Perturbação do sono

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Distúrbios do sono)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Perturbações do sono ou sonopatias são perturbações dos padrões de sono de uma pessoa ou animal. Algumas perturbações são graves o suficiente para interferir com o normal funcionamento do corpo a nível físico, mental, social e emocional. Entre os exames mais comuns para o diagnóstico de perturbações do sono estão a polissonografia e a actigrafia. As perturbações do sono podem ter diversas causas, desde bruxismo nos dentes até terrores noturnos. Os casos em que a pessoa tem dificuldade em adormecer ou em se manter adormecida sem que haja uma causa óbvia são denominados insónia.[1]

As perturbações do sono podem ser classificadas em dissonias, parassonias, perturbações do ritmo circadiano e outras perturbações, incluindo as que são causadas por problemas médicos ou psicológicos. Entre as perturbações do sono mais comuns estão a apneia do sono (paragens respiratórias durante o sono), narcolepsia, hipersonia (sono excessivo em horários inadequados), cataplexia (perda súbita de tónus muscular enquanto desperto), doença do sono, sonambulismo, terrores noturnos e enurese noturna.

Referências

  1. Hirshkowitz, Max (2004). «Chapter 10, Neuropsychiatric Aspects of Sleep and Sleep Disorders (pp 315-340)» (Google Books preview includes entire chapter 10). In: Stuart C. Yudofsky and Robert E. Hales, editors. Essentials of neuropsychiatry and clinical neurosciences 4 ed. Arlington, Virginia, USA: American Psychiatric Publishing. ISBN 978-1-58562-005-0. ...insomnia is a symptom. It is neither a disease nor a specific condition. (from p. 322)