Discussão:Petrônio

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Autores de literatura gay[editar código-fonte]

A categoria:Autores de literatura gay foi removida pelo administrador André Koehne sem justificação. Petrónio, com a sua obra Satíricon, é considerado um dos autores de referência do homoerótico na literatura (ver glbtq.com]). Também a wikipedia em inglês, muito venerada pelo André, faz referência à homossexualidade do par de personagens principais (ver en:Petronius). Obviamente, como todos os autores e estudiosos são unânimes em referir, o construto "gay" apenas existe recentemente e apenas tem aplicação moderna. A sexualidade no tempo clássico romano era bem diferente da actual, tanto no que se refere à homo como à heterossexualidade. Mas não é isso que está aqui em causa! O que está em causa é que o objecto de estudo da literatura gay abrange todas as obras cuja leitura seja relevante para a cultura gay, e a homossexualidade de Roma, como precursora histórica e determinante das nossas concepções actuais de sexualidade, é fundamental para a sua compreensão. A leitura de Satiricon de Petrónio foi uma das primeiras portas a abrir-se, uma das primeiras luzes a indicar que não estavam sós, para muitos homossexuais dos séculos XIX e XX, reprimidos na sua própria família e na sociedade. É uma obra fundamental da literatura gay, e o seu autor, um dos autores principais da literatura gay.

Julgo que os argumentos expostos acima mais que justificam a reposição da categoria eliminada pelo André. No entanto, não o farei sem primeiro esperar, e depois analisar, os seus argumentos. --Jmx (discussão) 17h13min de 11 de Março de 2008 (UTC)