Doja Cat

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Doja Cat
Doja Cat em janeiro de 2020
Nome completo Amalaratna Zandile Dlamini
Nascimento 21 de outubro de 1995 (24 anos)
Los Angeles, Califórnia, Estados Unidos
Nacionalidade norte-americana
Ocupação
Período de atividade 2013–presente
Carreira musical
Gênero(s)
Instrumento(s)
Gravadora(s)
Afiliações
Página oficial
dojacat.com

Amalaratna Zandile Dlamini (Los Angeles, 21 de outubro de 1995),[1] conhecida profissionalmente como Doja Cat é uma cantora, rapper e compositora norte-americana.[2] Nascida e criada em Los Angeles, ela assinou um contrato de gravação com a RCA Records em 2014,[3] lançando posteriormente seu extended play de estreia, Purrr!, e uma série de singles, incluindo "Go to Town", "So High" e "Tia Tamera". Doja Cat ganhou destaque em 2018 com seu single "Mooo!", que se tornou um videoclipe viral.[4]

Doja Cat lançou seu primeiro álbum de estúdio, Amala, em 2018 e uma remontagem deluxe em 2019. Ela lançou o single "Juicy" em agosto de 2019, que alcançou o número 45 na Billboard Hot 100 dos EUA, ganhando Doja Cat sua primeira entrada na parada. Em novembro de 2019, Doja Cat lançou seu segundo álbum de estúdio, Hot Pink, que produziu o bem-sucedido single "Say So". Em 2020, "Say So" alcançou o número um na Billboard Hot 100 (EUA) e o nº 2 no UK Singles Chart (Reino Unido), tornando-se sua primeira música a entrar nas paradas de vários países.

Biografia

Amalaratna Zandile Dlamini nasceu em 21 de outubro de 1995 em uma família artística em Tarzana, Los Angeles.[5][6] Sua mãe, Deborah Elizabeth Sawyer, uma pintora, é uma americana branca de herança judaica.[7] Seu pai ausente, Dumisani Dlamini, é um ator sul-africano, compositor e produtor de filmes da etnia zulu mais conhecido por Sarafina!.[8][9] Após o nascimento, ela se mudou imediatamente para Rye, Nova York, onde morou por cinco anos.[10] Ela voltou para Oak Park, Califórnia, com sua mãe solteira, onde experimentou uma "infância esportiva", frequentemente patinando e visitando Malibu para campos de surf.[11] Foi nessa época que ela participou de aulas de balé, sapateado e jazz.[11] Sua mãe tocou músicas de artistas como D'Angelo, Jamiroquai, Tupac, Earth, Wind & Fire e Erykah Badu em casa.[10][12] Ela voltou para Sherman Oaks, Los Angeles, aos 11 anos e meio, onde morou em um ashram e praticou o hinduísmo por quatro anos.[13][14][15] Durante esse período, ela também participou de aulas de breakdance, juntando-se ainda mais a uma tropa competitiva.[11]

Carreira

2012-2017: Início de carreira

Doja abandonou o ensino médio aos 16 anos, quando estava no primeiro ano,[16] e passou um tempo baixando batidas do YouTube para criar sua própria música.[17] Ela aprendeu a usar o GarageBand.[16][11] Ela mencionou que a vida após o abandono do ensino médio era "bagunçada". Nos primeiros meses, ela carregou músicas no SoundCloud e as retirou rapidamente, até "So High" no final de 2012,[7] da qual ela se lembra de ter chorado depois de atrair 12 visualizações. Ela recebeu seu nome artístico, "Doja Cat", de um de seus gatos e sua variedade favorita de maconha. Ela declarou: "Eu era muito viciada em maconha e cultura de maconha, então, quando comecei a bater, pensei na palavra 'doja' e em como ela se parece com o nome de uma garota".[18]

Aos 17 anos, Doja Cat assinou com a RCA Records um acordo de joint venture com a gravadora de Dr. Luke, Kemosabe Records, em 2014.[19][20] Ela assinou com eles no final de 2013, mas o acordo foi finalizado no início de 2014. Ela se recusou a comentar sobre sua conexão com Luke através de Kemosabe.[7] Mais tarde naquele ano, sob o selo MAU Records, Doja Cat lançou seu EP de estreia, Purrr!, que foi descrito como "R&B espacial e de influência oriental" pela The Fader.[21] "So High" foi relançado como single antes do lançamento do EP. A música também foi destaque na série de TV Empire no terceiro episódio da primeira temporada.[5] Ela continuou a lançar músicas no SoundCloud quando começou a ganhar mais atenção. Em meados de 2015, a OG Maco anunciou via Twitter que Doja Cat havia assinado com sua gravadora, OGG.[22] Após a assinatura, no final de 2016, os dois artistas colaboraram em "Monster" na mixtape de Maco, Children of the Rage (2017).[23] Até então, ela também havia começado a colaborar com outros artistas, como Elliphant, seu parceiro de Kemosabe, e os rappers baseados no Soundcloud, Skoolie Escobar, Pregnant Boy e frumhere.

2018–2019: Amala e "Mooo!"

Em 1 de fevereiro de 2018, ela lançou o single "Roll with Us", que entrou na parada Global Viral 50 do Spotify após o lançamento.[24] Em 9 de março de 2018, ela lançou "Candy" e "Go to Town", o último dos quais continha um videoclipe que foi lançado no mesmo dia.[25] "Go to Town" foi elogiado pelo HotNewHipHop por seus "vocais delicados e letras adoráveis", observando que a música possui o "ponto ideal de assinatura de Doja Cat entre pop e sons influenciados por R&B".[26] Em 30 de março de 2018, o álbum de estreia do Doja Cat, Amala, foi lançado.[27]

Em 10 de agosto de 2018, Doja Cat enviou o videoclipe completamente produzido por si "Mooo!" no YouTube. O single é uma canção de novidade com letras absurdas, onde ela fantasia em ser uma vaca.[28] O vídeo chamou atenção e elogios de artistas populares como Chance the Rapper, Katy Perry e Chris Brown.[19] Devido à demanda popular após o sucesso viral do videoclipe, Doja Cat lançou uma única versão de "Mooo!" em 31 de agosto de 2018.[29] Em fevereiro de 2019, Doja Cat lançou o single e o vídeo que acompanhava "Tia Tamera", com Rico Nasty, que precedeu o lançamento de uma edição deluxe de Amala.[30] O relançamento do álbum incluiu três novas músicas, incluindo "Mooo!". Sua performance no ColorsXStudios de "Juicy", uma coprodução de seu chefe de gravadora, Dr. Luke, em março de 2019, a música final retirada do relançamento de Amala, ganhou mais de 21 milhões de visualizações no YouTube.[31] Um remix de "Juicy" com Tyga e seu videoclipe foi lançado em agosto de 2019. A música alcançou na posição quarenta e um na Billboard Hot 100.[32]

2019–presente: Hot Pink

Em 26 de outubro de 2019, ela lançou o single "Rules" e anunciou seu segundo álbum de estúdio, Hot Pink.[33] Hot Pink foi lançado em 7 de novembro de 2019 para críticas geralmente favoráveis. O álbum alcançou a posição 9 na Billboard 200.[34] Seu álbum de estreia, Amala, também entrou na Billboard 200 pela primeira vez na posição 138 na época do lançamento do Hot Pink.[34] Durante o final de novembro de 2019, seu single "Candy" (lançado em março de 2018) se tornou viral na plataforma de compartilhamento de vídeos TikTok,[35] fazendo sua primeira entrada solo (posição 86) na Billboard Hot 100,[36] como bem como Austrália, Canadá e Irlanda. Em 15 de dezembro de 2019, Doja Cat contribuiu com "Boss Bitch" para a trilha sonora do filme de super-herói Birds of Prey em 23 de janeiro de 2020.[37] O single entrou nas paradas de 28 países, incluindo Estados Unidos, Canadá, França, Itália, Japão e Reino Unido.

Doja em 2019

Em 28 de janeiro de 2020, a música "Say So" foi enviada ao rádio, tornando-se o quinto single de seu álbum Hot Pink.[38] A música foi lançada originalmente ao lado do álbum em novembro de 2019, mas ganhou imensa popularidade através da plataforma de compartilhamento de vídeos TikTok. Doja Cat cantou a música no The Tonight Show Starring Jimmy Fallon, em 26 de fevereiro de 2020.[39] No dia seguinte, Doja Cat lançou o videoclipe da música, dirigido por Hannah Lux Davis.[40] A versão solo de "Say So" alcançou o número cinco na Hot 100, tornando-se o primeiro single do top 10 de Doja Cat,[41] e até agora tem sido a música mais reproduzidas em 2020 por uma artista feminina nos Estados Unidos.[42]

Em 25 de março de 2020, a Doja Cat estava pronto para embarcar no Hot Pink Tour, antes de ser adiado devido à pandemia do COVID-19. A turnê foi planejada para incluir quinze shows em toda a América do Norte, incluindo duas apresentações no Coachella.[43][44] Em uma entrevista com Nick Cannon no Power 106 em maio de 2020, Doja Cat anunciou que lançaria um novo single (possivelmente intitulado "N*ggas Ain't Shit") que ela vazou anteriormente em uma live no Instagram. Ela também afirmou que estaria fazendo algumas "auto-filmagens" devido à pandemia do COVID-19. Em maio de 2020, após o lançamento de um remix de "Say So", com Nicki Minaj, o single liderou a Billboard Hot 100, tornando-se o primeiro single número um das duas artistas. O remix também marcou a primeira colaboração feminina desde "Fancy", de Iggy Azalea, com Charli XCX, bem como a primeira colaboração feminina de rap a chegar ao topo da parada.[45][46][47] Em 21 de maio de 2020, Doja Cat participou de um remix do single do cantor canadense The Weeknd "In Your Eyes".[48][49]


Discografia

Ver artigo principal: Discografia de Doja Cat

Turnês

Principal

  • Purrr! Tour (2014)
  • Amala Spring Tour (2017–2018)
  • Amala Fall Tour (2018–2019)
  • Hot Pink Tour (2020; adiada por causa da pandemia de COVID-19)

Ato de abertura

Referências

  1. «Amalaratna Zandile Dlamini, Born 10/21/1995 in California | CaliforniaBirthIndex.org». www.californiabirthindex.org (em inglês). Consultado em 26 de agosto de 2018 
  2. «Doja Cat went viral. Now what? A hip-hop meme star gets serious, sort of, for her second act». Los Angeles Times. 30 de outubro de 2019 
  3. «Doja Cat». RCA Records 
  4. «The 10 Best Music Videos of 2018». www.vulture.com. Consultado em 1 de abril de 2019 
  5. a b «24-year-old Doja Cat is this month's 'One To Watch' Artist!». www.kissradio.ca. Consultado em 22 de maio de 2020 
  6. «Interview: Meet Doja Cat, the Artist Behind the Legendary Song 'Mooo!'». Enfnts Terribles (em inglês). 10 de março de 2019. Consultado em 22 de maio de 2020 
  7. a b c «Doja Cat will do whatever she wants». The FADER (em inglês). Consultado em 22 de maio de 2020 
  8. «WATCH: Doja Cat brings up absent dad Dumisani Dlamini with Whoopi Goldberg». www.iol.co.za (em inglês). Consultado em 22 de maio de 2020 
  9. Wells, Veronica (22 de abril de 2020). «"It's Crazy, You Got To Meet Him & I Didn't" Doja Cat To Whoopi Goldberg About Her Father, Sarafina! Star Dumisani Dlamini». MadameNoire. Consultado em 22 de maio de 2020 
  10. a b Hughes, Aria; Hughes, Aria (30 de outubro de 2018). «Who Is Doja Cat?». WWD (em inglês). Consultado em 22 de maio de 2020 
  11. a b c d Dazed (29 de agosto de 2018). «Speaking to Doja Cat, the IG Live auteur behind viral hit 'Mooo!'». Dazed (em inglês). Consultado em 22 de maio de 2020 
  12. Penrose, Nerisha (11 de novembro de 2019). «Doja Cat Just Wants to Make Rap Colorful». ELLE (em inglês). Consultado em 22 de maio de 2020 
  13. «Doja Cat talks early MySpace rap battles, practicing Hinduism, and more on First Times». The FADER (em inglês). Consultado em 22 de maio de 2020 
  14. Staff, X. X. L. «Doja Cat Wants to Be Taken Seriously as a Rapper». XXL Mag (em inglês). Consultado em 22 de maio de 2020 
  15. Dummy. «Doja Cat is ten steps ahead of your favourite rapper». DummyMag (em inglês). Consultado em 22 de maio de 2020 
  16. a b «How Doja Cat broke the internet». British GQ (em inglês). Consultado em 22 de maio de 2020 
  17. «Doja Cat: Get to Know the 'Mooo!' Singer». Billboard. 19 de novembro de 2018. Consultado em 22 de maio de 2020 
  18. Forney, Emily (26 de dezembro de 2019). «Her Real Name Is Amala Zandile Dlamini». POPSUGAR Celebrity (em inglês). Consultado em 22 de maio de 2020 
  19. a b Tenbarge, Kat. «How Doja Cat harnessed viral moments on YouTube and TikTok to rocket to the top of the Billboard charts». Insider. Consultado em 22 de maio de 2020 
  20. «Doja Cat 'Hot Pink' Interview: Talks Sophomore Album, Working With Smino and Hip-Hop Influences». Billboard. 22 de novembro de 2019. Consultado em 22 de maio de 2020 
  21. «LA Singer Doja Cat Drops Her New EP Purrr!». The FADER (em inglês). Consultado em 22 de maio de 2020 
  22. «Doja Cat Signs to OG Maco's Label OGG». HYPEBEAST. Consultado em 22 de maio de 2020 
  23. Ivey, Justin. «OG Maco Drops 'Monster' With Doja Cat - XXL». XXL Mag (em inglês). Consultado em 22 de maio de 2020 
  24. Skope. «DOJA CAT RELEASES "GO TO TOWN"» (em inglês). Consultado em 22 de maio de 2020 
  25. «Doja Cat Releases New Track "Candy" From Her Forthcoming Debut Album 'Amala' Due Out March 30th Via RCA Records». RCA Records (em inglês). Consultado em 22 de maio de 2020 
  26. «Doja Cat Drops Off New Vibes on "Roll With Us"». HotNewHipHop (em inglês). Consultado em 22 de maio de 2020 
  27. «She's About to Be Everywhere: Get to Know Doja Cat». PAPER (em inglês). 30 de março de 2018. Consultado em 22 de maio de 2020 
  28. «Everyone is saying Doja cat is 'cancelled' after she tweeted homophobic slurs». The Daily Dot (em inglês). 29 de agosto de 2018. Consultado em 22 de maio de 2020 
  29. «Doja Cat will release an updated version of "Moo" on Spotify and iTunes». The FADER (em inglês). Consultado em 22 de maio de 2020 
  30. «Doja Cat & Rico Nasty Collide for New Collaborative Single "Tia Tamera"». HYPEBEAST. Consultado em 22 de maio de 2020 
  31. «Doja Cat - Juicy». COLORSXSTUDIOS (em inglês). Consultado em 22 de maio de 2020 
  32. «Chart Climber: Doja Cat Moves Past The Meme With "Juicy"». Genius (em inglês). Consultado em 22 de maio de 2020 
  33. «Doja Cat shares new song "Rules," announces Hot Pink album details». The FADER (em inglês). Consultado em 22 de maio de 2020 
  34. a b «Doja Cat: Billboard 200». Billboard. Consultado em 22 de maio de 2020 
  35. «Teens on TikTok are obsessed with Doja Cat's 'Candy'». The Daily Dot (em inglês). 25 de novembro de 2019. Consultado em 22 de maio de 2020 
  36. «Doja Cat: Billboard Hot 100». Billboard. Consultado em 22 de maio de 2020 
  37. kimberlly (1 de fevereiro de 2020). «Doja Cat divulga Boss Bitch para a trilha sonora de 'Aves de Rapina'». Medium (em inglês). Consultado em 22 de maio de 2020 
  38. «Top 40/M Future Releases». All Access Music Group. 23 de janeiro de 2020. Consultado em 22 de maio de 2020 
  39. «Doja Cat canta "Say So" em sua 1ª apresentação no programa do Jimmy Fallon». PAPELPOP. 2 de março de 2020. Consultado em 22 de maio de 2020 
  40. «Doja Cat lança clipe inspirado nos anos 70 para faixa disco "Say So"». Tracklist. 27 de fevereiro de 2020. Consultado em 22 de maio de 2020 
  41. «Megan Thee Stallion & Doja Cat Battling for No. 1 on Hot 100». Billboard. 8 de maio de 2020. Consultado em 22 de maio de 2020 
  42. McIntyre, Hugh. «These Are The 10 Most-Streamed Songs In The U.S. In The First Three Months Of 2020». Forbes (em inglês). Consultado em 22 de maio de 2020 
  43. Moorwood, Victoria (25 de fevereiro de 2020). «Doja Cat announces tour in support of 'Hot Pink'». REVOLT (em inglês). Consultado em 22 de maio de 2020 
  44. «Coachella Announces 2020 Lineup». NBC 7 San Diego (em inglês). Consultado em 22 de maio de 2020 
  45. «Doja Cat's "Say So," Featuring Nicki Minaj, Tops Hot 100». Billboard. 11 de maio de 2020. Consultado em 22 de maio de 2020 
  46. «Nicki Minaj conquista #1 na Billboard com remix de "Say So" e agradece a Doja Cat». PAPELPOP. 11 de maio de 2020. Consultado em 22 de maio de 2020 
  47. Arris, Victor (11 de maio de 2020). «"Say So", de Doja Cat com Nicki Minaj, lidera a Billboard Hot 100». POPline. Consultado em 22 de maio de 2020 
  48. «The Weeknd lança remix de 'In Your Eyes' com participação de Doja Cat». TodaTeen. 22 de maio de 2020. Consultado em 22 de maio de 2020 
  49. Minsker, Evan. «Doja Cat Remixes the Weeknd's "In Your Eyes"». Pitchfork (em inglês). Consultado em 22 de maio de 2020 
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.