Dobri Dobrev

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Translation arrow.svg
Este artigo ou secção resulta, no todo ou em parte, de uma tradução do artigo «Dobri Dobrev» na Wikipédia em inglês, na versão original. Você pode incluir conceitos culturais lusófonos de fontes em português com referências e inseri-las corretamente no texto ou no rodapé. Também pode continuar traduzindo ou colaborar em outras traduções. Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)


Dobri Dobrev
Dobri Dobrev
Nome completo Dobri Dimitrov Dobrev
Nascimento 20 de julho de 1914
Bailovo, Bulgária
Morte 13 de fevereiro de 2018 (103 anos)
Kremikovtsi Monastery
Nacionalidade Búlgaro
Ocupação Caridade

Dobri Dimitrov Dobrev (em búlgaro: Добри Димитров Добрев) ( 20 de julho de 1914 - 13 de fevereiro de 2018), também conhecido como Vovô Dobri, Velho Dobri ou O Santo de Bailovo[1] foi um pedinte búlgaro que andava vários quilômetros por dia até os entornos da Catedral de Alexandre Nevsky em Sofia para recolher dinheiro para causas beneficentes. Dobri viveu numa humilde acomodação, vivendo somente de uma pensão mensal de 80 euros. Apesar disso, o Santo de Bailovo doava todo o dinheiro que recolhia para instituições de caridade, orfanatos, igrejas e mosteiros. Dobri era cristão ortodoxo. Seu nome em búlgaro significa bom ou gentil.

Vida[editar | editar código-fonte]

Dobri Dobrev nasceu em 20 de julho de 1914, na aldeia de Bailovo. Seu pai Dimitar morreu na Primeira Guerra Mundial e sua mãe Katerina[2] teve que criar seus filhos sozinha. Dobrev não se lembra dos anos de sua juventude e escola . Ele decidiu casar-se por volta de 1940, mesmo ano em que a Bulgária entrou na Segunda Guerra Mundial . Em um dos atentados de Sofia uma bomba caiu perto dele e ele perdeu quase toda a audição. Dobrev e sua esposa tiveram quatro filhos,dos quais dois sobreviveram.

Ao longo dos anos Dobrev ficou separado dos aspectos materiais da vida e dedicou-se inteiramente ao mundo espiritual . Em 2000, ele decidiu doar todos os seus bens para a igreja ortodoxa e passou a viver modestamente em uma pequena extensão para o Santos Cirilo e Metódio igreja paroquial em sua aldeia natal de Bailovo. Sobre o tempo que ele embarcou em sua missão de arrecadar fundos para a restauração de igrejas e mosteiros em toda a Bulgária. É esta nova direção na vida e o exemplo que ele dá com seu ascetismo que levou muitos a chamá-lo de The Saint of Bailovo..[3]

Morte[editar | editar código-fonte]

Morreu aos 103 anos de idade em Kremikovtsi.[4]

Caridade[editar | editar código-fonte]

Ao longo de sua vida, Dobrev doou mais de 80.000 lev búlgaros (40.000 €) a igrejas, mosteiros e outras ações nobres. Entre as suas maiores doações estão:

  • 10.000 lev búlgaros (5000 €) para a igreja paroquial dos Santos Cirilo e Metódio, na sual Bailovo natal;
  • 25.000 lev búlgaros (12.500 €) para a restauração do mosteiro Eleshnishki da Mãe Maria localizado a leste de Sófia, e para a igreja local, na aldeia de Gorno Kamartsi;
  • 35.700 lev búlgaros (~ 20.000 €) para a Catedral de Alexander Nevsky, em Sófia, que é a maior doação da história conhecida nos mais de 100 anos da catedral.

Citação[editar | editar código-fonte]

A boa vontade é justa e verdadeira. Tudo nela é bom. Não devemos mentir nem roubar, nem cometer adultério. Devemos amar uns aos outros como Deus nos ama.

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. «Дядо Добри». БНТ. 17 de dezembro de 2010. Consultado em 27 de setembro de 2012. 
  2. «Дядо Добри – светецът от Байлово | Българска история». Българска история (em búlgaro). 19 de julho de 2013 
  3. «Дядо Добре Добрев – божий странник, пътник от бъдещето, Деси Велева». в. „Дума“. 17 de dezembro de 2011. Consultado em 27 de setembro de 2012. 
  4. «Elder Dobri passes away at 103» (em inglês) 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]