Dora Cadavid

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Dora Cadavid
Outros nomes Dorita
Nascimento 23 de novembro de 1937
Medellín, Colômbia
Nacionalidade colombiana
Morte 31 de janeiro de 2022 (84 anos)
Bogotá, Colômbia
Ocupação Atriz, cantora e locutora
Cônjuge José Luis Córdova (m. 1993)

Dora Cadavid (Medellín, 23 de novembro de 1937Bogotá, 31 de janeiro de 2022) foi uma atriz, cantora e locutora colombiana.[1][2] Ficou conhecida no Brasil por sua atuação em produções televisivas como Café com aroma de mulher (1994-1995), onde interpretou dona Cecília (que na trama era a matriarca da família Vallejo), e Betty, a feia (1999-2001), como a amável Inesita (possivelmente o seu papel mais famoso mundialmente).

Cadavid era viúva desde 1993. Aposentada de sua carreira, decidiu viver num lar para idosos após a morte de seu único filho em 2012. Foi lá onde ela passou os seus últimos anos de vida, quando veio a falecer em 31 de janeiro de 2022, aos 84 anos, em decorrência de problemas respiratórios.

Além disso, ela era a tia materna das atrizes María Cecilia Botero e Ana Cristina Botero.

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Colarte. «Dora Cadavid». Colarte. Consultado em 25 de maio de 2011 
  2. «Fallece actriz de 'Yo soy Betty, la fea', Dora Cadavid». El Comercio. 31 de janeiro de 2022. Consultado em 1 de fevereiro de 2022 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]