Divisões Perigosas: Políticas Raciais no Brasil Contemporâneo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Divisões Perigosas: Políticas Raciais no Brasil Contemporâneo
Divisões Perigosas.jpg

Capa com a escala cromática de classificação de cor de pele de Felix von Luschan.
Idioma português
País  Brasil
Assunto Antropologia, Política identitária, Quotas raciais no Brasil.
Arte de capa Domingos Guimaraens
Editora Civilização Brasileira.
Lançamento 2007
Páginas 366
ISBN 978-85-200-0790-7

Divisões Perigosas: Políticas Raciais no Brasil Contemporâneo é um livro organizado pelos antropólogos Peter Fry, Yvonne Maggie, Marcos Chor Maio, Simone Monteiro e Ricardo Ventura Santos que reúne artigos contrários à promoção de políticas públicas baseadas em critérios raciais. Quando foi escrito o livro, tramitavam no congresso o Projeto de Lei das Cotas Raciais (PL 73/99) e o Estatuto da Igualdade Racial (PL 3.198/2000).

Segundo os organizadores, o livro defende que "para debelar a discriminação racial é necessário extinguir a crença herdada do século XIX de que a aparência das pessoas revela qualidades ou defeitos morais e intelectuais. Para tanto, não podemos compactuar com políticas que entronizam o conceito de 'raça' na letra da lei."[1]

"É um dos poucos livros que, no atual cenário de discussões, se coloca criticamente em relação à implementação de políticas de recorte racial no Brasil." [2]

Conteúdo[editar | editar código-fonte]

Prefácio de Bolívar Lamounier
Preâmbulo de Bila Sorj, José Carlos Miranda e Yvonne Maggie
Apresentação dos Organizadores

Parte 1: Raça, Ciência e História

1. Tortuosos caminhos - César Benjamin
2. Receita para uma humanidade desracializada - Sérgio Pena
3. Ciências, bruxas e raças - Sérgio Pena
4. História da África - Para quê? - Wilson Trajano Filho
5. Histórias mal contadas - José Roberto Pinto de Góes
6. Abolição da abolição - Demétrio Magnoli
7. O diálogo entre Nina Rodrigues e Juliano Moreira: do racismo ao anti-racismo - Ana Teresa A. Venancio
8. Roquette-Pinto e o anti-racismo no Brasil - Dominichi Miranda Sá e Nisia Trindade Lima
9. Racismo à moda americana - Ronaldo Vainfas
10. Da atualidade de Gilberto Freyre - Manolo Florentino
11. O branco da consciência negra - José de Souza Martins

Parte 2: Quem é Negro no Brasil?

1. Das estatísticas de cor ao estatuto da raça - Simon Schwartzman
2. Genocídio racial estatístico - José Murilo de Carvalho
3. Pardos - Demétrio Magnoli
4. O Brasil não é bicolor - Carlos Lessa
5. Aprendizes de feiticeiro - George Zahur
6. Ministério da classificação racial - Demétrio Magnoli
7. Excesso de cor - Isabel Lustosa

Parte 3: Educação

1. Eles deveriam pedir desculpas, de joelhos - Sidney Goldenzon
2. Introduzindo o racismo - Peter Fry
3. Cotas e racismo - Ricardo Ventura Santos e Marcos Chor Maio
4. Cotas nas universidades públicas - José Goldemberg e Eunice Durham
5. As cotas raciais na universidade - Luis Nassif
6. O pomo da discórdia: sobre as cotas raciais e o debate na UERJ - Francisco Carlos Palomanes Martinho
7. Cotas e raciologia contemporânea - Ricardo Ventura Santos
8. Debate sobre cotas no Cebrap - Simon Schwartzman
9. O racismo vira lei - José Roberto Pinto de Góes

Parte 4: Saúde

1. Por uma história da saúde e da doença do escravo no Brasil - Ângela Pôrto
2. Que aumento é esse? - Peter Fry
3. Afrodescendentes - Demétrio Magnoli
4. Sobre cor/raça e Aids no Brasil - Claudia Travassos
5. Duas histórias representativas - Yvonne Maggie
6. O SUS é racista? - Marcos Chor Maio, Simone Monteiro e Paulo Henrique Almeida Rodrigues
7. AfroAtitude: a fabricação de uma identidade racial? Simone Monteiro

Parte 5: Raça em Tudo?

1. A racialização do Brasil - Mário Maestri
2. Quando nem todos os cidadãos são pardos - Ricardo Cavalcanti-Schiel
3. Memória, vitimização e o futuro do Brasil - Bernardo Sorj
4. Política social de alto risco - Peter Fry e Yvonne Maggie
5. Constituição do racismo - Demétrio Magnoli
6. Um Brasil de cotas raciais? - Marcos Chor Maio e Ricardo Ventura Santos
7. O Estatuto da Igualdade Racial: uma questão de princípio - Mônica Grin
8. Somos todos irmãos - Ferreira Gullar
9. Movimento negro: combater ou capitular? - Roque Ferreira
10. Um estatuto para dividir e cotas para iludir - José Carlos Miranda
11. A reflexão que vale a pena ser feita: contra as cotas raciais - José Roberto Militão
12. Pode-se criar uma cisão racial - Uma entrevista com Peter Fry

Apêndices

1) Carta Pública ao Congresso Nacional: Todos têm direitos iguais na República Democrática (2006)
2) Racialização das políticas sociais: mais olhares críticos.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre antropologia ou um antropólogo é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  1. Divisões Perigosas, p. 22.
  2. Carlos Linhares Veloso Filho & Juliana Fernandes Kabad, Cadernos de Saúde Pública vol. 26 no. 1, Rio de Janeiro, Jan. 2010, p.211.