Don Hewitt

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Don Hewitt
Nascimento 14 de dezembro de 1922
Nova Iorque
Morte 19 de agosto de 2009 (86 anos)
Bridgehampton
Cidadania Estados Unidos
Cônjuge Frankie Hewitt
Ocupação diretor de televisão, jornalista, roteirista, produtor cinematográfico
Prêmios Prêmio Peabody, Emmy
Magnum opus 60 Minutes
Causa da morte câncer pancreático

Donald Shepard "Don" Hewitt (14 de dezembro de 1922 - 19 de agosto de 2009) foi um jornalista estadunidense. Ele é mais conhecido por ter sido o criador do programa da CBS 60 Minutes.[1]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Hewitt começou na CBS News, em 1948 e atuou como produtor e diretor com Douglas Edwards por quatorze anos. Ele também foi o primeiro diretor de See It Now, co-produzido pelo apresentador Edward R. Murrow e Fred W. Friendly, que começou em 1951. Em 1956, Hewitt foi o único a capturar em filme os momentos finais do SS Andrea Doria enquanto afundava e desaparecia embaixo d'água.

Ele dirigiu a produção televisiva do primeiro debate dos candidatos à presidência dos EUA em 1960 entre o senador John F. Kennedy e o vice-presidente Richard M. Nixon em 26 de setembro de 1960, nos estúdios da CBS em Chicago. Estes foram os primeiros debates dos candidatos à presidência já televisionados. Mais tarde, ele se tornou produtor executivo do telejornal CBS Evening News com Walter Cronkite, comandando a famosa transmissão do assassinato de John F. Kennedy à medida que a história se desenvolvia.

Ele então lançou o programa vencedor do Emmy Award, 60 Minutes.

Hewitt foi uma figura fundamental na transmissão televisiva de um documentário de 1996 sobre o escândalo da indústria do tabaco envolvendo a empresa de tabaco Brown & Williamson, em que o programa relatou as alegações do denunciante Jeffrey Wigand. O escândalo foi a inspiração para o filme O Informante de 1999, onde Hewitt foi interpretado no filme por Philip Baker Hall.

A queda dos índices de audiência no 60 Minutes contribuiu para que Hewitt deixasse o cargo de produtor executivo do programa, apesar do lucro estimado de mais de US $ 20 milhões por ano.

Referências

  1. «Don Hewitt, criador de '60 Minutos', morre aos 86 anos». G1. Consultado em 18 de julho de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]