Don't Let Me Be the Last to Know

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
"Don't Let Me Be the Last to Know"
Single de Britney Spears
do álbum Oops!... I Did It Again
Lançamento 17 de Janeiro de 2001
Formato(s) CD Single
Gravação Novembro - Dezembro de 1999
Gênero(s) Pop
Duração 3:50
Gravadora(s) Jive [1]
Composição Robert Lange, Keith Scott, Shania Twain
Produção Robert Lange
Cronologia de singles de Britney Spears
"Stronger"
(2000)
"I'm a Slave 4 U"
(2001)
Lista de faixas de Oops!... I Did It Again
(I Can't Get No) Satisfaction
(4)
"What U See (Is What U Get)"
(6)

"Don't Let Me Be The Last To Know" (em português: Não Me Deixe Ser A Última A Saber) é uma canção da cantora pop americana Britney Spears, presente em seu segundo álbum de inéditas, lançado em 2000, Oops!... I Did It Again. Foi lançada como single em 26 de Março de 2001 como o quarto e último single do álbum. Foi escrita por Robert Lange, Keith Scott e Shania Twain; Lange também produziu a canção. Spears a gravou com seus vocais em Novembro e Dezembro de 1999, no Lange Chateau na Suíça.[2] A canção rendeu a Spears uma indicação no Nickelodeon Kids' Choice Awards em 2002, na categoria de "Melhor Canção".[3]

Videoclipe[editar | editar código-fonte]

O vídeo de Don't Let Me Be the Last to Know, foi dirigido por Herb Ritts. Foi gravado em Key Biscane, Flórida, e se tornou a oitava música de Spears com vídeo a conseguir ser enviado para realizar as retiradas para o programa Total Request Live na MTV.

O vídeo mostra Spears de biquíni e short na praia com o seu namorado, desta vez, interpretado pelo modelo francês Brice Durand. O vídeo começa com o casal em um hammock ao longo da praia, a jogar rapidamente e mostrar o seu amor, entre abraços e carícias. Também são mostradas cenas deles juntos em uma fogueira durante a noite. Ele também foi nomeado na Billboard Music Awards na categoria de Best Adult Contemporary Video.

O lançamento do vídeo estava previsto para lançar em 14 de fevereiro de 2001, mas a edição do vídeo provocou ciúmes em Justin Timberlake, namorado de Spears na época. Além disso, a mãe da cantora, Lynne Spears ordenou que cortassem algumas cenas com conteúdo sexual explícito, o lançamento do vídeo teve de ser adiada para Março de 2001. Finalmente, o vídeo foi um sucesso, estreou em #1 na TRL, da MTV, uma posição que ocupou por duas semanas.

Recepção[editar | editar código-fonte]

"Don't Let Me Be the Last to Know" não foi disponibilizada comercialmente nos Estados Unidos, apesar de ter sido lançada nas rádios em Abril de 2001. Entretanto, devido a baixo airplay, a canção não apareceu em nenhum chart principal da Billboard. Já no Canadá, a canção atingiu a trigésima quarta posição no Canadian Singles Chart.[4] A canção também atingiu a nona posição no Eurochart Hot 100 Singles.[5] O single atingiu o Top 10 na Suíça e na Áustria,[6][7] e teve um sucesso moderado em outros locais, atingindo o Top 20 no Reino Unido e na Alemanha.[4] "Don't Let Me Be the Last to Know" teve um lançamento limitado na Austrália, onde foram produzidas e distribuidas apenas mil cópias físicas do single. Devido a isso, foi lançada no país uma edição do álbum Oops!... I Did It Again que inclui o single como disco bônus.[8]

Faixas[editar | editar código-fonte]

Charts[editar | editar código-fonte]

Chart (2001) Posição
Austrian Singles Chart 7
Belgian Flemish Singles Chart[9] 13
Belgian Walloon Singles Chart[10] 34
Canadian Singles Chart[4] 34
Danish Singles Chart[11] 14
Dutch Singles Chart[12] 21
Eurochart Hot 100 Singles 9
Finnish Singles Chart[13] 17
French SNEP Singles Chart[14] 27
German Singles Chart 12
Irish Singles Chart[15] 12
Italian Singles Chart[16] 22
Norwegian Singles Chart[17] 20
Swedish Singles Chart[18] 12
Swiss Singles Chart 9
UK Singles Chart[19] 12
U.S. Billboard Top 40 Mainstream[20] 36

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Site Oficial da 'Jive'
  2. Basham, David (19 de novembro de 1999). «Britney Spears Works On Next LP In Switzerland, Sweden». MTV News. Consultado em 19 de julho de 2009 
  3. Todd Martens (6 de março de 2002). «Familiar Faces Lead Kids' Choice Nominations». Billboard magazine. Consultado em 19 de julho de 2009  [ligação inativa]
  4. a b c «German Singles Chart». Mariah Charts. 24 de março de 2001. Consultado em 19 de julho de 2009 
  5. Music & Media (9 de abril de 2001). «European Top 20 Chart» (PDF). ARIA Net. Consultado em 19 de julho de 2009 
  6. «Austrian Singles Chart». Austrian Charts. 8 de abril de 2004. Consultado em 19 de julho de 2009 
  7. «Swiss Singles Chart». Swiss Charts. 25 de março de 2001. Consultado em 19 de julho de 2009 
  8. «"oops I did it again" Special Edition on Amazon.com». Amazon.com. Consultado em 22 de julho de 2009 
  9. Ultratop (7 de abril de 2001). «Belgian Flemish Singles Chart». Consultado em 19 de julho de 2009 
  10. Ultratop (21 de abril de 2001). «Belgian Walloon Singles Chart». Consultado em 19 de julho de 2009 
  11. Tracklisten (10 de outubro de 2002). «Danish Singles Chart». Danish Charts. Consultado em 18 de julho de 2009 
  12. MegaCharts (31 de março de 2001). «Dutch Singles Chart». Dutch Charts. Consultado em 19 de julho de 2009 
  13. «Finnish Singles Chart». Finnish Charts. 12 de Week de 2001. Consultado em 19 de julho de 2009  Verifique data em: |data= (ajuda)
  14. Syndicat National de l'Édition Phonographique (14 de abril de 2001). «French Singles Chart». Les Charts. Consultado em 19 de julho de 2009 
  15. Irish Recording Music Association (29 de março de 2001). «Irish Singles Chart». Irish Charts. Consultado em 19 de julho de 2009 
  16. «Don't Let Me Be The Last To Know - Italian Singles Chart». Federation of the Italian Music Industry. Consultado em 2010  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  17. VG-lista (13 de Week de 2001). «Finnish Singles Chart». Norwegian Charts. Consultado em 19 de julho de 2009  Verifique data em: |data= (ajuda)
  18. Sverigetopplistan (26 de abril de 2001). «Swedish Singles Chart». Swedish Charts. Consultado em 19 de julho de 2009 
  19. The Official Charts Company (April, 2001). «UK Singles Chart». Every Hit. Consultado em 19 de julho de 2009  Verifique data em: |data= (ajuda)
  20. «Britney Spears U.S. Singles Chart Info - BuzzJack». buzzjack.com. Consultado em 16 de dezembro de 2010