Dynacom

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Dynacom
Slogan Bem-vindo ao Mundo da Tecnologia (atual)
Sempre marca (anterior)
A Dynacom é fera (anterior)
Sempre um novo desafio (anterior)
Fundação 1981
Encerramento fevereiro de 2011
Sede Brasil São Paulo, Brasil
Proprietário(s) Ceder Eletrônica
Produtos Videogames, microcomputadores e eletroeletrônicos

A Dynacom foi uma empresa brasileira de videogames, micro computadores e eletrônicos de consumo na área de telefonia (Dynaphone), iluminação (Dynalux) e produtos de consumo como câmeras digitais, MP3, MP4, MP5 e MP6.

História[editar | editar código-fonte]

A empresa foi criada em 1981 e ficou famosa graças à sua produção de acessórios e videogames, fruto da Lei de Reserva de Mercado. A empresa também comercializava MP3 players, MP6 (com emulador de NES),[1] gamepads, joysticks, entre outros eletrodomésticos.

Em 2010, a empresa fechou as portas depois de um lançamento que parecia promissor: o Cybergame, console emulador multiplataformas.

Em 2011, a empresa anulou o contrato de licenciamento de uso da sua marca pela Ceder Eletrônica[2] e desde então retirou sua página do ar e cessou a produção de seus produtos ao longo do ano.

Referências

Produtos[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre empresa e/ou corporação de jogos eletrônicos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.