Domínio de Mito

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Domínio de Mito ( 水 戸 藩, Mito-han?) Foi um domínio do Período Edo da História do Japão. Estava localizado na Província de Hitachi na atual Ibaraki[1].

Desde a nomeação de Tokugawa Yorifusa por seu pai, o Shogun Tokugawa Ieyasu em 1608, o ramo Mito do Clã Tokugawa governou a região até a abolição do sistema han em 1871. Durante o Período Edo, Mito foi o epicentro do nativismo, em grande parte devido à Mitogaku, uma influente escola de pensamento em favor da filosofia política japonesa Sonnō jōi. Apoiou o Dai Nihon-shi (A História do Grande Japão) estabelecendo a tradição do intelectualismo no Domínio. Os estudiosos de Mito e sua ideologia influenciaram muitos revolucionários posteriores envolvidos na Restauração Meiji[2].

Lista dos Daimyō[editar | editar código-fonte]

  1. Nobuyoshi
  1. Yorinobu (1583–1603)
  1. Yorifusa - (1609–1661)
  2. Mitsukuni - (1661-1690)
  3. Tsunaeda
  4. Munetaka
  5. Munemoto
  6. Harumori
  7. Harutoshi
  8. Narinobu
  9. Nariaki
  10. Yoshiatsu
  11. Akitake

Referências

  1. Japanese Castle Explorer
  2. Koschmann, J. Victor. The Mito Ideology (em inglês) Berkeley: University of California Press, 1987 pag 34 - 43 ISBN 9780520057685
  3. "Tokugawa (Mito)" no Nobiliare du Japon, (em francês) p. 64
Ícone de esboço Este artigo sobre História do Japão é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.