Jegardol (discussão) 13h57min de 8 de novembro de 2019 (UTC)

@Jegardol: apresentando fontes fiáveis e verificáveis, basta alterar/movificar/corrigir o texto. O "R" Aliado 17h30min de 8 de novembro de 2019 (UTC)
Mas se continuar editando sem a apresentação de fontes, ao léo, desrespeitando WP:VPV, será revertido e avisado. O "R" Aliado 17h33min de 8 de novembro de 2019 (UTC)