Estudos sobre diversidade sexual

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Diversidade sexual)
Ir para: navegação, pesquisa

Estudos sobre diversidade sexual (também chamado de Estudos Queer e Estudos LGBT) é o estudo voltado as questões relacionadas à orientação sexual e identidade de gênero normalmente enfocando as pessoas LGBT.

Originalmente centrada na história LGBT e teoria literária, o campo se expandiu para incluir o estudo acadêmico das questões levantadas na biologia, sociologia, antropologia, história da ciência, filosofia, psicologia, sexologia, ciência política, ética e outros campos para um exame da identidade, vivência, história e percepção das pessoas queer. Marianne LaFrance, o ex-presidente da Larry Kramer Initiative for Lesbian and Gay Studies na Universidade de Yale,[1] diz: "Agora que estamos pedindo não apenas" O que faz com que a homossexualidade? [Mas também] 'O que faz com que a heterossexualidade? e "Porque é que a sexualidade tão central em perspectiva de algumas pessoas?'".[2]

Estudos queer não é o mesmo que a teoria queer, um ponto de vista analítica dentro dos estudos queer (centrado em estudos literários e filosofia) que desafia as categorias "socialmente construídas" de identidade sexual.

Atividade cultural[editar | editar código-fonte]

O termo diversidade sexual é mais usado em assuntos relacionando à militância, artes e ciências; o emprego correto do termo é exemplificado como "Festival Mix Brasil da Diversidade Sexual", ou seja, uma mostra de cinema e vídeo sobre gays, lésbicas, bissexuais, travestis e transgêneros. Esse festival custeia uma produção de aproximadamente 150 filmes por ano, em sua maioria curtas-metragens estando presente nas salas de cinema de capitais e cidades do Brasil. Além de cinema, o festival foi o primeiro a trazer ao Brasil manifestações como a famosa Parada da Diversidade, Mercado Mundo Mix e elaborou um site que contém alta rotatividade de informações.

O festival, tem hoje versões nas cidades de Brasília, Porto Alegre, Recife e Campinas, e prioriza discutir a diversidade sexual.


Ícone de esboço Este artigo sobre LGBT é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

Referências

  1. «Lesbian and Gay Studies at Yale». 2007-03-13. Consultado em 2016-08-10. 
  2. «Yale Alumni Magazine: Larry Kramer ’57 (April 2003)». archives.yalealumnimagazine.com. Consultado em 2016-08-10.