Discussão:Software proprietário

    Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

    Tradução ruim[editar código-fonte]

    A expressão software proprietário é empregada com frequência pelos profissionais da tecnologia da informação, vulgarmente conhecidos como os caras da TI, mas é mais uma daquelas traduções literais que não fazem sentido. No idioma português, segundo o dicionário Priberam, pro·pri·e·tá·ri·o (latim proprietarius, -a, -um) adjetivo, 1. Que tem a propriedade de alguma coisa. substantivo masculino 2. Aquele a quem uma coisa pertence em propriedade. 3. Dono de prédios. ("proprietário", in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2020, «Dicionário Priberam - proprietário»  [consultado em 30-05-2020].). Assim sendo, software proprietário seria o dono de algo e não propriedade de alguém. O erro é explicado pelo fato de na língua inglesa o adjetivo proprietary é entendido com o sentido de propriedade («Dicionário Merriam-Webster - proprietary» ). Gostaria de inserir esta observação no texto do artigo. Alguém se opõe? Alexandre M. B. de Miranda (discussão) 01h38min de 30 de maio de 2020 (UTC)Reply[responder]