Duarte de Armas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Duarte de Armas
Nascimento 1465
Lisboa
Morte Século XV
Cidadania Portugal
Ocupação arquiteto
Detalhe do "Livro das Fortalezas" (c. 1509) mostrando Duarte d'Armas (a cavalo) e seu ajudante a caminho da vila de Monsanto. Os dois personagens são mostrados ao mesmo tempo no sopé do morro e também a meio caminho do topo.

Duarte de Armas, também grafado como Duarte d'Armas (Lisboa, 1465 - Lisboa?, 1???), foi um escudeiro da Casa Real e "debuxador" português.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Filho de Rui Lopes de Veiros, escudeiro da Casa Real, bacharel em Direito Canônico e notário apostólico, que exerceu as funções de escrivão da Livraria Régia e da Torre do Tombo.

Hábil no desenho, foi encarregado por Manuel I de Portugal para levantar o estado das fortificações da fronteira com Castela, o que fez em planta e em panorâmicas, com as respectivas medidas, sinais cartográficos e notas explicativas, de Castro Marim a Caminha.

Além do chamado Livro das Fortalezas (Códices A e B), conhecemos apenas a referência a mais dois trabalhos deste profissional, também a mando de D. Manuel:

Acredita-se que em 1516 ainda vivia e trabalhava, em Lisboa, onde terá morrido em data ignorada.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • NUNES, António Lopes Pires. Dicionário de Arquitetura Militar. Casal de Cambra: Caleidoscópio, 2005. 264p. il. ISBN 972-8801-94-7 p. 95.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.